O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.
Sorteio em directo

Sorteio do "play-off" do Mundial Feminino

- a sua hora local

Procedimento Repetição do sorteio Procedimento Repetição do sorteio

Sorteio do "play-off" do Mundial Feminino

Os jogos estão marcados para Outubro e vão apurar duas equipas directamente e uma para o "play-off" intercontinental.

Os três vencedores da primeira ronda vão defrontar equipas que entram na segunda ronda em duelos a uma só mão
Os três vencedores da primeira ronda vão defrontar equipas que entram na segunda ronda em duelos a uma só mão FIFA via Getty Images

O "play-off" europeu do Campeonato do Mundo Feminino de 2023 disputa-se a 6 e 11 de Outubro de 2022 e os duelos já estão definidos.

Sorteio do "play-off"

Round 1 (6 de Outubro)

Escócia - Áustria
País de Gales - Bósnia e Herzegovina
Portugal - Bélgica

Round 2 (11 de Outubro)

Portugal / Bélgica - Islândia
Escócia / Áustria - República da Irlanda
Suíça - País de Gales / Bósnia e Herzegovina

  • Bósnia e Herzegovina e País de Gales participam pela primeira vez no "play-off" de uma fase final.
  • Áustria, Islândia, Irlanda e Portugal também tentam a estreia no Campeonato do Mundo Feminino.
  • Escócia qualificou-se para a competição em 2019 e a Suíça em 2015

No "play-off", os três melhores segundos classificados da fase de grupos (com base nos resultados frente ao primeiro, terceiro, quarto e quinto do seu grupo) passaram directamente à segunda ronda do "play-off" e com estatuto de cabeça-de-série (Suíça, Islândia e Irlanda). Os restantes seis segundos classificados são emparelhados para três duelos no "play-off" a uma só mão na primeira ronda.

Depois, os três vencedores da primeira ronda e as três equipas apuradas directamente para a segunda ronda disputam um "play-off" a uma só mão, com os duelos determinados por sorteio.

Os dois vencedores do "play-off" com melhor "ranking" (com base nos resultados da fase de grupos frente ao primeiro, terceiro, quarto e quinto do seu grupo, bem como o "play-off" da segunda ronda) qualificam-se para a fase final, que se realiza entre 20 de Julho e 23 de Agosto de 2023 na Austrália e Nova Zelândia. O outro vencedor do "play-off" competirá num "play-off" intercontinental.

Todos os duelos do "play-off" que estejam empatados após os 90 minutos serão decididos no prolongamento e, se necessário, no desempate por penáltis.

Como é decidido "ranking" do vencedor do "play-off"

Para determinar o ranking dos vencedores do "play-off", os resultados da Ronda 2 do "play-off" (três pontos são concedidos por vitória, um por empate e nenhum por derrota; o resultado após o prolongamento é tido em conta, mas não o do desempate por penáltis) são adicionados aos resultados dos jogos da fase de grupos utilizados para definir o ranking dos segundos classificados do grupo (ver Parágrafo 14.04 dos regulamentos oficiais, em inglês). São aplicados os seguintes critérios por ordem:

1: Maior número de pontos

2: Maior diferença de golos

3: Mais golos marcados

4: Mais golos marcados fora

5: Mais vitórias

6: Mais vitórias fora

7: Menos pontos disciplinares com base apenas em cartões amarelos e vermelhos recebidos por jogadores e elementos da equipa (cartão vermelho = 3 pontos, cartão amarelo = 1 ponto, expulsão por dois cartões amarelos num jogo = 3 pontos)

8: Posição mais alta no ranking de selecções femininas da UEFA usado para o sorteio da fase de grupos (ver Anexo B.1.2 dos regulamentos oficiais)

Ranking após a fase de grupos

"Play-off" intercontinental

Será realizado um torneio com dez equipas na Nova Zelândia, entre 17 e 23 de Fevereiro, para determinar os últimos três finalistas.

Alocação por continente/Participantes
AFC: 2 (Taipei Chinesa, Tailândia)
CAF: 2 (Camarões, Senegal)
CONCACAF: 2 (Haiti, Panamá)
CONMEBOL: 2 (Chile, Paraguai)
OFC: 1 (Papua Nova Guiné)
UEFA: 1

As selecções serão divididas em três grupos, dois de três e um de quatro, com o ordenamento a ser determinado pelo “ranking” da FIFA. Os três grupos serão disputados como competições a eliminar separadas e o vencedor de cada uma delas qualifica-se para a fase final. Nos dois grupos de três equipas, o cabeça-de-série passa directamente à final (após um encontro particular com a Austrália ou a Nova Zelândia) e defrontará o vencedor da meia-final entre os outros dois países.

Quem já se apurou para o Mundial

Anfitriãs: 2 (Austrália, Nova Zelândia)
AFC: 5 (China, Japão, Filipinas*, Coreia do Sul, Vietname*)
CAF: 4 (Marrocos*, Nigéria, África do Sul, Zâmbia*)
CONCACAF: 4 (Canadá, Costa Rica, Jamaica, Estados Unidos)
CONMEBOL: 3 (Argentina, Brasil, Colômbia)
UEFA: 11 (Dinamarca, França, Alemanha, Noruega, Espanha, Suécia, 3 vencedores do "play-off" TBC)
"Play-off" intercontinental: 3

Estreia*

Procedimentos do sorteio: Ronda 1

As seis equipas foram colocadas numa taça, sem equipas com estatuto de cabeça-de-série. Foram sorteadas para definir três duelos (numerados de 1 a 3) e a primeira equipa sorteada joga em casa. Os jogos serão disputados no dia 6 de Outubro.

Procedimentos do sorteio: Ronda 2

As seis equipas (as três que entram nesta fase e os três vencedores da ronda 1) foram colocadas numa taça, sem equipas com estatuto de cabeça-de-série (os três vencedores da ronda 1 do "play-off" serão designados como "vencedor do duelo 1 da ronda 1" a "vencedor do duelo 1 da ronda 1".

Foram sorteadas para definir três duelos (numerados de 1 a 3) e a primeira equipa sorteada joga em casa. Os jogos serão disputados no dia 11 de Outubro.