Jogar em casa moraliza Moisander

Niklas Moisander acredita que "tudo é possível" para o AZ, líder do campeonato da Holanda, se conseguir realizar mais uma boa exibição em casa nos quartos-de-final, frente ao Valência.

Niklas Moisander está feliz pelos feitos europeus do AZ Alkmaar esta época
Niklas Moisander está feliz pelos feitos europeus do AZ Alkmaar esta época ©UEFA.com

Após ter atingido os quartos-de-final de uma competição europeia pela quarta vez no seu historial, o AZ Alkmaar pretende aproveitar ao máximo o seu impressionante momento de forma caseiro quando receber o Valencia CF, na quinta-feira, com o capitão de equipa, Niklas Moisander, a insistir: "Se conseguirmos um bom resultado na primeira mão, então tudo é possível."

Uma sequência de seis vitórias consecutivas e dois empates deixaram o seu capitão confiante em ganhar ao Valência, que venceu apenas uma vez fora nas competições europeias esta época. "Até ao momento, jogar primeiro em casa tem funcionado bem para nós", disse Moisander.

A confiança do internacional finlandês pode ser fortalecida pelo facto de o único sucesso anterior do AZ frente a um adversário espanhol numa eliminatória a duas mãos ter sido nesta fase, em 2004/05, na Taça UEFA.

A esse propósito, Moisander elogiou a participação europeia do AZ: "É um feito inacreditável e maravilhoso para nós termos chegado tão longe nas competições europeias e irmos defrontar um clube tão grande."

Quanto ao treinador Verbeek, é realista em relação às hipóteses da sua equipa. "Quando soube do resultado do sorteio, pensei: 'O terceiro classificado espanhol é um pouco melhor que o quarto classificado italiano [a Udinese Calcio, adversária nos oitavos-de-final]'. Quanto mais longe se chega, mais forte é o adversário."

"Não creio que vençamos a UEFA Europa League. Basta ver o orçamento e os jogadores do Valência para perceber que tem uma vantagem de 70/30. No entanto, no futebol, existe sempre a possibilidade de as equipas mais pequenas baterem as grandes."