O "site" oficial do futebol europeu

Real sela apuramento e afasta City

Publicado: Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012, 22.52CET
Manchester City FC 1-1 Real Madrid CF
A formação de José Mourinho terminou o encontro reduzida a dez jogadores, mas somou o empate de que necessitava para seguir em frente.
por Simon Hart
de City of Manchester Stadium

O conteúdo é transmitido de forma a que seja protegido e apenas disponível no formato flash. O seu aparelho não parece ser compatível com o leitor vídeo de flash.

Estatísticas dos jogos

Man. CityReal Madrid

Golos marcados1
 
1
à baliza7
 
10
para fora4
 
5
Cantos4
 
2
Foras-de-jogo3
 
5
Faltas cometidas22
 
12
Cartões amarelos5
 
4
Cartões Vermelhos0
1
Posse de bola(%)57
 
43

Classificação

Última actualização: 19/06/2013 22:17 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
 
Publicado: Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012, 22.52CET

Real sela apuramento e afasta City

Manchester City FC 1-1 Real Madrid CF
A formação de José Mourinho terminou o encontro reduzida a dez jogadores, mas somou o empate de que necessitava para seguir em frente.

O Real Madrid CF garantiu, uma vez mais, o apuramento para os oitavos-de-final da UEFA Champions League, ao empatar 1-1 no terreno do Manchester City FC, resultado que dita em definitivo a eliminação dos actuais campeões ingleses

Um golo madrugador de Karim Benzema colocou o Real na frente desde cedo, mas o City reagiu bem e conseguiu chegar à igualdade a 15 minutos do apito final, por intermédio de Sergio Agüero, na transformação de uma grande penalidade que ditou ainda a expulsão de Álvaro Arbeloa. O City elevou, assim, para 20 a sua série de invencibilidade caseira nas provas europeias, consolação escassa, pois viu confirmado o seu destino na prova. Os pupilos de Roberto Mancini permanecem no último lugar do Grupo D, a um ponto do AFC Ajax, terceiro classificado, enquanto o Real, ao não conseguir vencer, fica irremediavelmente condenado ao segundo lugar do grupo, atrás do Borussia Dortmund.

Para o City, o golo do Real constitui uma amostra perfeita dos erros defensivos que tantos danos lhe causaram nesta campanha europeia. Mancini tinha lamentado as faltas de atenção da sua defesa nos jogos anteriores e essas desatenções voltaram a repetir-se, com Maicon a deixar que Benzema se antecipasse e, à boca da baliza, correspondesse da melhor forma a um cruzamento de Angel Di María. O City apresentou-se pela primeira vez neste Grupo D com uma linha de três defesas-centrais, composta por Pablo Zabaleta, Vincent Kompany e Matija Nastasić, apoiados por Maicon e Aleksandar Kolarov nas alas, mas o sector recuado dos campeões ingleses foi presa fácil para o adversário durante a primeira meia-hora de jogo.

A jogar pela primeira vez em Manchester desde a sua saída de Old Trafford, Cristiano Ronaldo mostrou o seu talento com dois excelentes cruzamentos que Sami Khedira, em ambas as ocasiões, não soube aproveitar. Depois foi o próprio Ronaldo a tentar a sua sorte, com um chapéu a Joe Hart que Nastasić acabou por cortar sobre a linha de golo, com o internacional português a não conseguir também facturar na recarga. Instantes mais tarde foi Khedira a desperdiçar nova oportunidade, desta feita por culpa de uma excelente intervenção de Hart.

"Vamos lutar até ao fim", cantavam os adeptos do City já com escassas esperanças, mas Agüero começou a reavivar o ânimo do público com um excelente remate que Iker Casillas defendeu com dificuldades, para cima da trave. Depois foi Maicon a combinar bem com Agüero, mas, já dentro da área madrilena, o argentino rematou ao lado. Ao intervalo. Mancini regressou aos quatro defesas, com Kolarov a dar lugar a Javi García, que desta forma reencontrou o clube onde jogou no passado. O encontro tornou-se mais equilibrado e Mancini decidiu lançar em campo Carlos Tévez.

Momentos depois, Agüero quase concretizou na sequência de um cruzamento de Maicon para o segundo poste, mas Casillas conseguiu colocar o seu corpo à frente do remate do avançado argentino. Agüero, porém, redimiu-se ao apontar o golo do empate, na conversão de um penalty depois de ele mesmo ter sido derrubado por Arbeloa dentro da área do Real. A turma de José Mourinho ficou sem o seu lateral, expulso na sequência do lance, mas acabou por segurar o empate e celebrar a consequente a passagem aos oitavos-de-final.

Última actualização: 28-11-12 12.56CET

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2013/matches/round=2000347/match=2009559/postmatch/report/index.html#real+sela+apuramento

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.