O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Fase final do Mundial Feminino de 2023: Austrália/Nova Zelândia

A fase final do Mundial Feminino de 2023 vai ter lugar na Austrália e na Nova Zelândia, entre 20 de Julho e 20 de Agosto.

FIFA via Getty Images

A fase final do Campeonato do Mundo Feminino de 2023 vai disputar-se na Austrália e na Nova Zelândia, entre 20 de Julho e 20 de Agosto. Os Estados Unidos da América procuram o terceiro título consecutivo.

O evento vai contar com a participação de 32 selecções, incluindo as duas anfitriãs e 11 ou 12 nações europeias.

Fase final

Vagas por confederação
Anfitriãs: 2 (Austrália, Nova Zelândia)
AFC: 5 (China, Japão, Filipinas*, Coreia do Sul, Vietname*)
CAF: 4 (Marrocos*, Nigéria, África do Sul, Zâmbia*)
CONCACAF: 4 (Canadá, Costa Rica, Jamaica, Estados Unidos da América)
CONMEBOL: 3 (Argentina, Brasil, Colômbia)
UEFA: 11 (Dinamarca, França, Alemanha, Noruega, Espanha, Suécia)
"Play-off" entre confederações: 3

*estreante

    Qualificação europeia

    Formato:

    Os vencedores dos nove grupos de apuramento seguem directamente para a fase final, com os segundos classificados a disputarem o "play-off" da UEFA, em Outubro de 2022.

    No "play-off", os três melhores segundos classificados apuram-se directamente para a ronda 2 do "play-off". Os seis restantes segundos classificados disputam a ronda 1 do "play-off", jogado a uma só mão.

    Os três vencedores da ronda 1 e os três apurados directamente para a ronda 2 irão depois competir num "play-off" a uma só mão, cujos duelos serão determinados por sorteio.

    Os dois vencedores do "play-off" com o melhor "ranking" (baseado nos resultados da fase de grupos da qualificação e na ronda 2 do "play-off") apuram-se para a fase final. O outro vencedor do "play-off" irá competir no "play-off" entre confederações, na Nova Zelândia.

    Datas:

    Fase de grupos da qualificação
    13–21 de Setembro de 2021
    18–26 de Outubro de 2021
    22–30 de Novembro de 2021
    4–12 de Abril de 2022
    1–6 de Setembro de 2022

    "Play-off" da UEFA
    6 e11 de Outubro de 2022 (sorteio às 12h30 de 9 de Setembro de 2022)

    "Play-off" entre confederações

    Um torneio com dez equipas será realizado na Austrália e na Nova Zelândia, entre 17 e 23 de Fevereiro de 2023, para determinar os últimos três apurados para a fase final.

    Vagas por confederação
    AFC: 2 (Taipé, Tailândia)
    CAF: 2 (Camarões, Senegal
    CONCACAF: 2 (Haiti, Panamá)
    CONMEBOL: 2 (Chile, Paraguai)
    OFC: 1 (Papua Nova Guiné)
    UEFA: 1

    As equipas serão divididas em três grupos, dois de três e um de quatro, com a ordem a ser decidida pelo "ranking" FIFA. Os três grupos serão disputados como competições separadas a eliminar, com o vencedor de cada um a seguir para a fase final. Nos grupos de três equipas, a selecção que for considerada cabeça-de-série avançará directamente para a final (após disputar um amigável frente à Nova Zelândia ou outra nacção convidada) e defrontará o vencedor da meia-final entre os outros dois países.

    Finais anteriores do Mundial (selecções europeias a negrito)

    2019: Estados Unidos 2-0 Países Baixos; Lyon, França
    2015: Estados Unidos 5-2 Japão; Vancouver, Canadá
    2011: Japão 2-2 Estados Unidos (ap, 3-1 nos penáltis); Frankfurt, Alemanha
    2007: Alemanha 2-0 Brasil; Shanghai, China
    2003: Alemanha 1-0 Suécia (ap, golo de ouro); Carson, Estados Unidos
    1999: Estados Unidos 0-0 China (ap, 5-4 nos penáltis); Pasadena, Estados Unidos
    1995: Noruega 2-0 Alemanha; Estocolmo, Suécia
    1991: Estados Unidos 2-1 Noruega; Guangzhou, China

    Anteriores medalhados olímpicos (selecções europeias a negrito)

    2021: Canadá (ouro), Suécia (prata), Estados Unidos (bronze); Yokohama, Japão (adiado de 2020, final mudada de Tóquio)
    2016: Alemanha (ouro), Suécia (prata), Canadá (bronze); Rio de Janeiro, Brasil
    2012: Estados Unidos (ouro), Japão (prata), Canadá (bronze); Londres, Reino Unido
    2008: Estados Unidos (ouro), Brasil (prata), Alemanha (bronze); Pequim, China
    2004: Estados Unidos (ouro), Brasil (prata), Alemanha (bronze); Atenas, Grécia
    2000: Noruega (ouro), Estados Unidos (prata), Alemanha (bronze); Sydney, Austrália
    1996: Estados Unidos (ouro), China (prata), Noruega (bronze); Atlanta, Estados Unidos