Thorup a deixar marca no Midtjylland

O Midtjylland parece ter acertado em cheio ao contratar Jess Thorup, ex-seleccionador Sub-21 da Dinamarca, quando se aproxima o duelo com o Southampton.

Jess Thorup durante o empate 1-1 em Southampton
Jess Thorup durante o empate 1-1 em Southampton ©Getty Images

Parecia um verdadeiro golpe quando o FC Midtjylland contratou Jess Thorup, que havia terminado contrato como seleccionador dos Sub-21 da Dinamarca.

Glen Riddersholm havia deixado repentinamente o clube depois de o levar ao seu primeiro título dinamarquês, mas em Thorup o Midtjylland encontrou um técnico igualmente capaz de atingir grandes feitos.

Antigo avançado e treinador do Esbjerg, foi eleito seleccionador Sub-21 da Dinamarca em 2013 e guiou a equipa sem derrotas até à fase final do Campeonato da Europa Sub-21 da UEFA realizado na República Checa. E a equipa chegou mesmo às meias-finais, mas caiu nessa fase com uma derrota por 4-1 ante a Suécia.

Veja: A Dinamarca ganha à Sérvia rumo às meias-finais
Veja: A Dinamarca ganha à Sérvia rumo às meias-finais

Enquanto ao leme dos Sub-21 o foco é o desenvolvimento de talentos para a equipa sénior, estar ao comando dos campeões do seu país pressupõe manter e prosseguir no rumo do sucesso. Contudo, quando o Midtjylland perdeu 2-1 em casa com o APOEL na primeira mão da terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League, em Julho, Thorup disse: "Estamos ainda numa fase de aprendizagem."

Thorup aprende da pior forma, na derrota caseira com o APOEL
Thorup aprende da pior forma, na derrota caseira com o APOEL©AFP/Getty Images

Se o Midtjylland está ainda em fase de aprendizagem, a equipa e o seu técnico parecem aprender depressa. Ganharam a segunda mão por 1-0 no Chipre e quase seguiram em frente, e no "play-off" da UEFA Europa League, o empate no reduto do Southampton na semana passada dá à equipa boas hipóteses de se estrear na fase de grupos, depois de ser eliminada nesta mesma fase nas duas últimas temporadas.

Se afastarem os "saints" de Ronald Koeman, grande parte dos créditos para esse feito irá, certamente, para o técnico de 45 anos. Thorup é um homem calmo, mas não tem problemas em transformar-se quando necessário.

Tal como antes de um recente jogo fora frente ao Aalborg na Superliga dinamarquesa, quando considerou que o ambiente no balneário estava demasiado relaxado. "Pensam que isto é uma espécie de amigável de Verão?", gritou – e conseguiu acordar os seus jogadores rumo a uma vitória por 2-0. Em Southampton não precisou de levantar a voz, e a tranquilidade ainda o caracteriza, em vésperas da segunda mão, quinta-feira, em Herning.