Arena Nacional abre nova era para futebol na Roménia

"Este estádio vai incentivar os jogadores a exibirem-se a um melhor nível,"afirmou Dorinel Munteanu, o jogador mais internacional de sempre pela Roménia, na inauguração do Arena Nacional em Bucareste.

National Arena, Bucareste ©Getty Images

Alguns dos jogadores romenos mais importantes das últimas décadas estiveram reunidos em Bucareste, esta terça-feira, para a inauguração oficial do novo estádio, o Arena Nacional, que vai ser o palco da final da UEFA Europa League de 2011/12.

Os quatro jogadores com mais de 100 internacionalizações pela Roménia foram as grandes estrelas da cerimónia que precedeu o empate a zero entre a Roménia e a França, na qualificação para o UEFA EURO 2012: László Bölöni (108 internacionalizações, actualmente treinador do PAOK FC), Gheorghe Popescu (115), Gheorghe Hagi (125) e Dorinel Munteanu (134, actualmente treinador dos campeões romenos do FC Oţelul Galaţi).

Os quatro jogadores têm boas recordações do velho Stadionul 23 de Agosto - mais tarde rebaptizado Estádio Nacional -, que estava situado no local do novo recinto, o primeiro da Roménia com nível de elite. "Este estádio vai incentivar os jogadores a exibirem-se a um melhor nível", afirmou Munteanu, que vai orientar o Otelul, pela primeira vez, na fase de grupos da UEFA Champions League desta época.

Entretanto, Miodrag Belodedici, embaixador da final da UEFA Europa League, internacional pela Roménia em 53 ocasiões, acrescentou: "É um estádio muito bonito, bastante elegante; algo que não tínhamos anteriormente na Roménia. Os romenos estão ansiosos por ver estádios novos, por ver melhoramentos nas infra-estruturas desportivas, e espero que seja um enorme sucesso."

Os trabalhos de demolição do antigo estádio começaram a 21 de Novembro de 2007, logo após o encontro com a Albânia de qualificação para o UEFA EURO 2008. O Arena Nacional levou quatro anos a ser construído e tem capacidade para 55 mil espectadores, incluindo 42 camarotes executivos com espaço para 504 convidados VIP. A cobertura ocupa uma superfície de 29.600 metros quadrados, com a construção a ocupar um total de 108.420 metros quadrados.

Quando o original Stadionul 23 de Agosto foi construído, em 1953, para receber o 4º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes, estava numa aldeia dos arredores de Bucareste. O local é actualmente um dos bairros mais prósperos da capital, a apenas dez minutos do centro da cidade, e a nova casa da selecção da Roménia é o símbolo do desenvolvimento da moderna Bucareste.

É também um sinal da revolução que está a acontecer no futebol romeno. Nos próximos dois anos devem ser inaugurados mais dois modernos estádios: o Arena Cluj e o Stadionul Ilie Oană, em Ploiesti.