O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Svensson faz Suécia sorrir

República da Irlanda 1-2 Suécia
Anders Svensson marcou na sua 143ª internacionalização e deu à Suécia um triunfo vital na corrida pelo segundo lugar do Grupo C.

Svensson faz Suécia sorrir
Svensson faz Suécia sorrir ©Getty Images

Anders Svensson marcou, talvez, o golo mais importante das suas 143 internacionalizações pela Suécia, dando à equipa de Erik Hamrén uma vitória crucial na República da Irlanda.

A Irlanda, a jogar diante do seu público, que lotou a Dublin Arena pela primeira vez desde a inauguração do recinto, em 2010, chegou à vantagem aos 22 minutos, por intermédio de Robbie Keane. Mas Johan Elmander igualou pouco tempo depois e o veterano Svensson, de 37 anos, operou a reviravolta no marcador, permitindo à Suécia ficar com três pontos de vantagem sobre Irlanda e Áustria, na corrida pelo segundo lugar do Grupo C.

Keane apontou o seu 60º golo pela selecção a meio da primeira parte, quando aproveitou um mau alívio de Mikael Lustig, mantendo a calma e atenção para concluir a recarga e bater Andreas Isaksson, após o primeiro remate ter acertado no poste. A vantagem da Irlanda durou pouco tempo, já que Johan Elmander empatou para a Suécia aos 33 minutos, com o avançado do Norwich City FC a desfeitear o guarda-redes David Forde na sequência de um cruzamento de Lustig.

Na segunda parte, o capitão do conjunto nórdico, Zlatan Ibrahimović, começou a assumir o controlo da partida, e aos 57 minutos o seu passe a rasgar foi perfeito para Svensson bater Forde. A Irlanda precisa agora de somar um bom resultado na Áustria, na terça-feira, dia em que a Suécia se desloca ao Cazaquistão.