O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Quem venceu a Champions League como jogador e treinador?

Josep Guardiola pode ter falhado a conquista do seu terceiro título na UEFA Champions League, derrotado pelo Chelsea, mas continua a ser uma de sete pessoas que ergueram o troféu como jogador e treinador.

Apenas Carlo Ancelotti venceu a Taça dos Campeões Europeus como jogador e depois como treinador por dois clubes diferentes
Apenas Carlo Ancelotti venceu a Taça dos Campeões Europeus como jogador e depois como treinador por dois clubes diferentes Getty Images

Josep Guardiola pode ter falhado a conquista do seu terceiro título na UEFA Champions League, após o Manchester City ter perdido com o Chelsea, mas continua a integrar um grupo ilustre de vencedores do troféu como jogador e treinador.

Zinédine Zidane tornou-se apenas no sétimo homem a vencer a Taça dos Campeões como jogador e treinador ao conduzir o Real Madrid à glória na UEFA Champions League em 2015/16, confirmando assim o seu lugar na classificação ao vencer também as duas edições seguintes.

O sexto nome dessa lista era Josep Guardiola, vencedor como jogador e treinador pelo Barcelona. A derrota do seu City frente ao Chelsea, no Porto, significa que Carlo Ancelotti continua a ser o único a ter sido campeão como jogador e depois como treinador com dois clubes diferentes.

Damos a conhecer melhor os campeões no relvado e no banco.

A equipa do Real Madrid vencedora da Taça dos Campeões em 1956
A equipa do Real Madrid vencedora da Taça dos Campeões em 1956Popperfoto via Getty Images

Miguel Muñoz

Como jogador: Real Madrid em 1956, 1957 e 1958
Como treinador: Real Madrid em 1960 e 1966

  • Capitão da equipa do Real Madrid que venceu as duas primeiras edições da Taça dos Campeões Europeus (não jogou na final de 1958), Muñoz era o treinador quando os “merengues” conquistaram o quinto troféu e mantinha-se no cargo, seis anos mais tarde, quando festejaram a sexta conquista europeia.

Giovanni Trapattoni

Como jogador: Milan em 1963 e 1969
Como treinador: Juventus em 1985

  • O venerável italiano alinhou a médio nas primeiras duas das setes vitórias dos “rossoneri” na Taça dos Campeões (a de 1963 diante do Benfica), mas apenas ergueu por uma vez o troféu como treinador, ainda no rescaldo da tragédia de Heysel, em 1985.
O legado de Johan Cruyff
O legado de Johan Cruyff

Johan Cruyff

Como jogador: Ajax em 1971, 1972 e 1973
Como treinador:
Barcelona em 1992

  • Exponente mais reverenciado do “Futebol Total”, Cruyff ajudou o Ajax a vencer três títulos europeus consecutivos, tendo marcado por duas vezes na final de 1972. Como treinador do Barça, o holandês encorajou depois um estilo fluído de jogo semelhante que valeu à equipa o triunfo em 1992.

Carlo Ancelotti

Como jogador: Milan em 1989 e 1990
Como treinador: Milan em 2003 e 2007; Real Madrid em 2014

  • Jogador da última equipa a conseguir revalidar a conquista do troféu – a grande formação do Milan de há mais de duas décadas –, Ancelotti é também um dos dois únicos treinadores, a par do inglês Bob Paisley, a ter vencido três vezes a Taça dos Campeões.

Frank Rijkaard

Como jogador: Milan em 1989 e 1990; Ajax em 1995
Como treinador:
Barcelona em 2006

  • Rijkaard alinhou ao lado de Ancelotti no meio-campo nas finais de 1989 e 1990, tendo marcado o único golo da segunda, frente ao Benfica. Posteriormente alcançou um terceiro título – batendo o Milan na final –, em 1995, antes de levar o Barça à glória em 2006.
Os triunfos de Guardiola na Champions League
Os triunfos de Guardiola na Champions League

Josep Guardiola

Como jogador: Barcelona em 1992
Como treinador:
Barcelona em 2009 e 2011

  • Elemento da equipa vencedora de Cruyff em Wembley, em 1992, Guardiola desfrutou de mais sucesso no banco em Camp Nou e conduziu os “blaugrana” à glória na UEFA Champions League 12 meses após ter sido nomeado treinador principal, repetindo o feito passados dois anos. Teve de esperar uma década até regressar à final mas terminou a noite desiludido, após o Manchester City perder por 1-0 com o Chelsea em Portugal.

Zinédine Zidane

Como jogador: Real Madrid em 2002
Como treinador: Real Madrid em 2016, 2017 e 2018

  • Como jogador perdeu as finais de 1997 e 1998, ao serviço da Juventus, antes de obter o desejado troféu em 2002, no Real Madrid, marcando um golo memorável frente ao Leverkusen, em Glasgow. Venceu depois a prova três vezes seguidas à frente da antiga equipa na década de 2010, a primeira na sua época de estreia como treinador.