Factos: Leipzig - Atlético

O Leipzig ultrapassou pela primeira vez a fase de grupos da UEFA Champions League e vai defrontar nos quartos-de-final o experiente Atlético.

O Leipzig ultrapassou pela primeira vez a fase de grupos da UEFA Champions League e vai defrontar nos quartos-de-final o experiente Atlético, no Estádio José Alvalade, em Lisboa.

• Este é o primeiro confronto entre os dois clubes e, enquanto o Leipzig está disputar a nona eliminatória nas provas da UEFA, o Atlético está pela sexta vez nos quartos-de-final da UEFA Champions League e conta com a enorme experiência de ter atingido por duas vezes a final nas últimas sete épocas.

Guia de forma

Leipzig 

• Este não é apenas o primeiro encontro do Leipzig com o Atlético, mas é também o primeiro embate dos alemães com um adversário espanhol.

• Esta é a segunda visita do Leipzig a Lisboa na época de 2019/20, já que ganhou por 2-1 no reduto do Benfica na primeira jornada.

• O Leipzig terminou no primeiro lugar do Grupo G com três pontos de vantagem sobre o perseguidor mais próximo, tendo somado sete dos 11 pontos fora de casa graças aos triunfos sobre o Benfica e ao 2-0 no reduto do Zenit, antes de deixar fugir uma vantagem de dois golos para empatar 2-2 em Lyon na sexta jornada. Em casa, os alemães recuperaram da derrota por 2-0 com o Lyon e bateram o Zenit por 2-1, tendo confirmado a qualificação ao empatarem 2-2 na recepção ao Benfica na penúltima jornada.

• A equipa de Julian Nagelsmann eliminou o Tottenham com um total de 4-0 nos oitavos-de-final (1-0 f, 3-0 c) na primeira eliminatória que realizou na UEFA Champions League.

• Para além da vitória no terreno do Benfica no início desta época, a outra visita do clube alemão a Portugal terminou com um desaire por 3-1 no Porto, na fase de grupos da UEFA Champions League de 2017/18, naquele que foi apenas o segundo jogo como visitante nas competições europeias.

• O Leipzig venceu sete dos 14 jogos disputados na UEFA Champions League (3E 4D).

• O registo do Leipzig fora da Alemanha na edição desta época é de 3V 1E; antes só tinha ganho três dos 12 jogos como visitante na Europa (4E 5D).

• Terceiro classificado na Bundesliga em 2018/19 e finalista da Taça da Alemanha, esta é a terceira campanha europeia do Leipzig e apenas o seu 33º jogo. Em 2017/18 tornou-se no primeiro clube a estrear-se na Europa na fase de grupos da UEFA Champions League, tendo somado sete pontos e ficado em terceiro lugar num agrupamento em que também estavam Beşiktaş, Porto e Mónaco. Os alemães atingiram os quartos-de-final da UEFA Europa League, fase em que foram eliminados pelo Marselha.

• O registo do Leipzig em eliminatórias europeias é de 6V 1D, tendo sido afastado apenas uma vez, em 2017/18, frente ao Marselha (1-0 c, 2-5 F). Foi também a única presença nos quartos-de-final.

• O Leipzig nunca disputou qualquer desempate por grandes penalidades nas provas da UEFA.

Atlético
• O Atlético somou dez pontos na fase de grupos desta época, menos seis do que a Juventus. Após anular uma desvantagem de dois golos para empatar com a Juve na primeira jornada, o Atlético venceu por 2-0 no terreno do Lokomotiv Moscovo e ganhou por 1-0 na recepção ao Leverkusen, mas não evitou derrotas por 2-1 na Alemanha e por 1-0 no reduto da Juve. O triunfo em casa por 2-0 ante o Lokomotiv, na sexta jornada, garantiu o segundo lugar do grupo.

• A equipa de Diego Simeone afastou o Liverpool nos oitavos-de-final, conseguindo vencer o campeão europeu em Madrid, por 1-0, antes de ganhar por 3-2 em Anfield, após prolongamento.

• Segundo classificado na Liga espanhola em 2018/19, esta é a décima campanha do Atlético na UEFA Champions League e a oitava vez que ultrapassa a fase de grupos.

• O Atlético também ficou em segundo do grupo em 2018/19, mas terminou o percurso nos oitavos-de-final, depois de não conseguir evitar a reviravolta da Juventus (2-0 c, 0-3 f).

• O triunfo no terreno do Liverpool foi apenas a segunda vitória do Atlético nos últimos 12 jogos fora em eliminatórias da UEFA Champions League (3E 7D).

• O Atlético perdeu apenas cinco dos últimos 17 jogos europeus longe de Madrid, tendo somado sete triunfos, mas quatro desses desaires ocorreram nos últimos sete desafios (2V 1E).

• Apesar das derrotas na quarta e quinta jornadas da fase de grupos desta época, o Atlético perdeu apenas cinco dos últimos 30 jogos nas competições europeias (19V 6E).

• O registo total do Atlético frente a clubes alemães é de 21V 7E 16D, mas a derrota desta época em Leverkusen significa que tem cinco desaires nos últimos seis jogos frente a clubes da Bundesliga fora da Espanha.

• Os “colchoneros” venceram as oito eliminatórias mais recentes com equipas alemãs, a última frente ao Leverkusen, nos oitavos-de-final da UEFA Champions League de 2016/17 (4-2 f, 0-0 c). A derradeira eliminação em dois jogos aconteceu frente ao Dínamo Dresden na primeira eliminatória da Taça UEFA de 1979/80 (1-2 c, 0-3 f).

• O Atlético está pela décima vez nos quartos-de-final da Taça dos Campeões e pela quinta em sete épocas. Possui um registo de 6V 3D nos quartos-de-final, tendo seguido em frente em três das últimas quatro presenças nessa fase final, mais recentemente quando deixou pelo caminho o Leicester City em 2016/17 (1-0 c, 1-1 f).

• A equipa espanhola visitou pela última vez o Estádio José Alvalade nos quartos-de-final da campanha vitoriosa na UEFA Europa League de 2017/18, seguindo em frente graças à vitória por 2-0 em casa na primeira mão, já que perdeu por 1-0 com o Sporting, em Lisboa. Foi o segundo jogo dos madrilenos em Alvalade, depois do empate 2-2 com o Sporting na segunda mão dos oitavos-de-final da UEFA Europa League 2009/10, eliminatória que o Atlético venceu graças aos golos marcados fora, pois o marcador ficou em branco no primeiro jogo. Mais uma vez, a equipa espanhola também conquistou o troféu nessa época.

• A derrota com o Sporting em 2018 leva a que o registo do Atlético em Portugal seja de 3V 2E 5D. As três vitórias ocorreram nas últimas cinco visitas, incluindo um triunfo por 2-1 no terreno do Benfica na sexta jornada da UEFA Champions League de 2015/16, jogo em que Saúl Ñíguez abriu a contagem.

• O Atlético perdeu por 4-1 com o rival Real Madrid, após prolongamento, na final da UEFA Champions League de 2014, realizada no Estádio do Sport Lisboa e Benfica, em Lisboa. O seu registo total na capital portuguesa é de 1V 1E 2D.

• O clube espanhol alcançou duas finais da UEFA Champions League e três finais da UEFA Europa League nas últimas dez épocas.

• O registo do Atlético em seis desempates por grandes penalidades nas provas da UEFA é de 2V 4D:
6-7 - Derby, segunda eliminatória da Taça UEFA de 1974/75
1-3 - Fiorentina, primeira eliminatória da Taça UEFA de 1989/90
1-3 - Villarreal, final da Taça Intertoto de 2004
3-2 - Leverkusen, oitavos-de-final da UEFA Champions League de 2014/15
8-7 - PSV Eindhoven, oitavos-de-final da UEFA Champions League de 2015/16
3-5 - Real Madrid, final da UEFA Champions League de 2015/16

Ligações e curiosidades
• Jogaram em Espanha:
Angeliño (Girona 2017, Mallorca 2017)
Dani Olmo (formação do Espanhol 2006/07, formação do Barcelona 2007–14)

• Colegas na selecção:
Dani Olmo e Vitolo, Álvaro Morata, Diego Costa, Mario Hermoso, Saúl Ñíguez, Koke (Espanha)

• Kevin Kampl e Jan Oblak foram colegas na selecção da Eslovénia entre 2012 e 2018.

• Héctor Herrera marcou pelo Porto no triunfo por 3-1 na recepção ao Leipzig na fase de grupos da UEFA Champions League de 2017/18. Marcel Sabitzer fez uma assistência pelo clube da Bundesliga, que venceu por 3-2 na Alemanha e somou a primeira vitória na prova, num encontro em que Willi Orban e Emil Forsberg também marcaram. Felipe também alinhou nos dois jogos pelo Porto.

• Christopher Nkunku marcou num triunfo do Paris Saint-Germain, por 3-2, em jogo particular com o Atlético em 2018.

Últimas notícias

Leipzig
• O Leipzig terminou a época de 2019/20 da Bundesliga na terceira posição, garantindo uma vaga na UEFA Champions League da próxima época, pelo que vai participar na prova pela terceira vez em quatro anos.

• Desde o recomeço do futebol na Alemanha, em meados de Maio, a equipa de Julian Nagelsmann somou quatro vitórias, quatro empates e apenas uma derrota, por 2-0 na receção ao Borussia Dortmund, a 20 de Junho.

• O Leipzig regressou aos treinos a 22 de julho e empatou 1-1 com o Wolfsburgo no único encontro particular antes do embate com o Atlético. Patrik Schick marcou de grande penalidades.

• Marcel Halstenberg falhou o jogo com o Wolfsburgo devido a uma lesão nas costas.

• Ibrahima Konaté foi operado a uma anca a 24 de julho.

• A 8 de Julho, o Leipzig contratou o avançado Hee-Chan Hwang ao Salzburgo por cinco épocas e Benjamin Henrichs ao Mónaco, com o defesa a assinar por apenas um ano. Nenhum dos jogadores pode ser utilizado no que resta da UEFA Champions League desta época.

• Timo Werner, que marcou 34 golos em 45 jogos oficiais pelo Leipzig em 2019/20, incluindo quatro na UEFA Champions League, assinou pelo Chelsea. Hannes Wolf vai passar a época 2020/21 a jogar por empréstimo no Borussia Mönchengladbach.

Atlético 

• Jan Oblak disputou o 50º jogo na UEFA Champions League, da fase de grupos até à final, na segunda mão dos oitavos-de-final.

• O Atlético terminou no terceiro lugar da Liga espanhola em 2019/20 com 70 pontos, 17 menos que o campeão Real Madrid e a 12 do Barcelona, segundo classificado.

• A equipa de Diego Simeone não sofreu qualquer derrota desde o recomeço do futebol em Espanha, tendo somando sete vitórias e quatro empates nos últimos 11 desafios.

• Com estes jogos, a série de invencibilidade do Atlético em todas as competições aumentou para 18 desafios (11V 7E), desde a derrota por 1-0 no terreno do Real Madrid a 1 de Fevereiro. Esta foi também a última partida em que não conseguiram marcar.

• Os “colchoneros” não sofreram golos em seis dos últimos dez jogos, tendo sofrido apenas cinco golos nesta sequência.

• Álvaro Morata foi o melhor marcador do Atlético na Liga espanhola de 2019/20 com 12 golos. Foi o único jogador do clube a ultrapassar a dezena

• O Atlético foi eliminado nos 16 avos-de-final da Taça de Espanha a 23 de Janeiro, ao perder por 2-1, no prolongamento, frente ao Cultural Leonesa, da terceira divisão.

• Šime Vrsaljko está afastado dos relvados desde 3 de Junho devido a uma lesão no joelho. O último jogo que realizou foi na segunda mão dos oitavos-de-final, em Liverpool, a 11 de Março.

Prémio oficial para o Melhor em Campo da UEFA Champions League lançado
A UEFA vai passar a entregar um prémio oficial de Melhor em Campo após cada jogo da fase a eliminar da UEFA Champions League para reconhecer os melhores desempenhos dos jogadores na principal competição europeia de clubes. Os Observadores Técnicos da UEFA em cada partida da UEFA Champions League decidirão a partir dos oitavos-de-final quem merece a distinção para o Melhor em Campo, com um prémio oficial a ser entregue aos jogadores depois do final do encontro, em reconhecimento do seu papel em momentos decisivos, maturidade táctica, criatividade e inspiração, habilidade excepcional e "fair play".