Factos do Tottenham - Leipzig

O Tottenham está nos oitavos-de-final pela terceira época consecutiva e vai defrontar uma equipa do Leipzig que faz a sua estreia na fase a eliminar.

José Mourinho, técnico do Tottenham, vai tentar levar a melhor sobre o Leipzig
José Mourinho, técnico do Tottenham, vai tentar levar a melhor sobre o Leipzig ©Getty Images

A terceira presença consecutiva do Tottenham Hotspur nos oitavos-de-final da UEFA Champions League proporciona ao clube londrino um primeiro embate ante o Leipzig, emblema que está a fazer a sua estreia nesta fase da competição.

• Os "spurs" foram finalistas vencidos na edição anterior da prova e asseguraram o seu lugar na fase a eliminar ao terminarem no segundo posto do Grupo B, antes do Natal. Já o Leipzig, vai na sua segunda campanha na UEFA Champions League e, ao contrário da sua estreia em 2017/18, logrou seguir em frente para os oitavos-de-final como vencedor do Grupo G.

• O Leipzig é uma de duas equipas que marcam presença pela primeira vez nos oitavos-de-final em 2019/20, a par da Atalanta.

Resumo da 6ª Jornada: Bayern 3-1 Tottenham
Resumo da 6ª Jornada: Bayern 3-1 Tottenham

Guia de forma
Tottenham
 
• Os "spurs" terminaram com seis pontos de vantagem no segundo lugar do Grupo B, isto apesar de terem perdido os dois jogos que realizaram frente ao Bayern München, conjunto que fez o pleno no agrupamento. O Tottenham somou apenas um ponto nas suas duas primeiras partidas, com o empate a duas bolas no reduto do Olympiacos a anteceder uma derrota por 7-2 na recepção ao Bayern, naquela que foi a primeira vez que sofreu sete golos em casa nos 137 anos da sua história. Contudo, o emblema londrino recuperou em grande estilo e goleou em casa o Estrela Vermelha, por 5-0, naquele que foi o seu maior triunfo na UEFA Champions League.

• A vitória por 4-0 conseguida em Belgrado, por ocasião da Jornada 4, constituiu igualmente o melhor resultado fora do Tottenham na competição, antes do apuramento para os oitavos-de-final ficar assegurado naquele que foi o primeiro jogo europeu sob o comando técnico de José Mourinho (rendeu Mauricio Pochettino). Os "spurs" ainda estiveram a perder por dois golos em Londres, mas acabaram por dar a volta e vencer por 4-2 na 5ª jornada, antes de terminarem a sua campanha com um desaire por 3-1 em Munique.

• Na última edição da UEFA Champions League, a formação orientada por Pochettino recuperou do facto de ter somado apenas um ponto nos seus dois primeiros jogos para atingir os oitavos-de-final, onde se mostrou imperial frente ao Borussia Dortmund (3-0 em casa e 1-0 fora). Seguiram-se dramáticos triunfos devido à regra dos golos marcados fora, com as eliminações do Manchester City (1-0 em casa e 3-4 fora) e do Ajax (0-1 em casa e 3-2 fora) a levarem os "spurs" até à sua primeira final da Taça dos Clubes Campeões Europeus. Chegados ao encontro decisivo, o rival da Premier League, Liverpool, revelou-se demasiado forte no Estádio Metropolitano, em Madrid, vencendo por 2-0.

Resumo: Tottenham 4-2 Olympiacos
Resumo: Tottenham 4-2 Olympiacos

• Os "spurs" tinham vencido apenas um dos seus seis jogos disputados na UEFA Champions League (E1 D4) antes da 3ª Jornada, mas registaram de seguida três triunfos consecutivos, isto antes de perderem no reduto do Bayern.

• O clube londrino venceu dez dos seus 14 encontros anteriores em casa na UEFA Champions League, perdendo os outros quatro. Empataram em casa apenas numa ocasião na competição – 0-0 contra o AC Milan nos oitavos-de-final de 2010/11 (1-0 no total da eliminatória). O recorde do Tottenham no seu novo estádio é de três vitórias e duas derrotas.

• Esta será apenas a quarta presença dos "spurs" nos oitavos-de-final da UEFA Champions League (V2 D1). Em 2010/11, venceram fora o AC Milan por 1-0 e no cômputo geral da eliminatória; há duas temporadas, empataram 2-2 em Turim ante a Juventus na primeira mão, mas não evitaram o adeus à prova após perderem em casa por 2-1.

• O triunfo sobre o Dortmund nos oitavos-de-final da época transacta significa que o registo do Tottenham em eliminatórias a duas mãos frente a clubes alemães é de cinco vitórias e três empates.

• Os londrinos tinha vencido quatro encontros consecutivos contra clubes alemães, por sinal todos ante o Dortmund, antes da já referida derrota em casa frente ao Bayern, na 2ª Jornada.

Resumo da 6ª Jornada: Lyon 2-2 Leipzig
Resumo da 6ª Jornada: Lyon 2-2 Leipzig

Leipzig
• O Leipzig terminou com três pontos de vantagem no topo do Grupo G, sendo que sete dos seus 11 pontos foram conseguidos na condição de visitante, batendo fora o Benfica (2-1) e o Zenit (2-0), antes de ceder um empate (2-2) em Lyon na 6ª Jornada. Em casa, recuperaram do desaire por 2-0 sofrido perante o Lyon com uma vitória por 2-1 contra o Zenit, antes de empatarem a duas bolas frente ao Benfica, num desfecho referente à 5ª ronda e que selou o apuramento para os oitavos-de-final.

• O Leipzig venceu cinco dos seus 12 jogos na UEFA Champions League (três empates e quatro derrotas).

• Terceiro na edição transacta da Bundesliga e finalista vencido da Taça da Alemanha, esta é a terceira campanha europeia do Leipzig, preparando-se para disputar aquele que será apenas o seu jogo 31 nas competições europeias. Em 2017/18, tornou-se a primeira equipa a fazer a sua estreia europeia na fase de grupos da UEFA Champions League, terminando no terceiro posto com sete pontos, isto num agrupamento que incluía igualmente o Beşiktaş, o Porto e o Mónaco. Os germânicos viriam a chegar aos quartos-de-final da UEFA Europa League, onde foram batidos pelo Marselha.

• Há dois anos, o Leipzig perdeu no reduto do Beşiktaş (0-2) e do FC Porto (1-3), mas festejou uma goleada por 4-1 na visita ao Mónaco, que lhe permitiu somar o seu primeiro triunfo fora na Europa.

Resumo: Zenit 0-2 Leipzig
Resumo: Zenit 0-2 Leipzig

• Antes dos sucessos conseguidos na presente temporada, o Leipzig tinha apenas vencido três dos seus 12 encontros fora de casa nas competições europeias (quatro empates e cinco derrotas).

• Este será o primeiro jogo europeu do Leipzig frente a um clube inglês.

• O registo do Leipzig em eliminatórias europeias a duas mãos é de cinco vitórias e uma derrota, com o desaire em 2017/18 ante o Marselha a constituir o único fracasso (1-0 em casa e 2-5 fora).

Ligações e curiosidades
• Ethan Ampadu representa o Leipzig por empréstimo do Chelsea.

• Já jogou na Alemanha:
Heung-Min Son (Hamburgo 2008–13, Bayer Leverkusen 2013–15)

• Já jogaram em Inglaterra:
Ademola Lookman (Charlton 2013–17, Everton 2017–19)
Angeliño (Manchester City 2014–20) 

• Colegas de selecção:
Ben Davies e Ethan Ampadu (Paísd de Gales)

Cinco grandes golos do Tottenham
Cinco grandes golos do Tottenham

• Já jogaram juntos:
Christopher Nkunku e Serge Aurier (Paris Saint-Germain 2015–17)
Christopher Nkunku e Lucas Moura (Paris Saint-Germain 2015–18)
Tanguy Ndombélé e Dayot Upamecano, Christopher Nkunku (Sub-21 de França)
Steven Bergwijn e Angeliño (PSV Eindhoven 2018/19) 

• Harry Kane marcou na goleada por 5-0 aplicada pela Inglaterra à República Checa, de Patrik Schick, num jogo da Qualificação Europeia para o UEFA EURO 2020, a 22 de Março de 2019.

• Dele Alli marcou e ajudou a Inglaterra a derrotar a Suécia, de Emil Forsberg, nos quartos-de-final do Campeonato do Mundo de 2018.

Prémio oficial para o Melhor em Campo da UEFA Champions League lançado
A UEFA vai passar a entregar um prémio oficial de Melhor em Campo após cada jogo da fase a eliminar da UEFA Champions League para reconhecer os melhores desempenhos dos jogadores na principal competição europeia de clubes. A partir dos oitavos-de-final, os Observadores Técnicos da UEFA em cada partida da UEFA Champions League decidirão quem merece a distinção para o Melhor em Campo, com um prémio oficial a ser entregue aos jogadores depois do final do encontro, em reconhecimento do seu papel em momentos decisivos, maturidade táctica, criatividade e inspiração, habilidade excepcional e "fair play".