Final da Europa League 2020: quando e onde

Colónia vai receber a final da UEFA Europa League na sexta-feira. Saiba tudo sobre o jogo decisivo da época 2019/20.

A final de 2020 da UEFA Europa League vai decorrer em Colónia, na Alemanha
A final de 2020 da UEFA Europa League vai decorrer em Colónia, na Alemanha Manchester United via Getty Images

Quem estará na final?

O Sevilha vai defrontar o Inter na final em Dusseldorf, na sexta-feira, com o início do jogo a estar aprazado para as 20h00.

Onde e quando é a final?

O Stadion Köln, em Colónia, vai acolher a final da UEFA Europa League de 2019/20, na sexta-feira, 21 de Agosto de 2020. Localizado na zona de Müngersdorf, é a casa do Colónia (1. FC Köln) foi reconstruída entre 2002 e 2004 a tempo de receber jogos do Campeonato do Mundo da FIFA de 2006.

Onde ver o jogo na TV

Os adeptos podem encontrar aqui os seus parceiros de transmissão local.

Como foi o caminho para Colónia?

Seis das melhores finais na Alemanha
Seis das melhores finais na Alemanha

O calendário da Europa League tem todas as datas dos sorteios e das partidas que conduziram à final desta temporada.

Há uma vaga na Champions League?

O vencedor da UEFA Europa League 2019/20 é apurado directamente para a fase de grupos da UEFA Champions League 2020/21. Se o vencedor da UEFA Europa League se qualificar para a fase de grupos através do campeonato nacional, o terceiro classificado da federação em quinto lugar no ranking (França) entrará na fase de grupos.

E se a final terminar empatada ao fim de 90 minutos?

O jogo segue para prolongamento, com dois períodos de 15 minutos. Se ainda tudo estiver empatado após 120 minutos, a final será decidida por penáltis, com as equipas a disporem de cinco tentativas cada uma, alternadamente, antes da morte súbita.

Haverá adeptos no estádio?

Todos os jogos da UEFA serão disputados à porta fechada, até notícias em contrário.

Onde foram disputadas as finais anteriores da UEFA Europa League?

Memórias das finais da Europa League
Memórias das finais da Europa League

Esta será a primeira vez que a final da UEFA Europa League tem lugar na Alemanha desde que a Arena de Hamburgo acolheu o jogo decisivo em 2010, onde o Atlético Madrid bateu o Fulham por 2-1, naquela que foi a primeira final desde que a competição substituiu a Taça UEFA.

A final da UEFA Europa League foi disputada em dez países diferentes, que se estendem por todo o continente, de Dublin (Irlanda) a Baku (Azerbaijão).

2009/10: Hamburg Arena (Alemanha)
2010/11: Dublin Arena, Dublin (Irlanda)
2011/12: National Arena, Bucareste (Roménia)
2012/13: Johan Cruijff ArenA, Amesterdão (Países Baixos)
2013/14: Juventus Stadium, Turim (Itália)
2014/15: Estádio Nacional, Varsóvia (Polónia)
2015/16: St. Jakob-Park, Basileia (Suíça)
2016/17: Friends Arena, Solna (Suécia)
2017/18: Stade de Lyon (França)
2018/19: Estádio Olímpico de Baku (Azerbaijão)

Os futuros anfitriões já são conhecidos?

Sim, já estão confirmados os palcos das três finais seguintes.

2020/21: Estádio de Gdańsk, Gdańsk (Polónia)
2021/22: Estadio Ramón Sánchez-Pizjuán, Sevilha (Espanha)
2022/23: Puskás Aréna, Budapeste (Hungria)

Há antigos vencedores na final?

Ambos os finalistas já venceram a Taça UEFA/UEFA Europa League. O Sevilha venceu cinco vezes e o Inter três.

Quem venceu a UEFA Europa League?

Veja o resumo da final de 2019
Veja o resumo da final de 2019

O Sevilha detém o recorde de mais títulos da Taça UEFA/UEFA Europa League, tendo erguido o troféu em cinco ocasiões. Inter, Juventus, Liverpool e Atlético não estão muito longe, com três cada.

2009/10: Atlético
2010/11: Porto
2011/12: Atlético
2012/13: Chelsea
2013/14: Sevilha
2014/15: Sevilha
2015/16: Sevilha
2016/17: Manchester United
2017/18: Atlético
2018/19: Chelsea

Qual a final com mais golos?

Liverpool 5-4 Deportivo Alavés (2000/01, Dortmund)

O Liverpool conquistou o título pela terceira vez num jogo com nove golos, frente ao Alavés. Jordi Cruyff empatou para a equipa espanhola aos 88 minutos, tendo forçado o prolongamento, mas a formação espanhola ficou reduzida a nove elementos de o Liverpool ter selado a vitória a três minutos do fim, graças a um "golo de ouro".