APOEL regressa com ambição

Menos de quatro meses depois de marcar dois golos ao Real Madrid no Santiago Bernabéu, o APOEL regressa às competições europeias na quinta-feira, para participar na segunda pré-eliminatória da UEFA Europa League.

O português Paulo Jorge (à esquerda) esteve em destaque pelo APOEL nas competições europeias da época passada
O português Paulo Jorge (à esquerda) esteve em destaque pelo APOEL nas competições europeias da época passada ©AFP/Getty Images

Quarenta e três clubes vão iniciar as suas campanhas europeias na próxima quinta-feira, na segunda pré-eliminatória da UEFA Europa League, e entre eles está o APOEL FC, uma das surpresas da última edição da UEFA Champions League.

A equipa de Ivan Jovanović causou sensação em 2011/12 ao avançar desta mesma fase da UEFA Champions League até aos quartos-de-final, deixando pelo caminho adversários cotados como o FC Porto, FC Zenit St Petersburg e, no desempate, o Olympique Lyonnais. Menos de quatro meses depois de marcar dois golos ao Real Madrid CF no Santiago Bernabéu, a equipa de Chipre volta a entrar em campo para receber os eslovacos do FK Senica na primeira mão.

O FC Viktoria Plzeň, que na última época mediu forças com o AC Milan e o FC Barcelona na fase de grupos da mais prestigiada competição europeia de clubes, vai deslocar-se a leste para defrontar o FC Metalurgi Rustavi. Os georgianos são um dos 37 clubes que na semana passada ultrapassaram a primeira pré-eliminatória, onde Rosenborg BK e FC Twente também conseguiram triunfos tranquilos.

O FK Crvena Zvezda, que é o único antigo campeão europeu presente nesta fase, também vai defrontar uma equipa da antiga União Soviética, os bielorrussos do FC Naftan Novopolotsk. Há 11 meses, a contratação de Samuel Eto'o pelo FC Anzhi Makhachkala mostrou a ambição europeia do emblema russo, mas o próximo objectivo da equipa de Guus Hiddink é superar o Budapest Honvéd FC.

O Crvena Zvezda é um dos clubes mais experientes nesta fase, contando com 110 jogos na Taça UEFA/UEFA Europa League, enquanto o FC Dila Gori e FK Čelik Nikšić são caloiros. O Dila, cuja experiência europeia se resume a alguns jogos na Taça Intertoto de 2004, defronta o AGF Århus, enquanto o estreante Čelik, que esta época subiu ao escalão principal de Montenegro, vai medir forças com o FC Metalurh Donetsk.

A lista completa dos jogos da primeira mão de quinta-feira pode ser consultada aqui.

Topo