O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Final coroa mês inesquecível para Jug

"Vou recordar o mês de Junho de 2013 para sempre", afirma o árbitro esloveno Matej Jug, pai pela segunda vez há poucos dias e nomeado para dirigir a final do Europeu de Sub-21, em Israel.

Matej Jug radiante por apitar a final
Matej Jug radiante por apitar a final ©Sportsfile

Este é um momento de enorme responsabilidade para o árbitro esloveno Matej Jug. O juiz de 32 anos foi nomeado para dirigir a final de terça-feira do Campeonato da Europa de Sub-21, em Jerusalém, entre Itália e Espanha, poucos dias depois de celebrar o nascimento do seu segundo filho, Miha. Jug explicou ao UEFA.com que o apoio da sua família e do seu colega e compatriota Damir Skomina, com quem esteve no UEFA EURO 2012 , constituem "uma enorme motivação" para si.

UEFA.com: Parabéns pela sua nomeação para a final. Como se sentiu ao ter conhecimento da notícia?

Matej Jug: Trata-se, naturalmente, de uma grande notícia. Fiquei encantado. É uma enorme honra para qualquer árbitro estar numa final e, claro, ao mesmo tempo, uma enorme responsabilidade. É, pois, muito importante contar com o apoio da família neste nosso percurso e a minha família sempre me ofereceu o seu total apoio. Nos últimos dias fui pai pela segunda vez e este será mais outro acontecimento muito especial para mim: vou recordar o mês de Junho de 2013 para sempre. São estas coisas que nos conferem a motivação para tentarmos ser ainda melhores.

UEFA.com: Como está a ser, para si e para a sua equipa, a experiência vivida neste torneio e que desafios este vos tem colocado?

Jug: Hoje em dia é cada vez mais importante contar com uma equipa de árbitros de grande qualidade e é fundamental que exista uma grande camaradagem entre ela, tanto dentro como fora do relvado. Por isso tentamos encontrar os nossos pontos positivos e negativos, vemos vídeos de situações de jogo e analisamos as equipas de forma a podermos estar ao nosso melhor nível em campo. Agora, o importante é estarmos bem preparados para a final. O futebol actual é disputado a um nível elevadíssimo, pelo que olhamos para as equipas que vão estar frente-a-frente em termos técnicos e tácticos, para podermos estar no nosso melhor.

UEFA.com: Até que ponto tem sido importante a experiência por si adquirida em jogos da UEFA e enquanto membro da equipa de arbitragem liderada por Damir Skomina no UEFA EURO 2012?

Jug: Claro que arbitrei já alguns jogos na UEFA Europa League, mas penso que este torneio é a maior competição em que estive a seguir ao EURO. Este é um passo muito importante na minha carreira e vai ajudar-me a atingir um nível ainda mais elevado. É um enorme orgulho para mim estar aqui. Posso dizer que aprendi muito com o Damir. Ele é um dos melhores árbitros da actualidade, dá-me muitos conselhos e estar ao seu lado num grande torneio como o EURO foi uma experiência fantástica para mim. Damir já me deu os parabéns pela minha nomeação para a final, ficou muito feliz por ter visto a escolha recair num árbitro esloveno.

UEFA.com: Já dirigiu, no passado, uma final da Taça do seu país. Como se prepara para um jogo grande?

Jug: Para mim todos os jogos são iguais, sejam jogados ao mais alto nível ou não. Passo sempre pela mesma rotina. É importante ter o nosso próprio estilo e a nossa forma própria de nos prepararmos para um jogo.