O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

UEFA Europa League: O que esperar no "play-off" da fase a eliminar

O Porto defronta a Lázio num jogo especial para Sérgio Conceição, o Braga encontra o surpreendente Sheriff e o confronto entre Barcelona e Nápoles traz à memória Maradona.

O Porto defronta a Lázio num jogo especial para Sérgio Conceição, enquanto o confronto entre Barcelona e Nápoles traz à memória Diego Maradona, mas há outros motivos de interesse no "play-off" da fase a eliminar da UEFA Europa League como o confronto do Braga com o surpreendente Sheriff.

A Enterprise Rent-A-Car apresenta o guia do UEFA.com sobre o arranque desta fase da competição.

Quinta-feira, 17 de Fevereiro

17h45
Barcelona (ESP) - Nápoles (ITA)
Zenit (RUS) - Bétis (ESP)
Dortmund (GER) - Rangers (SCO)
Sheriff (MDA) - Braga (POR)

20h00
Sevilha (ESP) - Dínamo Zagreb (CRO)
Atalanta (ITA) - Olympiacos (GRE)
Leipzig (GER) - Real Sociedad (ESP)
Porto (POR) - Lázio (ITA)

Horas de Portugal Continental. Os jogos da segunda mão disputam-se uma semana depois, a 24 de Fevereiro.

Visite a loja da UEFA Europa League

O que esperar?

A ligação de Sérgio Conceição à Lázio

Porto - Lázio: Memórias da meia-final de 2003
Porto - Lázio: Memórias da meia-final de 2003

Sérgio Conceição também possui enorme ligação à Lázio, onde ganhou o afecto dos adeptos locais. Venceu a Taça dos Vencedores das Taças pelo emblema de Roma e conquistou a "dobradinha" nas duas épocas que passou no clube de Roma no virar do século. "Vai ser uma eliminatória emotiva [para ele]", disse o antigo guarda-redes do Porto, Vítor Baía. “Ele faz parte da história daquele grande clube.”

Vítor Baía também guarda boas recordações dos Biancocelesti: fez parte da equipa do Porto que os venceu nas meias-finais a caminho da conquista da Taça UEFA de 2003.

Memórias de Maradona

Veja como Maradona inspirou o Nápoles à conquista do  troféu em 1989
Veja como Maradona inspirou o Nápoles à conquista do troféu em 1989

O palmarés do Barcelona ao longo dos seus 122 anos de história é imenso, mas o troféu da Taça UEFA/Europa League não faz dele. O Barç está de volta a uma competição em que só conseguiu chegar às meias-finais, mas o caminho de regresso não vai ser fácil, uma vez que terá pela frente o Nápoles, nome sonante da Serie A, num embate entre os dois clubes com o ranking mais alto dos respectivos potes no sorteio.

O Barcelona está ainda a adaptar-se à vida sem Lionel Messi, mas esta eliminatória traz à mente outro argentino ilustre: Diego Armando Maradona. O eterno camisola 10 jogou pelo Barça entre 1982 e 1984 antes de rumar aos Nápoles alcançar a imortalidade ao vencer a Taça UEFA, entre outras coisas. A segunda mão terá lugar no estádio que agora tem o seu nome.

Sétimo céu para o Sevilha

Os históricos seis triunfos do Sevilha
Os históricos seis triunfos do Sevilha

Depois de navegar pela UEFA Champions League, o Sevilha está de regresso à UEFA Europa League e a situação é para ser tomada a sério, pois o clube da Andaluzia chegou a seis finais em 16 épocas da competição e venceu-as todas, o dobro das vezes de qualquer outro clube!

A determinação obstinada dos sevilhanos é resumida pelo director desportivo, Monchi: "Quando fomos eliminados [da Champions League], os nossos pensamentos, ainda no balneário, voltaram-se logo para a Europa League." No entanto, o Dínamo Zagreb, que segundo o Sevilha tem em Mislav Oršić o seu homem mais perigoso, não vai facilitar as coisas.

Outros destaques

Participantes no "play-off" da fase a eliminar
Participantes no "play-off" da fase a eliminar

• O Braga defronta o Sheriff, recém-chegado da Champions League e à procura de surpreender novamente na época de estreia nas competições da UEFA. Finalista da Europa League em 2011, o clube do norte de Portugal espera que os influentes Galeno (seis golos e liderança partilha dos marcadores) e Ricardo Horta (três golos e três assistências) consigam voltar a brilhar como o fizeram na fase de grupos.

• A Atalanta, cuja alcunha ("La Dea") é uma homenagem a uma corajosa caçadora da mitologia grega, defronta o Olympiacos, treinado pelo português Pedro Martins e que deve o seu nome à casa dos deuses da Grécia, o Olimpo.

• Os clubes espanhóis têm dominado esta competição nas duas décadas mais recentes, período durante o qual venceram 11 vezes o troféu. Claro que o Sevilha e o Barcelona vão ter a maior parte das atenções, mas é preciso ter também em conta o Bétis.

Quem aguarda nos oitavos-de-final?

Estrela Vermelha (SRB)
Eintracht Frankfurt (GER)
Galatasaray (TUR)
Leverkusen (GER)
Lyon (FRA)
Mónaco (FRA)
Spartak Moscovo (RUS)
West Ham (ENG)

Descarregue a Europa app!

Datas importantes

O Estadio Ramón Sánchez-Pizjuán, em Sevilha, é o palco da final
O Estadio Ramón Sánchez-Pizjuán, em Sevilha, é o palco da finalGetty Images

Fase a eliminar
17 e 24 de Fevereiro: "Play-off" da fase a eliminar
25 de Fevereiro: Sorteio dos oitavos-de-final
10 e 17 de Março: Oitavos-de-final
18 de Março: Sorteios dos quartos-de-final e das meias-finais
7 e 14 de Abril: Quartos-de-final
28 de Abril e 5 de Maio: Meias-finais
18 de Maio: Final (Estadio Ramón Sánchez-Pizjuán, Sevilha)

Mergulhe no futebol em UEFA.tv