Pontos altos de Čech na República Checa

A cumprir o jogo 100 pela República Checa frente à Arménia, em Erevan, o guarda-redes Petr Čech reflectiu sobre os seus cinco jogos mais importantes com o UEFA.com.

Zdeněk Grygera e Petr Čech (República Checa)
Zdeněk Grygera e Petr Čech (República Checa) ©Getty Images

O guarda-redes Petr Čech, da República Checa, chegou aos 100 jogos pela selecção ao ser titular esta terça-feira no jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo frente à Arménia. Segundo jogador mais internacional do seu país, atrás de Karel Poborský (118), o nº1 do Chelsea FC, de 30 anos, recordou os seus cinco jogos preferidos na equipa nacional com o UEFA.com.

Holanda 2-3 República Checa
19/06/04, fase de grupos do UEFA EURO 2004
Os checos recuperaram de uma desvantagem de dois golos, sofrida nos primeiros 19 minutos da partida em Aveiro para selarem o apuramento rumo aos quartos-de-final, em que os golos de Jan Koller, Milan Baroš e Vladimír Šmicer eclipsaram os de Wilfred Bouma e Ruud van Nistelrooy. "Penso que foi o melhor jogo em que participei – um jogo maravilhoso que teve de tudo", recordou Čech, que contribuiu com uma defesa vital a remate de Andy van der Meyde. "Há pouco tempo vi um vídeo e apercebi-me novamente do excelente jogo que foi. Muitas oportunidades, excelente ambiente e nós ganhámos."

República Checa 1-0 Noruega
16/11/05, segunda mão do "play-off" do Campeonato do Mundo
O golo de Tomáš Rosický aos 35 minutos garantiu à República Checa a presença no único Mundial desde a dissolução da antiga Checoslováquia. Vladimír Šmicer tinha marcado o único tento da primeira mão, mas o contributo de Čech não foi menos importante, pois o guarda-redes – na altura apenas com 24 anos – efectuou diversas defesas decisivas para manter a sua equipa no bom caminho. "Estou orgulhoso pela forma como os meus jogadores actuaram", disse o seleccionador Karel Brückner após o apito final.

Alemanha 0-3 República Checa
17/10/07, qualificação para o UEFA EURO 2008

Golos de Libor Sionko e Marek Matějovský, na primeira parte, e de Jaroslav Plašil, na segunda, condenaram a Alemanha à primeira derrota em 24 jogos de apuramento para o Campeonato da Europa, ao mesmo tempo que apuraram a equipa de Brückner para a fase final da prova, na Áustria e na Suíça. Čech fez duas excelentes defesas a remates de Bastian Schweinsteiger e disse: "A Alemanha tinha acabado de ser terceira classificada no Mundial e era esperado que ganhasse o grupo, mas vencemos este jogo por 3-0 – que excelente resultado fora."

Suíça 0-1 República Checa
07/06/08, fase de grupos do UEFA EURO 2008
"Foi o jogo inaugural do torneio", disse Čech ao recordar a partida de Basileia. "Além disso, conseguimos ganhar por 1-0, por isso foi um jogo para recordar." Čech não sofreu golos, apesar de ter contra si o forte apoio do público da casa presente no St. Jakob-Park, onde o suplente Václav Svěrkoš marcou o tento solitário na segunda parte.

Montenegro 0-1 República Checa
15/11/11, segunda mão do "play-off" do UEFA EURO 2012
Na sequência do triunfo de 2-0 na primeira mão, no Estádio Letná, em Praga, os checos mantiveram a calma frente à ambiciosa selecção montenegrina, num jogo em que Čech realizou várias defesas importantes nos dois jogos. A vitória permitiu à República Checa manter o recorde de participar em todas as edições do EURO desde o fim da Checoslováquia. "Foi o jogo que nos deu o apuramento para o EURO", recordou Čech. "Fomos sujeitos a uma pressão intensa. Foi uma vitória fora muito importante."