Lacazette mantém Lyon na luta graças a vitória sobre o Dínamo

Alexandre Lacazette marcou aos 72 minutos o golo da vitória na Croácia que mantém o Lyon na luta no Grupo H, colocando ponto final na campanha do Dínamo Zagreb, ainda sem qualquer ponto nem golos marcados.

Highlights: Dinamo Zagreb 0-1 Lyon
Highlights: Dinamo Zagreb 0-1 Lyon

Alexandre Lacazette manteve vivas as aspirações do Lyon de atingir os oitavos-de-final, apontando na segunda parte o golo da vitória na visita ao Dínamo Zagreb, ainda sem somar pontos ou ter marcado golos.

Enquanto o empate bastava ao Lyon para garantir o terceiro lugar no Grupo H, na primeira parte a equipa francesa exibiu-se de forma ofensiva e ficou perto de abrir o marcador quando Mathieu Valbuena assistiu Jordan Ferri para um remate que sofreu um desvio e acabou a embater na trave.

O Dínamo, sem golos marcados nem pontos conquistados esta época na prova, desperdiçou um bom começo de jogo quando Amer Gojak falhou o golo num cabeceamento perto da baliza. Todavia, o Lyon manteve-se como a equipa mais atacante, com um remate de Ferri a ser travado pelo guarda-redes Dominik Livaković, antes de Rafael – um jogador irrequieto ao longo da partida – contra-atacar mais uma vez pela direita e servir Lacazette para o golo.

Figura: Alexandre Lacazette (Lyon)
De fora devido lesão na primeira jornada, o atacante mostrou estar de volta aos melhores momentos. Soma agora cinco golos nos últimos seis jogos e provou que não precisa de repetir para marcar. Em Zagreb, teve de esperar pacientemente pela sua oportunidade devido a uma marcação rigorosa, mas assim que conseguiu ter algum espaço, voltou a mostrar por que é um jogador fundamental no Lyon.

A aposta ganha de Génésio
O “onze” inicial de Bruno Génésio causou alguma surpresa entre os jornalistas franceses. O treinador do Lyon mexeu na equipa e deixou de fora quatro habituais titulares. Obviamente que tinha as suas razões, embora não tenha decorrido como previsto. O Lyon dominou, criou algumas boas situações para marcar, mas foi o máximo que conseguiu – até Lacazette entrar em cena.  

A jovem equipa do Dínamo 
Foi o momento certo para os jovens talentos do Dínamo mostrarem o que sabem fazer. Ivaylo Petev escolheu quatro jogadores de 19 anos e de início alinhou com sete abaixo dos 24 anos. O Dínamo tem a equipa mais jovem da fase de grupos da UEFA Champions League e contra o Lyon mostrou algum potencial. Foi um bom sinal para o clube que pode começar a pensar em construir o futuro a partir dos jovens talentos locais.

©AFP/Getty Images
©AFP/Getty Images
©AFP/Getty Images
©AFP/Getty Images