Olheiro do #UCLFantasy: marcadores de penalties

O UEFA.com apresenta os marcadores de penalties que deve escolher para a sua equipa do #UCLFantasy.

©AFP/Getty Images

AEK Atenas: Petros Mantalos (MD, €4.5m) marcou os dois primeiros penalties do AEK em 2018/19 e assim elevou para nove em 13 (69 por cento) as tentativas convertidas.

Ajax: Lasse Schöne (MD, €5.5m) e Kasper Dolberg habitualmente dividem esta tarefa na formação holandesa, mas Schöne contabiliza 21 convertidos em 26 tentativas (81 por cento).

Atlético: Antoine Griezmann (AV, €10.5m) converteu 12 em 18 penalties (67 por cento), incluindo os últimos nove. O falhanço mais marcante foi na final da UEFA Champions League de 2016 e a conversão mais importante foi na final do Campeonato do Mundo.

Messi é o marcador de penalties do Barcelona
Messi é o marcador de penalties do Barcelona©AFP/Getty Images

Barcelona: Lionel Messi (AV, €11.5m) já marcou 71 em 93 (76 por cento) penalties, incluindo 11 em 14 na principal competição europeia de clubes (79 por cento). Não falha um penalty na UEFA Champions League desde Fevereiro de 2015 e o Barcelona nunca perdeu nas provas europeias sempre que Messi marcou de penalty.

Bayern: Robert Lewandowski (AV, €11.0m) converteu 36 de 39 penalties (92 por cento), incluindo 24 consecutivos entre 2015 e 2018. Não falhou nenhuma das sete tentativas de que dispôs na UEFA Champions League.

Benfica: Eduardo Salvio (MD, €5.5m) bisou de penalty frente ao PAOK no "play-off" e mantém um registo perfeito na carreira, com quatro convertidos. Pode prosseguir o bom momento na ausência de Jonas, o habitual marcador de penalties.

Club Brugge: Jelle Vossen (AV, €6.5m) converteu 21 em 27 penalties possíveis (78 por cento) e neste momento vai em oito seguidos, todos eles em vitórias do Club Brugge.

Estrela Vermelha: El Fardou Ben Nabouhane (AV, €6.0m) já converteu três penalties esta temporada (incluindo um nas provas europeias), enquanto na carreira falhou apenas um em 15 tentativas (93 por cento).

CSKA Moscovo: Abel Hernández (AV, €7.5m) marcou com sucesso 14 de 17 penalties (82 por cento) na sua carreira, mas já chegou a falhar dois em dois minutos.

Dortmund: Marco Reus (MD, €9.0m) deve ser o escolhido para a tarefa e converteu dez das 12 tentativas que teve (83 por cento), tendo marcado oito consecutivos entre 2013 e 2015.

Galatasaray: Após a saída de Bafétimbi Gomis, Younes Belhanda (MD, €7.0) deverá ser o candidato, até porque converteu as nove tentativas de que dispôs até à data na carreira profissional.

Andrej Kramarić é o escolhido pelo Hoffenheim
Andrej Kramarić é o escolhido pelo Hoffenheim©Getty Images

Hoffenheim: Andrej Kramarić (AV, €7.5m) tem uma excelente taxa de conversão (23/27, 85 por cento), mas falhou frente ao Liverpool na primeira mão do "play-off" da UEFA Champions League 2017/18.

Inter: Mauro Icardi (AV, €10.0m) marcou 14 em 19 penalties (74 por cento), incluindo sete seguidos entre 2016 e 2017, no entanto nunca dispôs de nenhum nas competições europeias.

Juventus: Cristiano Ronaldo (AV, €12.0m) é o único desta lista com mais de 100 penalties, tendo convertido 103 em 121 tentativas (85 por cento). Marcou sucessivamente 26 deles, entre Fevreiro de 2010 e Maio de 2012, a sua melhor sequência.

Liverpool: James Milner (MD, €5.5m) marcou 21 em 25 (84 por cento) e não falhou nenhuma das 15 tentativas que teve entre 2010 e 2017. Sempre que Milner marcou de penalty, o Liverpool nunca perdeu.

Manuel Fernandes celebra um golo pelo Lokomotiv
Manuel Fernandes celebra um golo pelo Lokomotiv©AFP/Getty Images

Lokomotiv Moscovo: Manuel Fernandes (MD, €7.5m) tem o impressionante registo de 11 em 12 penalties marcados (92 por cento) e nunca falhou nas provas da UEFA.

Lyon: Nabil Fekir (AV, €8.5m) marcou sete em nove penalties (78 por cento); a sua melhor sequência aconteceu entre 2016 e 2017, com quatro seguidos.

Man. City: Sergio Agüero (AV, €10.5m) converteu 35 de 44 penalties (80 por cento), incluindo os últimos cinco em todas as competições. Outrora, num "play-off" da UEFA Champions League, falhou dois no mesmo jogo e mesmo assim terminou com um "hat-trick". No torneio propriamente dito a sua taxa de sucesso diminui (8/11, 73 por cento).

Man. United: Paul Pogba (MD, €9.0m) começou a época como marcador de grandes penalidades do Manchester United, tendo marcado quatro penalties em seis na sua carreira como sénior (66 por cento).

Mónaco: Desde que chegou à Europea, Radamel Falcao (AV, €9.0m) marcou 35 de 47 penalties (74 por cento). Entre 2012 e 2013 converteu 13 seguidos.

Dries Mertens, marcador do Nápoles
Dries Mertens, marcador do Nápoles©AFP/Getty Images

Nápoles: Dries Mertens (AV, €10.0m) marcou 18 em 24, onde se inclui uma série de 12 consecutivos entre 2011 e 2015. No entanto, na fase de grupos da UEFA Champions League da época passada, falhou um frente ao Man. City.

Paris: Neymar (AV, €11.0m) converteu 20 penalties em 26 de que dispôs (77 por cento). Neste momento atravessa uma série de nove seguidos desde Outubro de 2016.

Plzeň: Michael Krmenčík (AV, €6.5m) é o marcador de serviço da formação checa esta época, tendo marcado um e falhado outro (50 por cento).

Porto: Vincent Aboubakar (AV, €6.5m) converteu os oito penalties de que já dispôs (100 por cento) na carreira, mas na época passada dividiu a responsabilidade com Alex Telles (DF, €5.5m) e Yacine Brahimi (MD, €7.0m).

PSV Eindhoven: Gastón Pereiro (AV, €5.5m) parece ser a escolha para esta época e já contabiliza dois penalties em 2018/19, atingindo uma taxa de sucesso de 80 por cento, fruto de quatro remates certeiros em cinco.

Sergio Ramos: o sucessor de Ronaldo no Real Madrid?
Sergio Ramos: o sucessor de Ronaldo no Real Madrid?©Getty Images

Real Madrid: Após a saída de Ronaldo, Sergio Ramos (DF, €6.5m) avançou para a marcação de penalties, tendo facturado na SuperTaça Europeia da UEFA. Apresenta uma boa taxa de sucesso (70 por cento) em dez tentativas.

Roma: Diego Perotti (MD, €8.5m) converteu 16 em 18 (89 por cento), mas tem a concorrência de Daniele De Rossi (MD, €7.0m), que não falha um penalty desde 2008 e marcou no triunfo sobre o Barcelona na segunda mão dos quartos-de-final da UEFA Champions League  2017/18.

Schalke: O conjunto alemão costuma rodar jogadores nesta tarefa, mas Nabil Bentaleb (MD, €7.5m) é o que apresenta melhor registo, com oito penalties marcados (100 por cento), seguido de Daniel Caligiuri (MD, €7.0m), igualmente com um registo perfeito mas em dez tentativas.

Shakhtar: Marlos (MD, €6.0m) marcou 11 penalties em 13 na sua carreira (85 por cento) e nunca falhou nas competições europeias.

O fiável Harry Kane
O fiável Harry Kane©Getty Images

Tottenham: Harry Kane (AV, €11.0m) marcou 21 de 26 penalties (81 por cento), incluindo os últimos cinco, e a sua melhor série aconteceu entre 2015 e 2016, com sete seguidos.

Valência: Apesar de nunca ter beneficiado de uma grande penalidade nas competições da UEFA, Daniel Parejo (MD, €6.5m) converteu 19 em 23 (82 por cento) nas provas espanholas. Presentemente marca há oito seguidos desde 2017.

Young Boys: Guillaume Hoarau (AV, €6.5m) já facturou dois penalties em 2018/19, passando a ter 42 tentativas convertidas com sucesso em 47 (89 por cento).

*Todas as percentagens são arredondadas para o número inteiro mais próximo e não incluem desempates por penalties. Amigáveis de selecções e competições de clubes não-europeus foram excluídos.

Topo