Factos e números da primeira mão

O recorde fora da Fiorentina acabou, o Sevilha aumentou série de triunfos em casa, houve primeiro empate com golos nas meias-finais e Unai Emery está perto de registo marcante.

o Sevilha festeja durante o triunfo contra a Fiorentina
o Sevilha festeja durante o triunfo contra a Fiorentina ©AFP/Getty Images

A vitória do Sevilla FC, por 3-0, sobre a ACF Fiorentina foi a nona consecutiva em casa na UEFA Europa League – apenas uma abaixo do recorde partilhado por Club Atlético de Madrid e SL Benfica.

• A derrota da Fiorentina foi a primeira fora na UEFA Europa League, cessando um registo recorde na competição de 11 partidas. Tratou-se apenas do seu terceiro desaire em 23 jogos na prova: as derrotas anteriores ocorreram em Florença ante Juventus (0-1) e FC Dinamo Minsk (1-2).

• A vitória do Sevilha foi a segunda maior numa meia-final da UEFA Europa League depois do triunfo do FC Porto, por 5-1, sobre o Villarreal CF, em 2010/11, igualmente na primeira mão. Nenhuma equipa venceu ainda qualquer partida das meias-finais por mais de três golos.

• O treinador do Sevilha, Unai Emery, orientou na recepção à Fiorentina o 48º jogo na UEFA Europa League – mais dez do que qualquer outro – e atingirá a meia centena em Varsóvia, caso a sua equipa consiga apurar-se para a final.

• Apenas uma formação conseguiu anular uma diferença de três golos numa fase a eliminar da UEFA Europa League: o Valência CF recuperou de derrota na primeira mão por 3-0 para bater o FC Basel 1893 em casa por 5-0, após prolongamento, nos quartos-de-final, em 2013/14.

• O SSC Napoli e o FC Dnipro Dnipropetrovsk protagonizaram o primeiro empate com golos numa meia-final da UEFA Europa League. Anteriormente, apenas haviam sido registados dois igualdades sem golos nesta fase da prova, prevalecendo em ambas a equipa visitante – o Fulham FC contra o Hamburger SV, em 2009/10 (0-0 fora, 2-1 em casa) e o Benfica contra a Juventus, na época passada, (2-1 em casa, 0-0 fora).

• Apesar de nunca antes ter havido empate 1-1 nas meias-finais, esse resultado é agora o mais comum nas seis épocas da UEFA Europa League, da fase de grupos até à final, pois ocorreu 138 vezes. O desfecho seguinte mais frequente é o 1-0 (em 137 ocasiões).

• Os resultados da primeira deixam a Fiorentina e o Nápoles empatadas com a SS Lazio como os clubes italianos com mais triunfos na UEFA Europa League, 13 cada. Nenhuma equipa da Serie A disputou a final da renovada competição.

Chegada do Sevilha ao Estadio Ramón Sánchez Pizjuán
Chegada do Sevilha ao Estadio Ramón Sánchez Pizjuán©Getty Images
Joaquín, antigo extremo do Bétis, a caminho do estádio
Joaquín, antigo extremo do Bétis, a caminho do estádio©Getty Images
Balneário do Nápoles antes da primeira mão
Balneário do Nápoles antes da primeira mão©Getty Images
Yevhen Konoplyanka a caminho do balenário do Dnipro
Yevhen Konoplyanka a caminho do balenário do Dnipro©Getty Images
Reacção de Mario Gomez após falhar primeiro lance de golo da Fiorentina
Reacção de Mario Gomez após falhar primeiro lance de golo da Fiorentina©Getty Images
Aleix Vidal (No22) celebra após fazer o 1-0 para o Sevilha
Aleix Vidal (No22) celebra após fazer o 1-0 para o Sevilha©Getty Images
Oa lareal-direito Vidal (à esquerda) após o seu golo contra os Viola
Oa lareal-direito Vidal (à esquerda) após o seu golo contra os Viola©Getty Images
Mario Gomez com as mãos na cabeça
Mario Gomez com as mãos na cabeça©Getty Images
Rafael Benítez dá instruções durante a primeira parte, que treminou empatada 0-0, da partida entre o Nápoles e o Dnipro
Rafael Benítez dá instruções durante a primeira parte, que treminou empatada 0-0, da partida entre o Nápoles e o Dnipro©Getty Images
Stéphane Mbia (ao centro) salta mais alto que Marcos Alonso para, de cabeça, aliviar o perigo
Stéphane Mbia (ao centro) salta mais alto que Marcos Alonso para, de cabeça, aliviar o perigo©Getty Images
O avançado do Dnipro, Nikola Kalinić em duelo com Faouzi Ghoulam
O avançado do Dnipro, Nikola Kalinić em duelo com Faouzi Ghoulam©Getty Images
David López celebra o seu primeiro goloe pelo Nápoles
David López celebra o seu primeiro goloe pelo Nápoles©AFP/Getty Images
O médio marcou no quinto minuto da segunda parte
O médio marcou no quinto minuto da segunda parte©Getty Images
Aleix Vidal faz o 2-0, aos 52 minutos, no seu segundo golo da noite
Aleix Vidal faz o 2-0, aos 52 minutos, no seu segundo golo da noite©Getty Images
O banco da equipa da casa exulta após ficar a vencer por dois golos
O banco da equipa da casa exulta após ficar a vencer por dois golos©AFP/Getty Images
O super suplente Kevin Gameiro rejubila após consumar a vitória por 3-0 para o Sevilha
O super suplente Kevin Gameiro rejubila após consumar a vitória por 3-0 para o Sevilha©Getty Images
O treinador Viola, Vincenzo Montella exibe o seu desespero
O treinador Viola, Vincenzo Montella exibe o seu desespero©AFP/Getty Images
Dnipro celebra após o fazer o empate aos 81 minutos
Dnipro celebra após o fazer o empate aos 81 minutos©AFP/Getty Images