Factos e números da quinta jornada

O UEFA.com reúne as principais estatísticas desta semana: novo empate do St-Étienne, série vitoriosa do Dínamo Moscovo a crescer e dez golos para dois jogadores.

O St-Étienne voltou a empatar na quinta jornada – o quinto consecutivo nas competições da UEFA
O St-Étienne voltou a empatar na quinta jornada – o quinto consecutivo nas competições da UEFA ©AFP/Getty Images

• A participação de Óscar Cardozo pelo Trabzonspor AŞ na vitória sobre o FC Metalist, por 3-1, foi a sua 41ª partida na UEFA Europa League – recorde na competição. Os jogadores mais próximos, esta época, neste particular são Daniel Carriço, do Sevilla FC (39 jogos), Jeremain Lens, do FC Dynamo Kyiv (38), e Jan Vertonghen, do Tottenham Hotspur FC (37).

• Alan, com os dois golos apontados pelo FC Salzburg ao Celtic FC, e Ricky van Wolfswinkel, com o tento marcado pelo AS Saint-Étienne ao Qarabağ FK, elevaram na quinta jornada para dez o número de golos apontados. Quinze jogadores têm agora dois dígitos na competição, liderada de longe por Radamel Falcao com 30.

• As derrotas na quinta jornada significaram que FK Partizan e ŠK Slovan Bratislava vão agora em 11 jogos sem vencer – novo máximo negativo na prova.

• Na verdade, o Slovan perdeu oito jogos consecutivos – o que iguala o recorde da UEFA Europa League, partilhado por PFC CSKA Sofia e SK Rapid Wien. Tanto o Slovan como o FC Mestalist Kharkiv podem juntar-se ao Shamrock Rovers FC (2011/12) no lote de equipas eliminadas na fase de grupos da UEFA Europa League sem somar qualquer ponto caso voltem a ser derrotados na sexta jornada.

• O St-Étienne empatou os cinco jogos do Grupo F. Caso empate mais outro igualará o registo único da Juventus de seis igualdades na fase de grupos de 2010/11.

• O clube gaulês não é o único recém-chegado esta época à UEFA Europa League em busca da primeira vitória, pois FC Krasnodar, FC Dinamo Minsk e Rio Ave FC partilham esta distinção nada invejável. Todavia, outra equipa conseguiu sair deste grupo na quinta jornada, pois o FC Astra Giurgiu estreou-se a ganhar ao bater em casa o GNK Dinamo Zagreb, por 1-0.

• A derrota do Dinamo Zagreb na Roménia significa que tem mais derrotas averbadas na UEFA Europa League do que qualquer outra equipa – 16.

• O empate sem golos do Nápoles na visita ao AC Sparta Praha foi o quinto na UEFA Europa League, igualando o máximo da competição partilhado por Liverpool FC, R. Standard de Liège e SS Lazio.

• Os triunfos do Salzburgo no reduto do Celtic e da ACF Fiorentina no terreno do EA Guingamp – os quais significaram o apuramento a ambos os conjuntos como vencedores dos respectivos grupos – fez os dois clubes aumentarem para oito a série de jogos fora sem perder. Caso consigam melhorar esse registo nos 16 avos-de-final igualarão o recorde de nove na competição detido pelo PAOK FC. A Fiorentina não perdeu fora na UEFA Europa League nas duas últimas épocas.

• O Salzburgo já venceu por três vezes o seu grupo na UEFA Europa League, o que iguala o feito alcançado por PSV Eindhoven e Sporting Clube de Portugal, primeiros classificados das respectivas secções entre 2009/10 e 2011/12.

• A equipa austríaca lidera esta época o total de golos marcados, com 16 obtidos em cinco partidas. Caso marque mais dois em casa, contra o Astra, atingirá o recorde da UEFA Europa League, partilhado por RSC Anderlecht (2011/12), FC Zenit e PFC CSKA Moskva (estes dois em 2010/11).

• Com cinco triunfos em outros tantos jogos, o estreante FC Dinamo Moskva está prestes a tornar-se na sexta equipa a conquistar os 18 pontos na fase de grupos da UEFA Europa League. Entre os outros clubes que somaram o máximo de pontos em disputa está também a equipa russa do Zenit, vencedor das seis partidas em 2010/11.

• Remate certeiro de Georginio Wijnaldum que deu o empate final 3-3 ao PSV Eindhoven, no encontro da quinta jornada disputado em dois dias no terreno do Estoril Praia, foi o golo 3000 na UEFA Europa League. Os tentos foram marcados em 1145 jogos, numa média de 2,62 por partida.

• O PSV marcou 72 desses golos e é o clube mais concretizador da competição. A igualdade em Portugal foi igualmente a 13ª do emblema holandês na UEFA Europa League, registo que constitui novo recorde na prova.