O "site" oficial do futebol europeu

Holanda derrotada na Bielorrússia

Publicado: Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007, 21.45CET
Bielorrússia 2-1 Holanda
Vitali Bulyga e Vladimir Korythko marcaram os golos que deram à selecção da casa uma excelente vitória.
Holanda derrotada na Bielorrússia
O bielorrusso Yegor Filipenko disputa um lance com Danny Koevermans ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

BielorrússiaHolanda

Golos marcados2
 
1
Remates à baliza3
 
5
Remates para fora5
 
8
Cantos6
 
3
Faltas cometidas17
 
21
Cartões amarelos2
 
1
Cartões vermelhos0
 
0

Classificação

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Última actualização: 16/10/2015 10:35 CET
Publicado: Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007, 21.45CET

Holanda derrotada na Bielorrússia

Bielorrússia 2-1 Holanda
Vitali Bulyga e Vladimir Korythko marcaram os golos que deram à selecção da casa uma excelente vitória.

Golos de Vitali Bulyga e Vladimir Korythko já na segunda parte garantiram à Bielorrússia uma despedida vitoriosa da fase de qualificação para o UEFA EURO 2008™, com um saboroso triunfo sobre a Holanda, em Minsk.

Qualificação assegurada
Os visitantes já haviam assegurado o seu lugar na fase final no próximo Verão, com uma vitória por 1-0 sobre o Luxemburgo no último fim-de-semana, mas esta derrota deixou os comandados de Marco van Basten no segundo lugar do Grupo G, atrás da Roménia. A Bielorrússia, por seu lado, subiu do sexto lugar que ocupava antes do apito inicial para o quarto, com 13 pontos, mais dois que Albânia e Eslovénia.

Início prometedor
A Holanda iniciou bem o jogo no Estádio Dínamo, com Danny Koevermans e Ryan Babel a errarem o alvo em boa posição, e depois foi a vez de o guarda-redes holandês Maarten Stekelenburg ser obrigado a aplicar-se para parar um remate de Korythko, antes de ver Aleksandr Hleb disparar ao lado. Mas as melhores oportunidades pertenciam à selecção comandada por Van Basten - que tinha marcado apenas 14 golos em 11 jogos, menos um que a sua adversária. Yegor Filipenko parou um remate de Babel e Rafael van der Vaart e Wilfred Bouma tentaram, sem êxito, a sua sorte com remates de longe.

Bielorrússia na frente
Maksim Romashchenko deixou o aviso por parte da Bielorrússia nos derradeiros instantes da primeira parte e a Holanda não percebeu a mensagem. A selecção "laranja" ficou mesmo em desvantagem aos quatro minutos da segunda parte, quando Bulyga recebeu o esférico de Korythko e disparou rasteiro para o fundo da baliza à guarda de Stekelenburg. Giovanni van Bronckhorst e Van der Vaart estiveram perto de empatar, e Aleksei Skverniuk, com um forte remate de longe, quase fez o 2-0 para a selecção da casa, que contudo não tardou muito mais. Foi Korythko quem facturou, com um remate em arco perto da entrada da área, a passe de Bulyga.

Golo espectacular
Koevermans e Van der Vaart desperdiçaram boas oportunidades e o desafortunado Babel acertou na trave, mas apenas aos 89 minutos a Holanda conseguiu levar a melhor sobre a defesa bielorrussa. Van der Vaart apontou um golo espectacular, fazendo um chapéu perfeito a Yuri Zhevnov e apontado o golo de consolação dos holandeses, insuficiente para evitar uma moralizadora vitória da selecção comandada por Bernd Stange.

Última actualização: 21-11-07 21.33CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2008/matches/round=2241/match=83701/postmatch/report/index.html#holanda+derrotada+bielorrussia