Factos: Vitória SC - Standard Liège

Na quarta jornada, um golo tardio deu ao Vitória SC o primeiro ponto no Grupo F, mas as suas hipóteses de apuramento são reduzidas, ao passo que o Standard Liège está em boa posição.

O Standard venceu o Vitória já esta época
O Standard venceu o Vitória já esta época ©AFP/Getty Images

Na quarta jornada do Grupo F, um golo tardio na receção ao Arsenal permitiu ao Vitória SC somar o primeiro ponto, deixando a equipa lusa ainda com hipóteses de apuramento, mesmo que reduzidas. Para se qualificar terá de bater o Standard Liège, mas os visitantes estão melhor colocados para seguir em frente. Os belgas chegam a Portugal em igualdade pontual com o Eintracht Frankfurt, com seis pontos, menos quatro que o Arsenal.

• Um pontapé acrobático de Bruno Duarte aos 91 minutos permitiu ao Vitória SC empatar a um golo com os "gunners", isto depois de os vimarenenses terem sido derrotado por um golo ainda mais tardio, duas semanas antes, em Londres (2-3), consumando um resultado negativo que se juntou à visita a Liège 0-2) e à recepção ao Frankfurt (0-1). O Standard sofreu duas derrotas seguidas em casa, ante Arsenal (0-4) e Eintracht (1-2), antes de bater os alemães por 2-1 na Bélgica graças a um golo de Maxime Lestienne, aos 94 minutos.

Resumo: Standard Liège 2-0 Vitória SC
Resumo: Standard Liège 2-0 Vitória SC

Encontros anteriores
• O Standard iniciou a campanha europeia de 2019/20 ao bater o Vitória SC por 2-0 no Stade Maurice Dufrasne, na primeira jornada. Florent Hanin inaugurou o marcador aos 66 minutos, num auto-golo, e Paul-José Mpoku confirmou o triunfo nos descontos.

• Este encontro ocorreu 24 anos depois do primeiro duelo europeu entre ambos, na primeira eliminatória da Taça UEFA, com a formação lusa a seguir em frente, graças a uma vitória por 3-1 em Guimarães e um nulo em Liège.

• O Vitória SC não perdeu nenhum dos três jogos em que recebeu clubes belgas (V2 E1), enquanto o Standard foi derrotado nas duas últimas visitas a Portugal, onde não vence há 61 anos, desde uma vitória sobre o Sporting, por 3-2, na primeira eliminatória da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1958/59 (resultado total de 6-2).

Resumo: Vitória SC 1-1 Arsenal
Resumo: Vitória SC 1-1 Arsenal

Guia de forma
Vitória SC
• Quinto no campeonato português na temporada passada, o Vitória SC apurou-se para a sua quinta participação europeia esta década e a primeira desde 2017/18, quando foi último no seu grupo da UEFA Europa League.

• As vitórias sobre Jeunesse Esch (1-0 f, 4-0 c), Ventspils (3-0 f, 6-0 c) e FCSB (0-0 f, 1-0 c), na fase de qualificação, permitiram ao clube de Guimarães garantir a terceira presença na fase de grupos da UEFA Europa League. Precisa agora de melhorar o seu registo na prova, tendo terminado em terceiro na estreia, em 2014/15. Em 2005/06, foi último do seu grupo na Taça UEFA.

• O Vitória SC ganhou os três jogos das pré-eliminatórias disputados em casa, com 11 golos marcados e nenhum sofrido. A derrota com o Eintracht Frankfurt, na segunda jornada, foi a única nos últimos oito desafios europeus em Guimarães (V4 E3).

Highlights: Standard Liège 2-1 Eintracht Frankfurt
Highlights: Standard Liège 2-1 Eintracht Frankfurt

Standard
• O terceiro lugar do Standard no campeonato belga de 2018/19 valeu-lhe o acesso directo à fase de grupos desta temporada.

• O clube de Liège competiu na fase de grupos da UEFA Europa League em cinco ocasiões, mas só conseguiu seguir em frente uma única vez, em 2011/12, quando chegou aos oitavos-de-final. Também atingiu os quartos-de-final na edição inaugural da prova, em 2009/10, após transitar da UEFA Champions League. Na última temporada ficou pelo caminho na fase de grupos, apesar dos dez pontos somados num grupo que contava com Sevilha, Krasnodar e Akhisar.

• O Standard perdeu 12 dos 22 jogos fora na UEFA Europa League, da fase de grupos até à final (V4 E6), com o triunfo por 3-0 no terreno do Panathinaikos, na fase de grupos de 2016/17, a ser o único nos últimos 16 jogos como visitante.

Resumo: Vitória SC 0-1 Eintracht Frankfurt
Resumo: Vitória SC 0-1 Eintracht Frankfurt

Ligações e curiosidades
• Mehdi Carcela, do Standard, marcou três golos em 29 jogos pelo Benfica em 2015/16, tendo sido suplente utilizado na vitória fora por 1-0 sobre o Vitória SC, para o campeonato. 

• Michel Preud'homme, treinador do Standard, passou as últimas cinco temporadas da sua carreira de jogador no Benfica, vencendo a Taça de Portugal em 1995/96.

• Ivo Vieira, técnico do Vitória, orientava os Sub-19 do Nacional em 2008/09 quando Duje Čop, actualmente no Standard, jogou pela equipa principal dos madeirenses.

Resumo: Eintracht Frankfurt 2-1 Standard Liège
Resumo: Eintracht Frankfurt 2-1 Standard Liège

Treinadores
• Um surpreendente sexto lugar com o Moreirense no campeonato português em 2018/19 - a sua única temporada no clube - possibilitou a Ivo Vieira uma transferência para o Vitória SC, que terminou com o mesmo número de pontos mas um lugar acima na tabela. Natural da Madeira, passou toda a carreira de jogador no arquipélago, ao serviço do Nacional, onde também se iniciou como treinador. Chegou a Portugal continental em Maio de 2016, para orientar o Aves, do segundo escalão. Seguiram-se passagens por Académica e Estoril.

• Antigo guarda-redes que jogou 58 vezes pela seleção belga, Preud'homme começou a carreira no Standard, com quem ganhou dois campeonatos, rumando depois ao Mechelen, onde conquistou a Taça dos Clubes Vencedores de Taças, em 1988/89. Passou pelo Benfica na segunda metade da década de 90. Como treinador também foi bem sucedido, conquistando troféus em todos os clubes que orientou, com o mais recente a ser o campeonato belga, em 2015/16, ao serviço do Club Brugge. Esta é a sua terceira passagem pelo Standard, com o seu regresso, em Maio de 2018, a acontecer dez anos depois da última vez que trabalhou no clube.

Topo