O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Lito Vidigal promete Arouca fiel à sua filosofia

Lito Vidigal garante que o Arouca vai "manter a identidade" ante um "forte" Olympiacos, agora treinado pelo português Paulo Bento, que fala em "jogo e objectivo importante" para a experiente turma grega.

Lito Vidigal diz que as possibilidades do Arouca são poucas, mas que é a elas que a equipa tem de se agarrar
Lito Vidigal diz que as possibilidades do Arouca são poucas, mas que é a elas que a equipa tem de se agarrar ©Getty Images
  • Em época de estreia nas provas europeias de clubes, FC Arouca recebe experiente Olympiacos FC na primeira mão do “play-off” da UEFA Europa League, a partir das 20h00 desta quinta-feira
  • Turma de Lito Vidigal já fez história ao deixar pelo caminho o Heracles Almelo na terceira pré-eliminatória
  • Olympiacos, campeão grego em título, chega a este “play-off” depois de surpreendentemente eliminado pelo Hapoel Beer-Sheva FC na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League
  • Português Paulo Bento faz a sua estreia como treinador principal da formação grega
  • Olympiacos soma 6V 2E 5D em 13 jogos contra equipas portuguesas nas provas europeias

Lito Vidigal, treinador do Arouca
Temos de estar focados no essencial, que é manter a nossa identidade e filosofia de jogo, respeitando sempre o adversário, que é um adversário forte e que normalmente disputa a Champions League. As nossas probabilidades são mínimas, mas é nessas que temos de apostar.

É importante que tenhamos a possibilidade de disputar a eliminatória até ao fim. Temos de trabalhar muito para podermos, depois, discutir ainda o segundo jogo lá. Temos de ser fortes, trabalhar muito e ser inteligentes. Não sei se [Paulo Bento] vai mudar muita coisa e isso dificulta-nos um pouco, porque pode fazer algumas alterações, como pode não as fazer. Temos de estar alerta, porque não sabemos o que vai acontecer.

Nuno Coelho, médio do Arouca
Se não pensássemos que era possível chegar à fase de grupos nem faria sentido estar aqui. O nosso quinto lugar do ano passado só faz sentido se este ano passarmos a terceira pré-eliminatória e o play-off.

Paulo Bento, treinador do Olympiacos
É um jogo importante, para um objectivo importante que temos esta época, que é entrar na fase de grupos da Europa League. A motivação é a mesma de sempre e a ambição terá de ser a mesma, também.

O Arouca é um clube que cresceu muito nos últimos anos em termos desportivos. Merece todo o respeito, temos de jogar com toda a nossa qualidade e humildade para chegar a um bom resultado. Tentámos observar o nosso adversário e escolher a melhor estratégia para este primeiro jogo da eliminatória, de um objectivo importante. Mas ainda é cedo para tirarmos conclusões.

Felipe Pardo, médio do Olympiacos
Vamos defrontar uma equipa que pressiona, que joga bom futebol e que não dá uma bola por perdida. Mas nós temos uma grande equipa e temos de demonstrá-lo. Sabemos que não vai ser fácil mas, tendo confiança e ritmo, podemos desequilibrar e marcar.