O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Futsal Champions League 2021/22 de relance: Barça volta ao topo

O Barça recuperou o troféu após desforrar-se da derrota na final de 2021 contra o Sporting, isto numa época em que o formato da competição regressou ao normal.

Ferrão, do Barça, protege a bola durante a final da Futsal Champions League em Riga
Ferrão, do Barça, protege a bola durante a final da Futsal Champions League em Riga SPORTSFILE

Após as alterações verificadas na última época, a UEFA Futsal Champions League 2021/22 regressou ao seu formato regular e, ao mesmo tempo, voltou a contar com adeptos.

O UEFA.com resume a história de uma temporada na qual o Barça recuperou o troféu após desforrar-se da derrota na final de 2021 contra o Sporting, sendo que Sergio Lozano, Ortiz e Ferrao estabeleceram todos recordes.

Resultados da fase final

Domingo, 1 de Maio

Resumo da final: Barça 4-0 Sporting
Resumo da final: Barça 4-0 Sporting

Final
Barça 4-0 Sporting
"Play-off" do terceiro lugar
ACCS Asnières Villeneuve 92 2-5 Benfica 

Sexta-feira, 29 de Abril

Meias-finais
ACCS Asnières Villeneuve 92 2-6 Sporting
Benfica 4-5 Barça (ap)

Melhores marcadores (fase final)

2 Dyego (Barça)
2 Ferrao (Barça)
2 Nelson Lutin (ACCS)
2 Alex Merlim (Sporting)
2 Hossein Tayebi (Benfica)

Melhores marcadores (época)

11 Mirko Marinković (Diamant Linz)
10 Diego Cavinato (Sporting)
10 Zoltán Dróth (Haladas)
8 Ferrao (Barça)
8 Italo (Kampuksen Dynamo)
8 Jukka Kytölä (Kampuksen Dynamo)
8 Maneca (Araz)

Recordes

Resumo das meias-finais: Benfica 4-5 Barça (ap)
Resumo das meias-finais: Benfica 4-5 Barça (ap)
  • Sergio Lozano, do Barça, tornou-se no primeiro jogador a conquistar o título por quatro vezes com o mesmo clube, tendo também ajudado os catalães a triunfar em 2011/12, 2013/14 e 2019/20.
  • Ortiz, do Barça, também conquistou o quarto título (venceu com a Inter em 2008/09, 2016/17 e 2017/18). Ele e Lozano igualaram o recorde de Gabriel, que venceu a prova por duas vezes com o Inter e outras duas ao serviço do Barça.
  • Jesús Velasco, do Barça, tornou-se no primeiro treinador a conquistar três títulos. Com Ortiz no seu plantel, supervisionou as vitórias do Inter contra o Sporting nas finais de 2017 e de 2018. O registo de 58 jogos de Velasco nesta competição também é um recorde.
  • Os golos apontados por Ferrão em Riga permitiram-lhe aumentar para 11 o seu total em fases finais de futsal de clubes da UEFA, ultrapassando o recorde até agora detido pelo lesionado colega de equipa Esquerdinha.
  • Nas meias-finais, Nuno Dias, do Sporting, tornou-se no primeiro treinador a atingir os 50 jogos nesta competição com um único clube. Na final, orientou o seu 13º jogo em fases finais nesta que foi a sua sexta fase final – ambos recordes absolutos.
  • O Barça chegou à sua terceira final consecutiva, igualando o recorde do FC Dynamo (2004/05, 2005/06, 2006/07 e 2011/12, 2012/13, 2013/14), Inter (2015/16, 2016/17, 2017/18) e Sporting (2016/17, 2017/18, 2018/19).
  • O Sporting tornou-se na primeira equipa a chegar a cinco finais no espaço de seis épocas.
  • Esta foi a quarta vez que os mesmos clubes disputaram a final em dois anos consecutivos. O Castellón derrotou o Action 21 Charleroi em 2002 e em 2003, o Inter venceu o Sporting em 2017 e em 2018 e o Inter derrotou o FC Dynamo em 2006, mas perdeu frente ao mesmo adversário 12 meses depois.
  • O ACCS foi o primeiro clube francês a marcar presença numa fase final.
  • Durante a fase preliminar, Rizvan Farzaliyev, do Araz, igualou o recorde de Lúcio de 69 jogos em provas de futsal de clubes da UEFA (João Matos está agora apenas a um de diferença).

Lista de honra

Resumo: ACCS 2-6 Sporting
Resumo: ACCS 2-6 Sporting

UEFA Futsal Champions League

Finais com quatro equipas:
2022 (Riga): Barça (ESP) 4-0 Sporting (POR)
Finais com oito equipas:
2021 (Zadar): Sporting (POR) 4-3 Barça (ESP)
Finais com quatro equipas:

2020 (Barcelona): Barça (ESP) 2-1 Murcia FS (ESP)
2019 (Almaty): Sporting (POR) 2-1 Kairat Almaty (KAZ)

Taça UEFA Futsal

Finais com quatro equipas:
2018 (Saragoça): Inter FS (ESP) 5-2 Sporting (POR)
2017 (Almaty): Inter FS (ESP) 7-0 Sporting (POR)
2016 (Guadalajara): Ugra Yugorsk (RUS) 4-3 Inter FS (ESP)
2015 (Lisboa): Kairat Almaty (KAZ) 3-2 Barça (ESP)
2014 (Baku): Barça (ESP) 5-2ap FC Dynamo (RUS)
2013 (Tbilisi): Kairat Almaty (KAZ) 4-3 FC Dynamo (RUS)
2012 (Lleida): Barça (ESP) 3-1 FC Dynamo (RUS)
2011 (Almaty): Montesilvano (ITA) 5-2 Sporting (POR)
2010 (Lisboa): Benfica (POR) 3-2ap Inter FS (ESP)
2009 (Ekaterinburgo): Inter FS (ESP) 5-1 Sinara Ekaterinburg (RUS)
2008 (Moscovo): Sinara Ekaterinburg (RUS) 4-4ap, 3-2pen Murcia FS (ESP)
2007 (Murcia): FC Dynamo (RUS) 2-1 Inter FS (ESP)
Finais a duas mãos:
2006: Inter FS (ESP) 6-3/3-4: 9-7total FC Dynamo (RUS)
2005: Action 21 Charleroi (BEL) 4-3, 6-6total: 10-9agg FC Dynamo (RUS)
2004: Inter FS (ESP) 4-1/3-4: 7-5total Benfica (POR)
2003: Playas de Castellón (ESP) 1-1/6-4: 7-5total Action 21 Charleroi (BEL)
Finais com oito equipas:
2002 (Lisboa): Playas de Castellón (ESP) 5-1 Action 21 Charleroi (BEL)

Mais títulos

Inter FS 5
Barça 3
Kairat Almaty, Playas de Castellón, Sporting 2

Mais finais

Inter FS 8
Barça, FC Dynamo, Sporting 6
Action 21 Charleroi, Kairat Almaty 3

Mais presenças em fases finais (desde 2007)

Barça, Kairat Almaty 9
Inter FS, Sporting CP 8
DC Dynamo 6