Zenit nos "oitavos", Porto, Barça e Bayern muito perto

O Zenit venceu todos os jogos disputados e é a terceira equipa apurada para os oitavos-de-final, enquanto Porto, Barcelona e Bayern estão muito perto da qualificação.

Zenit comemora após o apito final
Zenit comemora após o apito final ©AFP/Getty Images

Siga os "links" para ver resumos em vídeo, crónicas e reacções.

Grupo E
Barcelona 3-0 BATE Borisov
Neymar (sete golos em seis jogos) e Luis Suárez (nove em oito) continuam inspirados e os campeões europeus estão perto da 12ª presença consecutiva nos oitavos-de-final.

Roma 3-2 Bayer Leverkusen
Os romanos deixaram escapar uma vantagem de dois golos, conseguida através de Mohamed Salah e Edin Džeko na primeira meia-hora, mas uma grande penalidade de Miralem Pjanić permitiu-lhes subir ao segundo lugar.

Grupo F
Bayern München 5-1 Arsenal
Derrotado por 2-0 há duas semanas no Norte de Londres, o Bayern respondeu em grande estilo, com dois golos de Thomas Müller e remates certeiros de Robert Lewandowski, David Alaba e Arjen Robben.

Olympiacos 2-1 Dinamo Zagreb
Felipe Pardo foi lançado por Marco Silva quando o Olympiacos estava a perder e correspondeu com dois golos, incluindo o decisivo aos 90 minutos, deixando o clube grego com seis pontos de vantagem sobre Arsenal e Dínamo, com dois jogos por disputar. O Dínamo viu Josip Pivarić ser expulso.

O Porto comemora o segundo golo
O Porto comemora o segundo golo©AFP/Getty Images

Grupo G
Maccabi Tel-Aviv 1-3 Porto
Terminaram as esperanças do Maccabi de chegar aos oitavos-de-final, com Cristian Tello, André André e Miguel Layún a marcarem para o Porto. Eren Zahavi aproveitou uma grande penalidade para impedir que o Maccabi se pudesse tornar na segunda equipa da história - depois do Maccabi Haifa em 2009/10 – a terminar a fase de grupos sem pontuar e sem marcar um golo.

Chelsea 2-1 Dynamo Kyiv
A equipa de José Mourinho, 15ª classificada na Premier League, desalojou o Dínamo do segundo lugar do grupo grças a um golo de Willian ao cair do pano. Um autogolo de Aleksandar Dragovic tinha deixado o Chelsea em vantagem, mas o defesa do Dínamo marcou depois na outra baliza e fez o empate.

Grupo H
Lyon 0-2 Zenit
Artem Dzyuba já conta com quatro golos esta época, depois de bisar em França, e permitiu que a equipa de André Villas-Boas garantisse antecipadamente a qualificação e continue só com vitórias. A noite para esquecer do Lyon piorou quando Maxime Gonalons foi expulso.

Gent 1-0 Valência
Uma derrota teria terminado com o sonho da qualificação do Gent, mas a grande penalidade convertida por Sven Kums aos 49 minutos deixou os belgas a dois pontos da equipa de Nuno Espírito Santo, que está no segundo lugar.