Sneijder deixa aviso ao Bayern

Wesley Sneijder confia que o Inter poderá dar a volta à desvantagem de 1-0 que leva até Munique, onde defronta o Bayern na terça-feira, tendo dito: "Ainda faltam 90 minutos. Estamos aqui para ganhar."

Wesley Sneijder surgiu muito descontraído antes de defrontar o Bayern
Wesley Sneijder surgiu muito descontraído antes de defrontar o Bayern ©Getty Images

Wesley Sneijder acredita que o FC Internazionale Milano ainda terá tempo para salvar a sua campanha na UEFA Champions League, quando o campeão italiano e europeu em título partir em desvantagem para a segunda mão dos oitavos-de-final com o FC Bayern München.

O internacional holandês exortou, na conferência de imprensa mantida esta segunda-feira, os companheiros de equipa a mostrarem a convicção de que podem reagir: "Temos de acreditar na nossa vitória. Na UEFA Champions League temos 180 minutos para vencer e ainda faltam 90. Estamos aqui para vencer este jogo e para nos apurarmos para os quartos-de-final."

Após a moralizadora goleada do Bayern sobre o Hamburger SV, por 6-0, Sneijder prevê um jogo "intenso e interessante" frente a um adversário que ganhou o encontro da primeira mão, em San Siro, através de um tento de Mario Gomez nos instantes finais. "O Bayern derrotou o Hamburgo e impressionou pela forma como o conseguiu, mas não pensei muito neles. Tenho pensado no Inter e tenho a dizer que surgimos aqui em muito boa forma," explicou o número dez dos milaneses.

Há já um enorme conhecimento entre estas equipas, após a final de Maio da UEFA Champions League, que se realizou em Madrid e da qual o Inter saiu vencedor por 2-0. "Estes jogos realizam-se a um nível extremamente elevado," disse Sneijder, que, uma vez mais, volta a enfrentar os compatriotas Louis van Gaal, que treina o adversário, e Arjen Robben, que foi seu companheiro de equipa no Real Madrid CF. "É claro que reencontro o Robben na selecção – e voltaremos a fazê-lo para a semana –, mas, de momento, as relações pessoais não contam para nada. A única coisa que interessa é o jogo de amanhã."

Talvez seja assim, mas Sneijder, de 26 anos, admitiu que a equipa do Inter ficou afectada com as imagens provenientes do Japão, após o terramoto e consequente "tsunami" que assolou a costa oriental nipónica. O Inter contratou o defesa internacional japonês Yuto Nagatomo por empréstimo ao AC Cesena e o lateral poderá estrear-se na UEFA Champions League caso Lúcio não consiga recuperar de uma lesão a tempo.

Sneijder comentou a situação que o seu companheiro de equipa está a viver: "O que se passou no Japão afectou-nos a todos de alguma forma, mas ao meu colega de forma particular. É claro que tentamos ajudá-lo tanto quanto pudermos nesta triste situação."