Campeão Atlético sonha com nova final

O Atlético dá o primeiro passo num caminho perigoso que espera que o leve até Amesterdão, no próximo mês de Maio, quando iniciar a defesa do título da UEFA Europa League, na quinta-feira.

O Atlético, campeão da UEFA Europa League, venceu a SuperTaça Europeia em grande estilo, no mês passado
O Atlético, campeão da UEFA Europa League, venceu a SuperTaça Europeia em grande estilo, no mês passado ©Getty Images

O Club Atlético de Madrid, de Sílvio e Tiago, começa a tornar-se uma presença assídua na final da UEFA Europa League, depois de ter ganho o torneio duas vezes nos últimos três anos, e tem grandes esperanças de chegar ao jogo decisivo desta época, em Amesterdão, a 15 de Maio. Depois do triunfo convincente sobre o Chelsea FC, de Hilário e Paulo Ferreira,  na Supertaça Europeia, também vai estar confiante em registar a 14ª vitória consecutiva nas competições europeias, no seu jogo de estreia no Grupo B, frente ao Hapoel Tel-Aviv FC.

Enquanto o Athletic Club, finalista-vencido da época passada, também inicia a sua campanha frente a um adversário israelita, no caso o estreante Hapoel Kiryat Shmona FC, no Grupo I. O tri-campeão da Taça UEFA, FC Internazionale Milano enfrenta uma tarefa complicada quando começar o Grupo H, na recepção ao FC Rubin Kazan no Stadio Giuseppe Meazza. Também vai ter lugar um intrigante confronto italo-russo no Grupo A, onde a Udinese Calcio recebe o FC Anji Makhachkala, treinado por Guus Hiddink e capitaneado por Samuel Eto'o, jogador três vezes vencedor da UEFA Champions League. Igualmente no Grupo A, o Liverpool FC, que também venceu a Taça UEFA em três ocasiões, inicia o seu percurso fora, frente ao BSC Young Boys, com o objectivo de aumentar para oito a série invicta frente a equipas suíças.

Dois antigos finalistas da Taça dos Clubes Campeões Europeus, VfL Borussia Mönchengladbach e Olympique de Marseille, iniciam o Grupo C frente ao estreante AEL Limassol FC (dos portugueses Dossa Júnior, Carlitos, José Embalo, Jorge Monteiro, Rui Miguel, Orlando Sérgio e Paulo Sérgio) e ao gigante turco Fenerbahçe SK (de Raul Meireles), respectivamente. No Grupo G, Paulo Sousa, vencedor da UEFA Champions League como jogador, vai orientar os húngaros do Videoton FC (que conta com Marco Caneira e Filipe Oliveira) frente ao KRC Genk, enquanto os pesos-pesados Sporting Clube de Portugal e FC Basel 1893 medem forças pela quinta vez nas últimas épocas, em Lisboa, no mesmo grupo.

Campeão europeu em 1985/86, o FC Steaua Bucureşti terá pela frente o VfB Stuttgart na abertura do Grupo E, com a ambição de bater uma equipa alemã pela primeira vez em 13 tentativas, enquanto o Molde FK de Ole Gunnar Solskjær desloca-se até à capital dinamarquesa para defrontar o vizinho FC København. Depois de surpreender o PFC CSKA Moskva no"play-off", o AIK Solna vai testar o orgulhoso registo de 14 jogos europeus sem perder da SSC Napoli no Stadio San Paolo, no Grupo F. Já a S.S. Lazio também vai ter dificuldades para colocar um ponto final na série de sete jogos sem ganhar frente a equipas inglesas, quando viajar até ao terreno do Tottenham Hotspur de André Villas-Boas, no Grupo J.