O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Anderlecht não resiste ao campeão Chelsea

Chelsea 3-0 Anderlecht
Kasey Palmer, o capitão Charlie Colkett e Tammy Abraham fizeram os golos do apuramento tranquilo do campeão para a final de segunda-feira.

Assista aos golos do detentor do troféu, o Chelsea, que bateu o Anderlecht por 3-0 em Nyon, nas meias-finais da UEFA Youth League.
1504_AND-CHE_AMB
  • Campeão Chelsea apura-se para a final da UEFA Youth League com exibição convincente
  • Após Kasey Palmer abrir o activo, Tammy Abraham amplia vantagem
  • Charlie Colkett faz um golo na meia-final pelo segundo ano consecutivo
  • Mason Mount, suplente entrado após o intervalo, assiste para o segundo e terceiro golos
  • Chelsea aumenta para 14 o número de jogos invicto na UEFA Youth Europa

Vencedor em 2015, o Chelsea assegurou a sua presença na final da UEFA Youth League ao bater confortavelmente o Anderlecht, também derrotado nesta fase há um ano.

O Anderlecht cedo recebeu um aviso quando, de cabeça, Kasey Palmer atirou ao poste. A meio da primeira parte a equipa belga ficou em desvantagem, com Kasey Palmer a combinar com Tammy Abraham após o que rematou, fazendo a bola entrar junto do poste mais distante. O capitão Charlie Colkett coroou a sua boa exibição com o segundo tento, antes de Abraham obter o golo que o seu desempenho fez por merecer, batendo sem oposição Mile Svilar após desmarcação de Mason Mount.

Jogador-chave: Tammy Abraham
O número 9 do Chelsea tem uma presença imponente. O atacante conduziu a equipa com tranquilidade, atirando de cabeça ao poste nos primeiros instantes antes de assistir Palmer num inteligente passe atrasado. Manteve os defesas-centrais do Anderlecht ocupados todo o jogo e soma agora oito golos em outros tantos jogos na UEFA Youth League.

Tammy Abraham vigiado por Wout Faes, do Anderlecht
Tammy Abraham vigiado por Wout Faes, do Anderlecht©Sportsfile

Vancamp subjugado
Em contraste, o melhor marcador esta época do Anderlecht na prova, Jorn Vancamp, raramente teve bola. Tendo iniciado a partida a jogar um pouco atrás do avançado Emil Abaz, após o intervalo Vancamp adiantou-se no campo sem sucesso, nunca tendo sido capaz de contrariar o domínio exercido pelos defesas-centrais do Chelsea.

Ano diferente, a mesma história
Ambas as equipas jogaram pelo segundo ano consecutivo a meia-final, acabando o resultado por ser mesmo para o Anderlehct. Com quatro jogadores em campo que perderam em 2015 com o Shakhtar Donetsk – o guarda-redes Mile Svilar, Samy Bourard, Gilles Denayer e o capitão Nathan De Medina –, nenhum deles nem qualquer outro dos seus colegas foram capazes de fazer a diferença frente a uma equipa do Chelsea confiante e serena.