Preparativos rumo a Israel

Os treinadores dos oito finalistas têm a última oportunidade para avaliarem os jogadores que aspiram a estar presentes na fase final do Europeu, numa série de amigáveis em Março.

Guy Luzon, seleccionador de Israel
©IFA

Com a fase final a menos de três meses de distância, os finalistas têm nos próximos dias uma oportunidade vital para se prepararem, à medida que ultimam os planos para o Campeonato da Europa de Sub-21.

A própria natureza deste nível competitivo significa que novos jogadores podem constituir opção quase a partir do nada. Uma boa prestação com a camisola do clube pode catapultar aqueles que não faziam parte das escolhas do seleccionador – ou que talvez estivessem alinhavados para a edição 2013–15, devido à sua juventude – para o lote final, ou até mesmo ajudá-los a garantir a titularidade.

A maior parte das equipas que vão estar presentes em Israel no Verão vão disputar dois jogos nesta pausa internacional, com o treinador da Inglaterra, Stuart Pearce, a chamar 28 jogadores – um número que será reduzido a 23 a seu devido tempo. "Estes jogos com Roménia e Áustria são os últimos antes de escolher os 23 jogadores que vão participar no torneio", disse Pearce. Enquanto a Inglaterra optou por defrontar adversários que não vão estar em Israel, os restantes finalistas assumiram uma abordagem diferente.

De há dois anos a esta parte que os anfitriões se têm limitado a realizar amigáveis. Com esse longo período de preparação quase completo, os seus próximos jogos, frente a Holanda e Alemanha – em Petah Tivka e Telavive, respectivamente – devem fornecer uma avaliação mais precisa sob o quanto evoluíram sob o comando de Guy Luzon. Também é uma oportunidade para os visitantes ficarem a conhecer alguns dos palcos da fase final.

Tal como Israel, a Noruega participa na fase final apenas pela segunda vez, e tal como os anfitriões, vai defrontar duas equipas que fazem parte do outro grupo do torneio. O único jogo de Março que vai ter repetição em Junho é entre Espanha e Rússia, que vai ter lugar em Alcorcon, com ambas as equipas a terem a possibilidade de afirmar as suas intenções antes de a competição a sério começar.

Amigáveis Sub-21 de Março
Inglaterra-Roménia, 21 de Março (Wycombe)
Israel-Holanda, 21 de Março (Petah Tivka)
Itália-Rússia, 22 de Março (Cittadella)
Espanha-Noruega, 23 de Março (Toledo)
Israel-Alemanha, 24 de Março (Telavive)
Holanda-Noruega, 25 de Março (Waalwijk)
Espanha-Rússia, 25 de Março (Alcorcon)
Inglaterra-Áustria, 25 de Março (Brighton)

Topo