O que esperar na quarta jornada da Champions League

Reencontros para Ángel Di María e Jesús Navas, sete equipas à beira do apuramento, um longo jejum do Galatasaray e esperança para o Arsenal. Eis os destaques da quarta ronda.

Ángel Di María foi eleito Melhor em Campo na final de 2014, o seu penúltimo jogo pelo Real Madrid
Ángel Di María foi eleito Melhor em Campo na final de 2014, o seu penúltimo jogo pelo Real Madrid ©Getty Images

Sete equipas ambicionam apuramento madrugador
Apenas o Zenit possui um registo 100 por cento vitorioso após o fim da primeira volta da fase de grupos, mas Valencia, Barcelona, Paris Saint-Germain, Real Madrid, Juventus e Manchester City também têm hipóteses de alcançar os oitavos-de-final a duas jornadas do fim.

Di María reencontra Real em Madrid
Após ter jogado 45 minutos no empate a zero com o Real Madrid, na terceira jornada do Grupo A, Ángel Di María, avançado do Paris, regressa ao Santiago Bernabéu na terça-feira, pela primeira vez desde que deixou o clube, em Agosto de 2014. Uma vitória para qualquer uma das equipas pode ser suficiente para garantir o apuramento. "Não sei como as pessoas vão reagir e como me vão tratar neste regresso", disse Di María. "Ainda tenho bem presente na memória tudo o que ganhei nesse clube."
Real Madrid - Paris – Terça-feira

Jesús Navas durante a sua passagem pelo Sevilha
Jesús Navas durante a sua passagem pelo Sevilha©Getty Images

Impressionante registo caseiro do Sevilha
Entretanto, no Grupo D, Jesús Navas, extremo do Manchester City, regressa a Sevilha, cidade do clube com o mesmo nome e onde passou uma década. Ele e a sua equipa terão uma tarefa complicada pela frente quando defrontarem o detentor da UEFA Europa League, que venceu os últimos dez jogos europeus no Estadio Ramón Sánchez Pizjuán.
Sevilla - Manchester City – Terça-feira

Tarefa hercúlea do BATE
Derrotado por 2-0 na recepção ao Barcelona na jornada anterior do Grupo E, o BATE Borisov enfrenta na Catalunha uma tarefa que parece impossível. O campeão marcou nove golos ao conjunto bielorrusso na fase de grupos de 2011/12 – 5-0 fora e 4-0 em casa – e soma sete vitórias consecutivas em Camp Nou nesta competição. De facto, perdeu apenas um dos últimos 34 jogos caseiros na UEFA Champions League, averbando 27 triunfos.
Barcelona - BATE – Quarta-feira

Arsenal na Baviera com esperança
Os "gunners", que tentam alcançar os oitavos-de-final pela 16ª época seguida, perderam os dois primeiros jogos antes de reavivarem a sua campanha no Grupo F com uma vitória sobre o Bayern München a 20 de Outubro. Agora deslocam-se à Baviera ambicionando um sucesso ainda mais notável. Sem dúvida que vão estar moralizados com as duas últimas deslocações, nos oitavos-de-final das temporadas 2012/13 e 2013/14, quando ganharam por 2-0 e empataram a um golo, respectivamente.
Bayern - Arsenal – Quarta-feira

A aventura de José Mourinho na Champions League
A aventura de José Mourinho na Champions League

Chelsea sob pressão
O campeão da Premier League já conheceu todos os resultados possíveis no Grupo G. Apesar de não ser um início tão mau quanto na Premier League – 11 pontos em dez jornadas – os londrinos não podem sofrer outro deslize. Uma derrota com o Dynamo Kyiv pode deixá-los a quatro pontos dos dois lugares de acesso, a duas jornadas do fim. No entanto, o seu convidado ucraniano nunca venceu em 12 deslocações a Inglaterra, contabilizando dois empates.
Chelsea - Dínamo – Quarta-feira

Galatasaray tenta encerrar jejum de 31 meses
O Galatasaray não vence fora na UEFA Champions League desde o triunfo por 3-2 diante do Schalke, na segunda mão dos oitavos-de-final da edição 2012/13. Desde então, o seu registo é de dois empates e sete derrotas. O compromisso do Grupo C em Lisboa representa a sua próxima oportunidade para mudar esse cenário.
Benfica v Galatasaray – Terça-feira

Dupla ainda sem pontuar
Shakhtar Donetsk e Maccabi Tel-Aviv, as duas únicas equipas ainda sem pontos a meio da fase de grupos, vão tentar somar os primeiros pontos no Grupo A e G quando receberem Malmö e Porto, respectivamente.
Shakhtar - Malmö – Terça-feira
Maccabi - Porto – Quarta-feira