O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Todas as Estrelas do Jogo do EURO 2020

Confira quem venceu o prémio Estrela do Jogo Heineken após cada encontro do UEFA EURO 2020.

UEFA via Getty Images

O prémio Estrela do Jogo Heineken foi atribuído ao melhor em campo em cada jogo do UEFA EURO 2020.

Uma actualização do usual prémio Melhor em Campo, os troféus feitos à mão da Estrela do Jogo levaram meses a estar prontos e foram lixados à mão, pintados, polidos e finalizados com a estrela vermelha da Heineken – um tributo único de uma estrela para outra estrela.

Os Observadores Técnicos da UEFA decidiram quem foi premiado, com o troféu oficial a ser entregue ao bem sucedido candidato após o apito final. As equipas a negrito (abaixo) são as dos jogadores escolhidos.

Jornada 1

Estrela do Jogo: veja Sterling dar a vitória à Inglaterra
Estrela do Jogo: veja Sterling dar a vitória à Inglaterra

11/06: Turquia 0-3 Itália – Leonardo Spinazzola
12/06: País de Gales 1-1 Suíça – Breel Embolo
12/06: Dinamarca 0-1 FinlândiaChristian Eriksen
12/06: Bélgica 3-0 Rússia – Romelu Lukaku
13/06: Áustria 3-1 Macedónia do Norte – David Alaba
13/06: Países Baixos 3-2 Ucrânia – Denzel Dumfries
13/06: Inglaterra 1-0 Croácia – Raheem Sterling
14/06: Escócia 0-2 República Checa – Patrik Schick
14/06: Polónia 1-2 Eslováquia – Milan Škriniar
14/06: Espanha 0-0 Suécia – Victor Lindelöf
15/06: Hungria 0-3 Portugal – Cristiano Ronaldo
15/06: França 1-0 Alemanha – Paul Pogba 

Jornada 2

16/06: Turquia 0-2 País de Gales – Gareth Bale
16/06: Itália 3-0 Suíça – Manuel Locatelli
16/06: Finlândia 0-1 Rússia – Aleksei Miranchuk
17/06: Dinamarca 1-2 Bélgica – Romelu Lukaku
17/06: Ucrânia 2-1 Macedónia do Norte – Andriy Yarmolenko
17/06: Países Baixos 2-0 Áustria – Denzel Dumfries
18/06: Croácia 1-1 República Checa – Luka Modrić
18/06: Inglaterra 0-0 Escócia – Billy Gilmour
18/06: Suécia 1-0 Eslováquia – Alexander Isak
19/06: Espanha 1-1 Polónia – Jordi Alba
19/06: Hungria 1-1 França – László Kleinheisler
19/06: Portugal 2-4 Alemanha – Robin Gosens

Jornada 3

20/06: Itália 1-0 País de Gales – Federico Chiesa
20/06: Suíça 3-1 Turquia – Xherdan Shaqiri
21/06: Finlândia 0-2 Bélgica – Kevin De Bruyne
21/06: Rússia 1-4 Dinamarca – Andreas Christensen
21/06: Ucrânia 0-1 Áustria – Florian Grillitsch
21/06: Macedónia do Norte 0-3 Países Baixos – Georginio Wijnaldum
22/06: República Checa 0-1 Inglaterra – Bukayo Saka
22/06: Croácia 3-1 Escócia – Nikola Vlašić
23/06: Suécia 3-2 Polónia – Emil Forsberg
23/06: Eslováquia 0-5 Espanha – Sergio Busquets
23/06: Alemanha 2-2 Hungria – Joshua Kimmich
23/06: Portugal 2-2 França – Karim Benzema

Oitavos-de-final

26/06: País de Gales 0-4 Dinamarca – Kasper Dolberg
26/06: Itália 2-1 Áustria (ap) – Leonardo Spinazzola
27/06: Países Baixos 0-2 República Checa – Tomáš Holeš
27/06: Bélgica 1-0 Portugal – Thorgan Hazard
28/06: Croácia 3-5 Espanha (ap) – Sergio Busquets
28/06: França 3-3 Suíça (ap, Suíça vence 5-4 nas gp) – Granit Xhaka
29/06: Inglaterra 2-0 Alemanha – Harry Maguire
29/06: Suécia 1-2 Ucrânia (ap) – Oleksandr Zivchenko

Quartos-de-final

02/07: Suíça 1-1 Espanha (ap, Espanha vence 3-1 nas gp) – Unai Simón
02/07: Bélgica 1-2 Itália – Lorenzo Insigne
03/07: República Checa 1-2 Dinamarca – Thomas Delaney
03/07: Ucrânia 0-4 Inglaterra – Harry Kane

Meias-finais

06/07: Itália 1-1 Espanha (ap, Itália vence por 4-2 nos penáltis) – Federico Chiesa
07/07: Inglaterra 2-1 Dinamarca (ap) – Harry Kane

Final

11/07: Itália 1-1 Inglaterra (ap, Itália vence por 3-2 nos penáltis) – Leonardo Bonucci

Observadores Técnicos da UEFA

Packie Bonner, Esteban Cambiasso, Fabio Capello, Cosmin Contra, Corinne Diacre, Jean-François Domergue, Dušan Fitzel, Steffen Freund, Frans Hoek, Aitor Karanka, Robbie Keane, Ginés Meléndez, David Moyes, Mixu Paatelainen, Peter Rudbæk, Willi Ruttensteiner