O "site" oficial do futebol europeu

História até ao momento: AC Milan

Publicado: Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012, 9.54CET
O Milan perdeu vários jogadores sonantes no defeso mas, com a afirmação de Stephan El Shaarawy e os defesas-centrais a marcarem excelentes golos, a ambição mantém-se.
por Paolo Menicucci
de Milão
História até ao momento: AC Milan
Stephan El Shaarawy tem brilhado ao serviço do Milan ©AFP/Getty Images
 
 
 
Publicado: Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012, 9.54CET

História até ao momento: AC Milan

O Milan perdeu vários jogadores sonantes no defeso mas, com a afirmação de Stephan El Shaarawy e os defesas-centrais a marcarem excelentes golos, a ambição mantém-se.

Depois de um defeso em que o AC Milan perdeu alguns dos seus veteranos mais emblemáticos, para além de estrelas como Zlatan Ibrahimović, Thiago Silva e Antonio Cassano, muitos previam uma vida complicada no competitivo Grupo C da UEFA Champions League. A equipa de Massimiliano Allegri acabou por garantir a qualificação para os oitavos-de-final na quinta jornada, isto apesar de só ter somado dois pontos em casa.

História até ao momento
O clube que já foi por sete vezes campeão europeu começou a campanha com um nulo na recepção ao RSC Anderlecht, pelo que deslocação na segunda jornada ao reduto do milionário FC Zenit St Petersburg era já um jogo decisivo. O Milan conseguiu um resultado importante ao vencer por 3-2 graças a um autogolo de Tomáš Hubočan nos minutos finais. Um ponto nos dois encontros com o Málaga CF deixou os italianos em dificuldades, mas os milaneses voltaram a fazer mais um bom resultado fora de casa. O triunfo por 3-1 no reduto do Anderlecht confirmou o apuramento do Milan, tornando irrelevante a derrota na recepção ao Zenit na última jornada.

Momento-chave
Numa altura em que o Milan vencia tangencialmente por 1-0 em casa do Anderlecht, o defesa Philippe Mexès trouxe tranquilidade à equipa com um pontapé de bicicleta espectacular à entrada da área. Este forte candidato a melhor golo da fase de grupos quase garantiu a vitória e a qualificação. "Tinha de arriscar", explicou o francês. Exactamente aquilo que a jovem equipa do Milan vai ter que fazer na fase a eliminar.

Jogador mais importante
Suplente na estreia com o Anderlecht, Stephan El Shaarawy foi titular na jornada seguinte frente ao Zenit e não perdeu tempo a deixar a sua marca com o primeiro golo na UEFA Champions League. O "Pequeno Faraó”, que tem estado imparável na Série A, voltou a marcar na vitória decisiva em casa do Anderlecht, mas faz mais do que marcar golos. "Só lhe faltou calçar as luvas e defender os remates do Zenit, de resto fez tudo", escreveu o jornal Gazzetta dello Sport após o jogo em São Petersburgo, quando o italiano percorreu 12,11 quilómetros.

Estrela em ascensão
Mattia De Sciglio é só uma semana mais velho do que El Shaarawy e também tem estado em destaque, ganhando a titularidade como defesa-direito. Disciplinado na defesa e capaz de subir e descer o flanco ao longo de 90 minutos, fazendo cruzamentos perigosos, o jovem de 20 anos foi muito elogiado. "Obviamente que dou um pouco mais de atenção ao Mattia pois joga na posição que eu ocupava", explicou o treinador adjunto Mauro Tassotti, antigo jogador do Milan e da selecção de Itália. "Surpreendeu-nos desde o primeiro treino que fez pela equipa principal. É mais forte do que eu era com esta idade."

Principal dado estatístico
No triunfo por 3-2 em casa do Zenit, El Shaarawy tornou-se no jogador mais jovem do Milan a marcar na UEFA Champions League, tinha 19 anos e 342 dias.

Frase
"Somos uma equipa que está a evoluir rapidamente, depois de um mau início, por isso temos de continuar neste caminho, a disputar todos os jogos com esta atitude".
O capitão Massimo Ambrosini depois da derrota com o Zenit na sexta jornada.

Última actualização: 19-12-12 9.53CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores
Federações membro
Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=1905664.html#historia+momento+ac+milan

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.