O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Wágner satisfeito com "despedida perfeita" de Vrba

O Plzeň proporcionou uma "despedida perfeita" ao treinador Pavel Vrba, segundo Tomáš Wágner, cujo golo da vitória, aos 90 minutos, deixou Keisuke Honda, do CSKA, desiludido.

O Plzeň agradece ao público após o apito final
O Plzeň agradece ao público após o apito final ©AFP/Getty Images

A euforia reinava no balneário do FC Viktoria Plzeň, segundo o médio Daniel Kolář, após o golo de Tomáš Wágner ter garantido um sucesso por 2-1 sobre o PFC CSKA Moskva e a transição para a UEFA Europa League. "Foi a despedida perfeita", disse o suplente Wágner, à medida que a equipa do Plzeň disse adeus ao treinador Pavel Vrba, que a partir de agora vai orientar a selecção checa.

Daniel Kolář, médio do Plzeň
A euforia após o jogo foi tremenda, estávamos todos muito felizes por termos conseguido ganhar. O jogo não nos estava a correr de feição. Apesar de concentrados na táctica e na nossa tarefa, acabámos por sofrer um golo.

A expulsão ajudou-nos muito, pois passámos a controlar o jogo e a pressionar. Na primeira parte tivemos uma excelente ocasião, e na Champions League as oportunidade devem ser aproveitadas ao máximo, mas acreditámos até ao fim e fomos premiados por isso.

Tomáš Wágner, avançado do Plzeň
Só temos boas sensações acerca deste jogo. Todos queriam alcançar um bom resultado e felizmente isso aconteceu. Quando saí do banco acreditei que podia marcar, pois durante todo o dia tive a sensação de que se me dessem pelo menos dez minutos, podia marcar.

Esta foi simplesmente a despedida perfeita para o treinador Pavel Vrba – ganhámos, garantimos o terceiro lugar e qualificámo-nos para a Europa League. Jogámos como equipa, todos contribuíram para este sucesso.

Keisuke Honda, avançado do CSKA
O jogo desta noite foi difícil para nós. Estivemos a ganhar por 1-0 e, apesar de eles terem empatado, estivemos perto do empate e de transitar para a Europa League – mas no final de contas, não fomos capazes de alcançar esse objectivo.

Conteúdos relacionados