O "site" oficial do futebol europeu

Diogo Queirós apresenta colegas de Portugal

Publicado: Quinta-feira, 19 de Maio de 2016, 21.20CET
Um defesa-central que gosta de imitar Cristiano Ronaldo e um guarda-redes como Manuel Neuer ajudaram Portugal a vencer o título: o capitão Diogo Queirós apresenta os colegas ao UEFA.com.
por Diogo Queirós
de Baku
Diogo Queirós apresenta colegas de Portugal
Portugal posa para a fotografia antes dos quartos-de-final contra a Áustria ©Sportsfile

Caminho até à final

O Campeonato da Europa de Sub-17 da UEFA compreende três fases distintas: a fase de qualificação, a ronda de elite e a fase final. O formato mudou para 2014/15 com o alargamento da fase final de oito para 16 equipas.

Fase de qualificação
A fase de qualificação, disputada no Outono, engloba 13 grupos de quatro equipas que jogam num mini-torneio no mesmo local. As duas primeiras selecções de cada grupo passam à fase seguinte, bem como as quatro equipas terceiras classificadas que tenham conseguido melhor registo frente às duas primeiras dos respectivos agrupamentos.

Ronda de elite
Na ronda de elite, disputada no início da Primavera, essas 30 selecções, mais as duas cabeças-de-série – isentas até então –, disputam oito mini-torneios de quatro equipas cada. Os vencedores de cada grupo e os sete melhores segundos classificados com melhor registo frente ao primeiro e terceiro do seu agrupamento apuram-se para a fase final e juntam-se ao anfitrião.

Fase final
Na fase final do torneio, os participantes são divididos em quatro grupos de quatro selecções cada. Apuram-se para a fase a eliminar as duas melhores classificadas de cada agrupamento.

Mais detalhes, incluindo o critério de separação de equipas que terminem empatadas em pontos num grupo, ou após 80 minutos num jogo, podem ser encontrados nos regulamentos oficiais da competição (em inglês).

Publicado: Quinta-feira, 19 de Maio de 2016, 21.20CET

Diogo Queirós apresenta colegas de Portugal

Um defesa-central que gosta de imitar Cristiano Ronaldo e um guarda-redes como Manuel Neuer ajudaram Portugal a vencer o título: o capitão Diogo Queirós apresenta os colegas ao UEFA.com.

1. Diogo Costa (guarda-redes, Porto)
É como o Manuel Neuer, mas mais zangado. Está sempre a gritar!

2. Diogo Dalot (defesa, Porto)
É muito divertido. É como um cavalo de corrida, está sempre a correr, mas tenta imitar o Cristiano Ronaldo quando festeja um golo. 

©Sportsfile

O capitão e defesa-central, Diogo Queirós

3. Diogo Queirós (defesa, capitão, Porto)
Gosto de antecipar o que os médios adversários vão fazer antes do passe surgir.

4. Luis Silva (defesa, Stoke City)
Em campo é uma espécie de animal. 

5. Rúben Vinagre (defesa, Mónaco)
Incansável – não pára de correr. Penso que até no quarto de hotel corre!

6. Gedson Fernandes (médio, Benfica)
É um enganador. Parece frágil, mas por acaso é um dos mais duros. 

7. João Filipe (avançado, Benfica)
Consegue amarrar qualquer defesa com um nó.

©Sportsfile

O líder dos goleadores com sete golos, José Gomes

8. Miguel Luis (médio, Sporting)
Ele tem três pulmões.

9. José Gomes (avançado, Benfica)
Sinónimo de golos.

10. Quina (médio, West Ham United)
O Quina joga em Inglaterra, mas só agora descobriu que é melhor do que eles. 

11. Mesaque Dju (avançado, Benfica)
A alma da casa. É o mais divertido, o mais hilariante da equipa. 

13. Diogo Leite (defesa, Porto)
Sentimos telepatia. Passamos muito tempo juntos.

©Sportsfile

A vida e a alma da equipa, Mesaque Dju

14. Florentino (médio, Benfica)
Marca os ritmos da equipa, mas ele é mesmo preguiçoso. Parece que está sempre a dormir

15. Thierry Correia (defesa, Sporting)
É um dos jogadores mais enérgicos da equipa. O Gedson protege a bola, enquanto o Thierry é o mais duro.

16. João Lameira (médio, Porto)
Um cara de bebé letal.

17. Rafael Leão (avançado, Sporting)
Ele joga muito, mas ainda não aprendeu a caminhar correctamente!

18. Mickael Almeida (avançado, Lyon)
Só tem olhos para a baliza.

22. Luis Maximiano (guarda-redes, Sporting)
O Max é o segundo comediante da equipa, depois do Mesaque, mas quando está em campo torna-se num jogador sério.

Seleccionador: Hélio Sousa
A sua exigência natural foi o que nos fez chegar até aqui. Ele é tão rigoroso que às vezes até perde a voz.

Diogo Queirós falou com o repórter do UEFA.com, Wayne Harrison.

Última actualização: 22-05-16 14.48CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores
Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/under17/news/newsid=2366773.html#diogo+queiros+apresenta+colegas+portugal