O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Portugal com Dinamarca e Sérvia, Espanha com Ucrânia

O sorteio da qualificação do EURO 2016 colocou Portugal no Grupo I ao lado de Dinamarca, Sérvia, Arménia e Albânia, ao passo que a Espanha regressa à Ucrânia, palco da conquista de 2012.

Portugal com Dinamarca e Sérvia, Espanha com Ucrânia
Portugal com Dinamarca e Sérvia, Espanha com Ucrânia ©UEFA.com

O sorteio da fase de qualificação do UEFA EURO 2016 colocou Portugal no Grupo I, juntamente com Dinamarca, Sérvia, Arménia e Albânia. Quanto à campeã Espanha, vai regressar à Ucrânia, palco da sua última conquista, na tentativa de alcançar o UEFA EURO 2016 e tornar-se na primeira selecção a sagrar-se tricampeã.

CALENDÁRIO DE JOGOS (em inglês)

O sorteio da fase de qualificação, realizado no Palais des Congrès Acropolis, em Nice, emparelhou a "la roja" - que a seguir ao triunfo de 2008 venceu na Polónia e Ucrânia, há dois anos - com Eslováquia, Bielorrússia, ARJ da Macedónia e Luxemburgo, no Grupo C. A Itália, finalista vencida na final de 2012, em Kiev, está integrada no Grupo H, com duas equipas que defrontou na fase de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2014, Bulgária e Malta, para além de Azerbaijão, Croácia e Noruega.

A Alemanha – que tal como a Espanha ganhou a competição em três ocasiões – faz parte do Grupo D, juntamente com República da Irlanda, Polónia, Escócia, Geórgia e Gibraltar, que se prepara para iniciar a sua campanha de estreia numa fase de qualificação.

A Bósnia e Herzegovina − que se apurou para o Mundial de 2014, a sua estreia numa fase final − era a única equipa do Pote 1 que não participou no UEFA EURO 2012, e se quiser fazer a estreia numa fase final europeia, terá de ultrapassar um grupo que conta com Bélgica, Israel, País de Gales, Chipre e Andorra.

Fase de qualificação explicada
Cinquenta e três países marcaram presença no sorteio, que foi conduzido pelo Secretário-Geral da UEFA, Gianni Infantino, dois vencedores do EURO, Ruud Gullit e Bixente Lizarazu, e ainda 13 guarda-redes europeus emblemáticos: Vítor Baía (Portugal), Fabien Barthez (França), Rinat Dasaev (Rússia), José Ángel Iribar (Espanha), Pat Jennings (Irlanda do Norte), Andreas Köpke (Alemanha), Antonis Nikopolidis (Grécia), Jean-Marie Pfaff (Bélgica), Peter Schmeichel (Dinamarca), Jan Tomaszewski (Polónia), Hans van Breukelen (Holanda), Ivo Viktor (República Checa) e Dino Zoff (Itália).

A Qualificação Europeia é composta por oito grupos de seis equipas e um de cinco, com jogos em casa e fora. Os nove vencedores dos grupos, os nove segundos classificados e o terceiro melhor posicionado apuram-se directamente para a fase final. Os restantes oito melhores terceiros classificados vão disputar o "play-off" para determinar os últimos quatro apurados para o torneio a 24 equipas.

Pela primeira vez, a qualificação disputa-se sob o novo conceito da Semana do Futebol, no qual serão realizados encontros de quinta a terça-feira. A França tem garantido um lugar na fase final, mas irá disputar jogos amigáveis centralizados de acordo com o calendário da Semana do Futebol, frente às formações do agrupamento com cinco equipas: Portugal, Dinamarca, Sérvia, Arménia e Albânia.

Grupo A
Holanda, Cazaquistão, Islândia, Letónia, Turquia, República Checa

Grupo B
Bósnia e Herzegovina, Andorra, Chipre, País de Gales, Israel, Bélgica

Grupo C
Espanha, Luxemburgo, ARJ da Macedónia, Bielorrússia, Eslováquia, Ucrânia

Grupo D
Alemanha, Gibraltar, Geórgia, Escócia, Polónia, República da Irlanda

Grupo E
Inglaterra, San Marino, Lituânia, Estónia, Eslovénia, Suíça

Grupo F
Grécia, Ilhas Faroé, Irlanda do Norte, Finlândia, Roménia, Hungria,

Grupo G
Rússia, Liechtenstein, República da Moldávia, Montenegro, Áustria, Suécia

Grupo H
Itália, Malta, Azerbaijão, Bulgária, Noruega, Croácia

Grupo I
Portugal, Albânia, Arménia, Sérvia, Dinamarca

Apurado para a fase final (anfitrião): França