Paulo Sérgio saboreia triunfo sobre o Braga

O Cluj fez um jogo "quase perfeito" ao derrotar o Braga por 3-1 no Grupo H, de acordo com o seu treinador, Paulo Sérgio, ao passo que José Peseiro assumiu as responsabilidades pelo desaire dos bracarenses.

Paulo Sérgio saboreia triunfo sobre o Braga
Paulo Sérgio saboreia triunfo sobre o Braga ©UEFA.com

Paulo Sérgio, treinador do Cluj
Jogámos de forma quase perfeita. É importante que nos qualifiquemos, mesmo se o devíamos ter feito na recepção ao Galatasaray [na quarta jornada]. Obviamente, podemos melhorar, mas não temos muito tempo do nosso lado. Temos que ter mais posse de bola, mas, para o conseguirmos, precisamos de treinar mais. Quanto à minha opção de não jogarmos com um ponta-de-lança genuíno, tal decisão depende da dinâmica do jogo e foi por isso que considerei melhor jogar com o Rafael Bastos sozinho no ataque. E resultou.

José Peseiro, treinador do Braga
Os erros foram individuais, mas são minha responsabilidade. Não estivemos concentrados nos momentos mais importantes do encontro e isso levou aos golos que sofremos. Não esperava nada disso, porque trabalhámos esses detalhes, mas não o conseguimos evitar.

Esta nossa campanha na Champions League ficou definida por situações como esta. Contudo, mesmo com dez jogadores continuámos unidos, controlámos o encontro e queríamos marcar. Estamos fora e isso é culpa minha – pois não somos piores que o Cluj e o Galatasaray.