O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Dínamo procura lugar na final

Faustino Pérez reconheceu que o Dínamo não conhece muito bem o adversário da meia-final, o Iberia Star Tbilisi, que mudou de treinador e grande parte da equipa antes do encontro de sexta-feira.

Faustino Pérez (à esquerda) e Aleksandr Sarkisyan tiraram uma fotografia com o troféu antes do encontro das meias-finais
Faustino Pérez (à esquerda) e Aleksandr Sarkisyan tiraram uma fotografia com o troféu antes do encontro das meias-finais ©Sportsfile

Faustino Pérez reconheceu que o MFK Dinamo não conhece muito bem o Iberia Star Tbilisi, a equipa que acolhe a fase final da Taça UEFA de Futsal, antes dos dois clubes medirem forças nas meias-finais de sexta-feira na capital da Geórgia.

O espanhol Pérez levou o Playas de Castellón FS a vencer esta prova em 2001/02 e 2002/03, mas na época passada já estava no comando do Dínamo quando os campeões europeus de 2006/07 foram batidos pelo FC Barcelona na final disputada em Lleida. O Iberia Star, que deve contar com o apoio de quase dez mil espectadores, está pela primeira vez nesta fase, isto depois de ter participado em todas as edições da prova, mas muita coisa mudou desde que os georgianos eliminaram o Benfica na ronda de elite disputada em Outubro na Geórgia.

O clube contratou entretanto o cotado internacional sérvio Marko Perić e os brasileiros Fabinho, Marcel Ribeiro e Kumano, para além do antigo futebolista Gaga Tibilashvili. Na semana passada o treinador Sergio Benatti foi substituído pelo adjunto Aleksandr Sarkisyan no comando da equipa.

"Não temos muitas informações sobre o nosso adversário", confessou Pérez. "Antes de pensar em conquistar o troféu, temos de nos concentrar no desafio de sexta-feira. Se vencermos, podemos começar a pensar em ganhar o troféu."

O treinador do clube russo, que não pode contar com o guarda-redes Gustavo devido a castigo, acrescentou: "Assisti a alguns particulares que o Iberia disputou na Rússia. A equipa sofreu muitas mudanças nas últimas semanas. Também vi o encontro com o Benfica e alguns jogos do campeonato. Não tenho muitas informações sobre os reforços."

Sarkisyan, um antigo jogador do Ibéria que faz parte da equipa técnica há cinco anos e que já esteve por duas vezes no comando da equipa, afirmou: "Assumiu o comando da equipa só há dez dias, mas já estou há muito tempo no Iberia Star. Claro que não é possível fazer grandes mudanças em tão pouco tempo, por isso limitei-me a fazer pequenas correcções.

"Tivemos algumas alterações na equipa. Os brasileiros Bruno Melo, Romário, Betinho e Roninho saíram depois da ronda de elite e foram jogar para a Ucrânia. Contratámos para os seus lugares o Marcel Ribeiro, o Fabinho e o Kumano. Há quatro dias garantimos os serviços do Marko Perić, um internacional sérvio que jogou na Rússia.

"Jogámos a pensar nos adeptos e amanhã todos são bem-vindos ao Palácio dos Desportos. Encaro o Dínamo como um adversário forte, pois na época passada foi finalista, mas considero que as duas equipas têm as mesmas hipóteses. Espero que o pavilhão esteja esgotado e que todos possam assistir a um grande espectáculo."