O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Participantes no UEFA EURO 2020 em foco: Eslováquia

Continuamos a olhar para as 24 selecções apuradas para o UEFA EURO 2020. Desta feita destacamos a Eslováquia.

 Marek Hamšík's festeja depois de marcar à Rússia no EURO 2016
Marek Hamšík's festeja depois de marcar à Rússia no EURO 2016 @Getty Images

Historial no EURO

Presenças em fase finais anteriores: 4 (1 com Eslováquia, 3 as Checoslováquia)
Melhor resultado num EURO: vencedora, como Checoslováquia (1976), oitavos-de-final, como Eslováquia (2016)

Os jogadores eslovacos foram cruciais para que a Checoslováquia levasse para casa medalhas sempre que se apurou para fase finais do EURO: bronze em 1960 e 1980 e, claro, o ouro em 1976. Porém, depois da divisão entre República Checa e Eslováquia, os eslovacos passaram por um largo período de ausência de grandes competições, falhando o apuramento para cinco EUROs seguidos antes de se estrearem em nome próprio no EURO 2016, no qual ultrapassaram a fase de grupos e acabaram depois eliminados pela Alemanha.

Veja o golo que apurou a Eslováquia para o EURO 2020
Veja o golo que apurou a Eslováquia para o EURO 2020

Jogadores-chave

Marek Hamšík (126 internacionalizações, 26 golos)
O jogador mais internacional da história da selecção da Eslováquia e também o seu melhor marcador de sempre, continua a ser igualmente o mais preponderante. Agora com 33 anos, o médio estreou-se como futebolista profissional em Fevereiro de 2007 e capitaneou a Eslováquia pela primeira vez com apenas 21 anos. Foi o goleador da sua seleção na fantástica campanha de apuramento para o EURO 2016, com cinco golos.

Milan Škriniar (36 internacionalizações, 0 golos)
O defesa-central do Inter de Milão, com a sua excelente capacidade de passe, é fundamental na capacidade da Eslováquia em começar a construir a partir de trás. Titular na sua selecção desde que Ján Ďurica se retirou dos palcos internacionais em 2017, alinhou em duas partidas do EURO 2016, pelo que tem já alguma experiência em fases finais.

Eslováquia surpreende Espanha na qualificação de 2016
Eslováquia surpreende Espanha na qualificação de 2016

Golos memoráveis no EURO

• O fantástico remate de longe de Ladislav Jurkemik que bateu Dino Zoff no encontro de atribuição do terceiro lugar do Europeu de 1980 entre a Checoslováquia e a Itália, em Nápoles, em 1980 continua a ser um verdadeiro clássico e ajudou a selecção checoslovaca a chegar ao bronze.

• O golo de Marek Hamšík, de ângulo apertado, frente à Rússia, em Lille, durante a fase de grupos de 2016, ampliou a vantagem eslovaca depois de Vladimír Weiss ter aberto o activo. A Eslováquia acabaria por vencer por 2-1: a sua única vitória em fases finais do EURO desde a independência.

• O golo de cabeça de Miroslav Stoch, vindo do banco, frente à Espanha, a bater Iker Casillas, na fase de qualificação para o EURO 2016, em Trnava, que valeu uma surpreendente vitória da Eslováquia por 2-1 e pôs fim a uma série de 36 jogos seguidos dos espanhóis sem perder em jogos de qualificação europeia.

Veja os jogadores da Eslováquia a cantar o hino no EURO 2016
Veja os jogadores da Eslováquia a cantar o hino no EURO 2016

Momentos memoráveis

• Antonín Panenka, nascido na República Checa, marcou o penálti da vitória da Checoslováquia no Europeu de 1976 sobre a República Federal Alemã, mas a selecção checoslovaca estava repleta de jogadores naturais da Eslováquia e tinha dois eslovacos ao leme: o treinador principal Václav Ježek e o adjunto Jozef Vengloš.

• O EURO 2016 foi uma autêntica festa para os adeptos eslovacos; a sua selecção já tinha estado na fase final do Campeonato do Mundo da FIFA de 2010 como nação independente, mas essa foi a sua primeira fase final de um EURO.

• O penálti da vitória convertido pelo eslovaco Jozef Barmoš durante o emocionante desempate por pontapés da marca de grande penalidade no Europeu de 1980 ante a anfitriã Itália, em Nápoles. O jogo de atribuição do terceiro lugar terminou empatado 1-1, mas a Checoslováquia levou a medalha de bronze para casa ao vencer o desempate por penáltis por 9-8.

Estatísticas

Todos os golos da Eslováquia rumo ao EURO 2020
Todos os golos da Eslováquia rumo ao EURO 2020

Mais jogos disputados em fases finais
6: Koloman Gögh, Ladislav Jurkemik, Michal Masný, Anton Ondruš
4: Jozef Barmoš, Ján Ďurica, Marek Hamšík, Matúš Kozáčik, Ján Kozák Sr, Juraj Kucka, Peter Pekarík, Martin Škrtel, Vladimír Weiss Jr

Mais golos em fases finais do torneio

1: Karol Dobiáš, Ondrej Duda, Marek Hamšík, Ladislav Jurkemik, Anton Ondruš, Ladislav Pavlovič, Ján Švehlík, Vladimír Weiss

A ter em atenção: Hamšík marcou 11 golos ao todo no EURO: dez em fases de qualificação, mais um na fase final do EURO 2016, frente à Rússia.

Sabia que?

• Anton Ondruš é o único eslovaco a ter marcado por duas vezes numa fase final de um Europeu: ambos nas meias-finais do Campeonato da Europa de 1976, frente à Holanda, em Zagreb. Abriu o activo, de cabeça, para a Checoslováquia, mas também apontou um autogolo, num triunfo por 3-1 da sua selecção.

• Ján Kozák jogou pela Checoslováquia no Campeonato da Europa de1980 e 36 anos mais tarde orientou a Eslováquia no EURO 2016.

• O defesa-central Škriniar é o jogador eslovaco mais jovem de sempre a alinhar na fase final de um Europeu. Tinha 21 anos e 130 dias quando saltou do banco frente à Inglaterra em Saint-Étienne no EURO 2016.