Dupla atacante delicia Hitzfeld

O treinador do Bayern, adversário do Belenenses na Taça UEFA, afirmou que Toni foi "sensacional" e que Klose esteve "em grande" frente ao Cottbus.

O treinador do adversário do Belenenses na primeira eliminatória da Taça UEFA, Ottmar Hitzfeld, afirmou que Luca Toni "foi sensacional", enquanto Miroslav Klose esteve "em grande", depois de a dupla, que custou 23 milhões de euros ao FC Bayern München, ter estado em evidência no triunfo dos bávaros, por 5-0, sobre o FC Energie Cottbus.

Golo de puro prazer
Toni marcou o terceiro golo do Bayern no jogo disputado esta quarta-feira e o seu colega de ataque, também contratado este Verão, apontou um "hat-trick", ambos recebendo rasgados elogios do seu treinador. "Luca é um campeão do Mundo e podemos constatar isso em cada movimento que executa", afirmou Hitzfeld. "O seu golo foi um prazer de se ver, e ele é sempre sensacional. Dá constantemente trabalho a dois ou três adversários, pede a bola, não a perde e procura servir o seu companheiro mais próximo". Quanto a Klose, com quem o italiano forma a dupla de ataque, Hitzfeld acrescentou: "O Miro está em grande. Os dois juntos são como que uma dádiva de Deus para mim".

Ribéry em segundo plano
O resultado alcançado quarta-feira voltou a provar, à sétima jornada, o estatuto do Bayern como maior favorito à conquista to título alemão, que perdeu na última temporada, e o mesmo acontece nas outras duas competições internas em que participa. Embora o talentoso médio Franck Ribéry, contratado por 25 milhões de euros, continue a despertar olhares de admiração, têm sido Toni e Klose a fazer as manchetes dos jornais, formando uma dupla que parece mesmo ter sido feita para jogar junta. Em seis jogos disputados na Bundesliga esta temporada, Klose soma oito golos e Toni cinco, totalizando 13 dos 21 tentos já apontados pelo Bayern.

Excelente dupla
A parceria no ataque tem recebido elogios vindos de toda a parte, mas Klose, de 29 anos, tenta não entrar em euforias. "É melhor não falar muito sobre como as coisas estão a correr bem comigo e com o Luca", afirmou. Fontes ligadas ao Bayern referem que a personalidade fácil de Toni o tornou num dos jogadores favoritos dentro e fora de campo, mas Klose quer ainda mais de si e do seu colega de ataque. Após a vitória sobre o Cottbus, o ponta-de-lança germânico afirmou: "A única coisa que nos podem apontar é que não concretizámos todas a oportunidades".

Renascer em Munique
No Werder Bremen, na segunda metade da última temporada, Klose parecia uma sombra daquilo que fora no passado. A mudança para Munique como que revigorou o internacional alemão. O antigo médio do Bayern, Stefan Effenberg, referiu: "Ele está numa forma incrível. Enquadra-se perfeitamente no sistema do Bayern, uma vez que é uma equipa muito ofensiva". O Bayern teve outro motivo para festejar frente ao Cottbus, com Toni Kroos a tornar-se no mais jovem jogador a actuar na Bundesliga, quando entrou aos 72 minutos, com apenas 17 anos, oito meses e 22 dias. Uma das estrelas da edição deste ano do Campeonato do Mundo de Sub-17, o jovem ainda foi a tempo de oferecer dois golos a Klose.