O que esperar da quinta jornada da Champions League

Cristiano Ronaldo regressa a casa, numa ronda em que grande parte das atenções vão estar viradas para o norte de Londres e em que Şenol Güneş promete mostrar a arte do seu Beşiktaş frente ao Benfica.

Olivier Giroud (Arsenal) em disputa com Marquinhos (Paris)
Olivier Giroud (Arsenal) em disputa com Marquinhos (Paris) ©Getty Images

JOGOS DE TERÇA-FEIRA

Ronaldo regressa a casa
A precisar de mais dois golos para chegar à centena nas provas de clubes da UEFA (e com 95 só na UEFA Champions League), Cristiano Ronaldo prepara-se para voltar a "casa" e reencontrar o Sporting CP ao serviço do Real Madrid. Que melhor palco para atingir novo feito histórico do que aquele onde iniciou a sua carreira profissional? Na primeira volta, um livre directo do internacional português ajudou o Real a dar a volta a um jogo no qual a derrota parecia já certa, antes de Álvaro Morata, nos descontos, confirmar a reviravolta.
Sporting - Real Madrid

Marco Reus ainda não jogou esta época
Marco Reus ainda não jogou esta época©Getty Images

Reus pronto para jogar?
Ainda ausente frente ao Bayern, no sábado, Marco Reus poderá ter o seu há muito aguardado regresso num jogo em que o Dortmund tentará selar a conquista do primeiro lugar do Grupo F. "É uma alegria vê-lo treinar," destaca o treinador Thomas Tuchel, que ainda não pôde contar com Reus esta temporada.
Dortmund - Legia

Poderá o Leicester erguer o troféu?
Antes do início da época, o Leicester não jogava para as provas europeias de clubes desde 1961. Apesar de, na Premier League, a forma da equipa de Claudio Ranieri estar longe de se assemelhar à da temporada passada, um empate chegar para carimbar a passagem aos oitavos-de-final e dar assim mais um passo rumo a um êxito ainda mais improvável do que o de 2015/16.
Leicester - Club Brugge

O Sevilha lidera actualmente o Grupo H
O Sevilha lidera actualmente o Grupo H©AFP/Getty Images

Sevilha tenta quebrar jejum de sete anos
Líder do Grupo H, o Sevilha precisa de um ponto para ultrapassar a fase de grupos da prova pela primeira vez desde 2009/10. Um empate sobre os campeões italianos, contra quem o Sevilha empatou na primeira jornada, em Turim, garante também em definitivo o primeiro lugar.
Sevilla - Juventus

"Spurs" de volta à boa forma?
O Tottenham visita o Mónaco depois de, neste fim-de-semana, ter somado a sua primeira vitória em sete jogos - desde 2 de Outubro - graças a um bis tardio de Harry Kane. O triunfo surge na altura certa para trazer de volta a confiança a uma equipa que precisa de somar os três pontos nesta quinta jornada para manteve vivo o sonho no Grupo E.
Monaco - Tottenham

JOGOS DE QUARTA-FEIRA

Arsenal e Paris empataram 1-1 em Setembro
Arsenal e Paris empataram 1-1 em Setembro

Encontro de gigantes em Londres
O Arsenal recebe o Paris Saint-Germain com o primeiro lugar do Grupo A em jogo, depois do empate 1-1 entre as duas equipas na primeira jornada. Contudo, o treinador dos parisienses já alertou: "Vai ser um jogo diferente, porque somos agora uma melhor equipa".
Arsenal - Paris

Atleti procura esquecer desilusão
"Perder incomoda-me", disse Diego Simeone após a derrota de sábado do Atlético com o rival Real Madrid. Foi um resultado que doeu, e os "colchoneros" irão dar tudo para se redimirem e seguirem como a única equipa ainda 100 por cento vitoriosa desta fase de grupos. Já apurada, a turma madrilena tenta, pois, a quinta vitória em cinco jogos no Grupo D.
Atlético - PSV

Recorde como o Celtic bateu o Barcelona em 2012
Recorde como o Celtic bateu o Barcelona em 2012

Celtic sonha repetir 2012
Os adeptos do Celtic sonham com uma repetição de 2012, quando, num jogo inesquecível, o Barcelona se viu batido por 2-1 no Celtic Park. A equipa de Brendan Rodgers, porém, ainda poderá estar a ter pesadelos com a pesada derrota por 7-0 que sofreu no terreno da turma catalã na primeira jornada deste Grupo C.
Celtic - Barcelona

Hamšík aponta a marca de Maradona
Marek Hamšík tem mostrado forte veia goleadora este mês, tanto ao serviço do Nápoles como pela Eslováquia. E, se marcar quarta-feira frente ao Dínamo Kiev, iguala Edinson Cavani como terceiro melhor marcador da história do clube, com 104 golos, aproximando-se ainda mais do recorde de 115 de Diego Maradona.
Napoli - Dynamo Kyiv

O treinador do Beşiktaş, Şenol Güneş
O treinador do Beşiktaş, Şenol Güneş©AFP/Getty Images

A arte de Şenol Güneş
O Beşiktaş recebe o Benfica na tentativa de ultrapassar a formação portuguesa na classificação do Grupo B – e consciente de que selará mesmo o apuramento se ganhar e o Nápoles não bater o Dínamo Kiev. Um cenário perfeito para Şenol Güneş, que recentemente comparou os seus métodos aos da arte da escultura: "perguntam-me muitas vezes o que faço para moldar os meus jogadores, mas a verdade é que não faço nada de especial. Simplesmente, limo as arestas como um bom escultor. Lidar com jogadores e alicerçar os princípios de uma equipa é como educar crianças e acho que tenho jeito para isso."
Beşiktaş - Benfica

Topo