O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Nielsen resolve a favor da Noruega

Noruega 2-1 Bulgária
Num jogo repartido, a equipa anfitriã estreou um jovem de 15 anos e garantiu a vitória na segunda parte pelo suplente Håvard Nielsen.

Norway 2-1 Bulgaria

Håvard Nielsen, nascido em Oslo, marca golo decisivo na capital norueguesa
Martin Ødegaard torna-se jogador mais noveo na história do EURO
Cabeceamento de Nikolay Bodurov pela Bulgária responde a tento inaugural de Tarik Elyounoussi
Noruega soma seis pontos em três partidas; Bulgária tem menos três
Próximos jogos: Azerbaijão - Noruega, Bulgária - Malta (16 de Novembro)

A Noruega arrancou três preciosos pontos, ultrapassando o seu adversário desta segunda-feira, a Bulgária, na classificação do Grupo H, graças a um difícil triunfo caseiro por 2-1.

Numa partida que começou algo confusa, Tarik Elyounoussi abriu o activo para a formação nórdica, e os búlgaros responderam perto do descanso, por Nikolay Bodurov. Håvard Nielsen fez o 2-1 final.

Os da casa começaram com vontade de marcar cedo e a pressão acabou por dar frutos aos 13 minutos. O capitão Per Ciljan Skjelbred fez um passe para as costas da defesa búlgara e Elyounoussi isolou-se, tirou um guardião Nikolay Mihaylov da jogada e empurrou para o fundo da baliza deserta.

A Bulgária tentou responder e, aos 21 minutos, um cruzamento de Alexandar Tone quase traía Ørjan Nyland, que teve de desviar para canto. Na resposta, Martin Linnes subiu no terreno para obrigar Mihaylov a defesa apertada, negando o 2-0. Os búlgaros tinham agora a iniciativa, mas não apresentavam ideias para criar muito perigo e expunham-se em demasia aos contra-ataques noruegueses, que aconteciam com três e quatro elementos e com muita rapidez. Até que, aos 43 minutos, os visitantes empataram mesmo. Na sequência de um canto, Bodurov antecipou-se ao seu marcador directo, Alexander Tettey, e cabeceou com êxito.

O segundo tempo trouxe uma tendência diferente, com a Noruega a entrar mais na expectativa e a Bulgária mais competente na posse de bola, dando poucos espaços ao adversário. E à passagem da hora de jogo, Georgi Iliev rematou rente ao poste esquerdo da baliza de Nyland.

Um dos momentos do jogo chegou com a entrada em campo do jovem prodígio de apenas 15 anos, Martin Ødegaard, para o lugar de Mats Møller Daehli. Uma estreia absoluta pela Noruega numa idade pouco habitual. Isto numa altura em que Nielsen já se encontrava em campo, após substituir Joshua King, que saíra lesionado. E foi mesmo Nielsen (72') a fazer o 2-1, numa altura em que a Noruega começava a apoderar-se do jogo. Após cruzamento da esquerda, a bola chegou ao avançado no coração da área e este encostou com êxito.