Itália 1-1 Países Baixos: Empate em jogo bem disputado

Lorenzo Pellegrini e Donny van de Beek marcaram, ainda na primeira parte, os golos que ditaram a igualdade em Bergamo.

Itália e Países Baixos empataram em Bergamo
Itália e Países Baixos empataram em Bergamo ANP Sport via Getty Images

Continua tudo em aberto no Grupo A1 à partida para os jogos de Novembro, depois de Itália e Países Baixos terem empatado num jogo bem disputado em Bergamo, com Donny van de Beek a restabelecer a igualdade após Lorenzo Pellegrini abrir, cedo, o activo para os anfitriões.

Itália-Holanda: como tudo aconteceu

O jogo em poucas palavras

O início do encontro parecia dar a ideia que seria um jogo de um só sentido, com a Itália a entrar melhor e a ganhar vantagem por intermédio de Lorenzo Pellegrini aos 16 minutos, após excelente passe de Nicolò Barella. Contudo, os Países Baixos, que parecia encostada às cordas, respondeu e igualou o marcador com um golo de Donny van de Beek.

A partir desse momento, a selecção "laranja", a actuar num pouco habitual 5-3-2, equilibrou em definitivo a partida. Ciro Immobile, tantas vezes letal na finalização, desperdiçou ainda assim algumas boas oportunidades para recolocar a Itália na frente e o empate final acaba por deixar o Grupo A1 completamente em aberto, com a Polónia a liderar (sete pontos), seguida da Itália (seis) e do Países Baixos (cinco). Todos ainda sonham com a fase final.

Principais estatísticas e curiosidades

  • A Itália somou o 19º jogo seguido sem perder (14V 5E) e em casa não perde há 23 jogos.
  • O golo de Van de Beek foi o seu primeiro pelos Países Baixos, ao fim de 326 minutos em campo com a camisola "laranja" e impediu que pela primeira vez na história da sua selecção esta estivesse quatro jogos seguidos sem marcar.
  • Nenhum jogo da Itália na UEFA Nations League até à data teve mais do que dois golos.
  • Os Países Baixos continuam sem ganhar fora na UEFA Nations League (3E 2D).
  • A Itália não sofreu mais do que um golo em nenhum dos seus últimos 22 jogos.

Equipas

Itália: Donnarumma; D'Ambrosio, Bonucci, Chiellini, Spinazzola; Verratti (Locatelli 56), Jorginho, Barella; Chiesa (Kean 56), Immobile, Pellegrini (Florenzi 73)

Países Baixos: Cillessen; Blind (Veltman 77), Aké, Van Dijk, De Vrij, Hateboer; Wijnaldum, Frenkie de Jong, Van de Beek; Depay (Babel 90+2), Luuk de Jong)

O que se segue?

Os Países Baixos recebem a Bósnia e Herzegovina a 15 de Novembro, domingo, e no mesmo dia a Itália recebe a Polónia.