Combata a COVID-19 seguindo as indicações da Organização Mundial de Saúde e os cinco passos da FIFA para travar a propagação da doença.

1. Lavar as mãos 2. Tossir para o antebraço 3. Não tocar no rosto 4. Manter a distância física 5. Ficar em casa.
Mais informação >
 

EURO 1996: Tudo o que precisa de saber

Oliver Bierhoff foi o herói do torneio, graças a um "golo de ouro", no regresso do futebol à pátria que o viu nascer. O UEFA.com recorda todas as emoções.

A Alemanha, vencedora do EURO '96, é felicitada pela Rainha Isabel II em Wembley
A Alemanha, vencedora do EURO '96, é felicitada pela Rainha Isabel II em Wembley Popperfoto via Getty Images

Quem ganhou o EURO '96?

Resumo da final do EURO '96: Alemanha 2-1 República Checa
Resumo da final do EURO '96: Alemanha 2-1 República Checa

A Alemanha recuperou de desvantagem na final do EURO '96 e derrotou a República Checa por 2-1 em Wembley, a 30 de Junho, conquistando o seu primeiro título do EURO após a reunificação. Finalista vencida em 1992, a Alemanha parecia à beira de nova desilusão quando Patrik Berger marcou de penalty, mas Berti Vogts fez entrar Oliver Bierhoff e tudo mudou. Durante o tempo regulamentar o avançado fez o empate e aos quatro minutos do prolongamento decidiu a partida. O remate para o segundo golo pode ter sido fraco, mas foi o suficiente para entrar na baliza de Petr Kouba, tornando-se no primeiro "golo de ouro" na história da competição. "Ele mereceu bastante o que lhe aconteceu", disse o colega Matthias Sammer. "Todos beneficiámos com isso, mas ele mereceu o momento que teve".

Quem foram os melhores marcadores do EURO '96?

Alan Shearer encerrou um jejum de 21 meses sem marcar pela selecção e sagrou-se melhor marcador do torneio, com cinco golos, apontados frente a Suíça, Escócia, Países Baixos (dois) e Alemanha. Também facturou nos desempates por penalties frente a Espanha e Alemanha, mas a Inglaterra acabou derrotada pelos germânicos nas meias-finais. O oportunista avançado continua a ser figura icónica no Newcastle United, apesar de ter conquistado o único título relevante na sua carreira (a Premier League em 1994/95) com o Blackburn.

Já o croata Davor Šuker marcou 12 golos no Grupo 4 e terminou como goleador-mor da fase de qualificação, com a sua equipa a estrear-se na competição após a dissolução da antiga Jugoslávia. Na altura ao serviço do Sevilha, o antigo avançado do Dinamo Zagreb deu nas vistas quando marcou numa inesperada vitória por 2-1 sobre a Itália em Palermo. Após a fase final transferiu-se para o Real Madrid, sagrando-se campeão na primeira época e ganhando a UEFA Champions League na segunda.

Onde se realizou o EURO '96?

A Inglaterra recebeu o seu primeiro Campeonato da Europa da UEFA em 1996. Os jogos realizaram-se em oito cidades: Birmingham, Leeds, Liverpool, Londres, Manchester, Newcastle, Nottingham e Sheffield.

Quem orientou a equipa vencedora do EURO '96?

Resumo: Os melhores golos do EURO '96
Resumo: Os melhores golos do EURO '96

Berti Vogts guiou a Alemanha até ao sucesso no EURO '96. Tinha substituído no cargo Franz Beckenbauer, seu antigo colega na selecção, em 1990, quando o país ainda não estava reunificado. Finalista vencido no EURO '92, conseguiu fazer melhor no EURO '96, com a vitória sobre a República Checa na final a exorcizar os demónios da derrota sofrida 20 anos antes, quando fez parte da equipa derrotada pela Checoslováquia no jogo decisivo. Enquanto jogador, o defesa Vogts ganhou o EURO 1972 e o Campeonato do Mundo de 1974. Após a selecção alemã, foi seleccionador de Koweit, Escócia, Nigéria e Azerbaijão.

Berti Vogts é o único homem a ter ganho o EURO como jogador e como treinador
Berti Vogts é o único homem a ter ganho o EURO como jogador e como treinadorPopperfoto via Getty Images

Quem foi o capitão vitorioso do EURO '96?

Com Lothar Matthäus lesionado, Jürgen Klinsmann capitaneou a Alemanha em Inglaterra e foi um dos seus jogadores mais influentes, marcando três golos e disputando a final apesar de ter sofrido uma lesão nos gémeos que o afastou das meias-finais. Klinsmann somou 47 golos em 108 jogos pela selecção e facturou nos seis torneios de selecções em que participou. O "Filho do Padeiro", como era conhecido, orientou a Alemanha no Mundial de 2006, realizado em solo alemão, terminando a prova no terceiro lugar.

Qual foi o formato do EURO '96?

O primeiro EURO com 16 equipas decorreu entre 8 e 30 de Junho de 1996 e começou com uma fase de grupos, composta por quatro grupos de quatro equipas e, pela primeira vez, com a vitória a valer três pontos (o empate continuou a valer um). Os vencedores dos grupos (Inglaterra, França, Alemanha e Portugal) defrontaram os segundos classificados (Países Baixos, Espanha, República Checa e Croáia) nos quartos-de-final, uma eliminatória nova na fase a eliminar.

Quantas equipas participaram no EURO '96?

Resumo do EURO 96: Alemanha - Inglaterra
Resumo do EURO 96: Alemanha - Inglaterra

A fase final do Europeua contou pela primeira vez com 16 equipas, seis delas estreantes na fase final, um recorde na competição: Bulgária, Suíça, Turquia e as agora independentes República Checa, Croácia, Rússia.

Como funcionou a fase de qualificação do EURO '96?

Quarenta e sete equipas participaram na fase de qualificação do EURO '96, com os jogos a serem disputados entre Abril de 1994 e Dezembro de 1995. Entre as novidades estavam Arménia, Azerbaijão, Bielorrússia, Geórgia, República da Moldávia, Ucrânia, República Checa, Eslováquia, Croácia, Macedónia do Norte, Eslovénia e Liechtenstein. As equipas foram divididas em oito grupos: sete com seis e um com cinco. Todas jogaram entre si, em casa e fora, e pela primeira vez a vitória passou a valer três pontos em vez de dois. O vencedor de cada grupo e os seis melhores segundos classificados qualificaram-se para a fase final, enquanto os dois piores segundos classificados (Países Baixos e República da Irlanda) disputaram um "play-off" a duas mãos, ganho pela selecção "laranja".

Qual foi a Equipa do Torneio do EURO '96?

GR: Andreas Köpke (Alemanha)
DF: Laurent Blanc (França)
DF: Marcel Desailly (França)
DF: Matthias Sammer (Alemanha)
DF: Paolo Maldini (Itália)
MD: Paul Gascoigne (Inglaterra)
MD: Karel Poborský (República Checa)
MD: Dieter Eilts (Alemanha)
AV: Alan Shearer (Inglaterra)
AV: Hristo Stoichkov (Bulgária)
AV: Davor Šuker (Croácia)

Resumo: Chapéu de Šuker no EURO ‘96
Resumo: Chapéu de Šuker no EURO ‘96

Quem marcou o primeiro golo no EURO '96?

Alan Shearer terminou uma série de 12 jogos consecutivos sem marcar por Inglaterra ao apontar o primeiro golo do EURO '96, numa partida realizada em Wembley, Londres. Recebeu um passe interior de Paul Ince e desferiu um potente remate para o fundo das redes, colocando os anfitriões a vencer a Suíça aos 23 minutos. No entanto, os helvéticos responderam e igualaram a partida, graças a um penalty tardio de Kübilay Türkyilmaz, conseguindo assim um ponto.

O norte-irlandês Jimmy Quinn tinha marcado o primeiro golo da fase de quaificação, logo aos quatro minutos da goleada por 4-1 da sua equipa ao Liechtenstein, em Belfast, a 20 de Abril de 1994. O próximo jogo da qualificação só aconteceu quase cinco meses depois. Natural de Belfast, o avançado passou grande parte da carreira nas divisões inferiores do futebol inglês, e em 1994 teve uma passagem pelo Reading com relativo sucesso. Teve uma carreira longa que só terminou aos 46 anos.

Cinco factos essenciais do EURO '96

Veja o chapéu de Poborský no EURO ‘96
Veja o chapéu de Poborský no EURO ‘96

• A música oficial de Inglaterra, intitulada "Três Leões" e que continha no refrão "o futebol está de regresso a casa", foi assumida pelo campeão da prova e atingiu o Nº16 nas tabelas musicais alemãs.

• O ilusionista Uri Geller, autoproclamado psíquico, afirmou que os seus poderes fizeram a bola mexer-se antes do penalty do escocês Gary McAllister ter sido defendido, numa altura em que a sua equipa perdia com a Inglaterra por 1-0.

• A Alemanha bateu o recorde da URSS ao atingir uma fase final pela quinta vez, conquistando o seu terceiro título no EURO. Espanha e França são os outros países com mais do que um título.

• Alan Shearer foi o melhor marcador do EURO '96, com cinco golos. Com outros dois que marcou no EURO 2000 o craque inglês é o terceiro melhor marcador na história da fase final, atrás de Michel Platini e Cristiano Ronaldo.

• Tal como em 1988, os finalistas de 1996 também se defrontaram na fase de grupos. A Alemanha venceu duas vezes a República Checa: primeiro por 2-0 e depois por 2-1.

Conteúdos relacionados

Topo