Estrela de 2014: Vivianne Miedema

Ainda com 18 anos e já sétima melhor marcadora de sempre, Vivianne Miedema ajudou a Holanda a conquistar o primeiro título europeu feminino e, em 2014, à estreia no Mundial.

Veja os melhores momentos da final do Campeonato da Europa Feminino Sub-19 de 2014, na qual a Holanda bateu a Espanha e ergueu o troféu pela primeira vez graças a um golo brilhante de Vivienne Miedema.

Vivianne Miedema tornou-se este ano na sétima melhor marcadora de sempre nas competições femininas da UEFA. Tem apenas 18 anos.

Ano de 2014 em síntese
Em Julho, marcou seis golos, incluindo um “hat-trick” na meia-final, além do único tento da final com que a Holanda conquistou o Campeonato da Europa Feminino de Sub-19 da UEFA, na Noruega. Foi o primeiro título internacional feminino da Holanda e Miedema inspirou nova conquista quatro meses depois, quando fez todos os golos do triunfo por 3-2 da selecção “laranja” na eliminatória com a Itália que assegurou à Holanda a estreia no Campeonato do Mundo; a adolescente igualou o máximo de golos em fases de qualificação, 16.

Miedema pela selecção Sub-17 da Holanda, em 2012
Miedema pela selecção Sub-17 da Holanda, em 2012©Eric Verhoeven

Próximos passos
O Heerenveen esteve no topo da BeNe League em 2013/14 e Miedema correspondeu com 43 tentos em 26 jogos nessa temporada para os 73 do clube; isso valeu-lhe a transferência para o ambicioso FC Bayern München. A estreia sénior pela Holanda aconteceu a 26 de Setembro de 2013; ao contrário do habitual, não marcou nos seis minutos que jogou contra a Albânia mas, um mês depois, em Portugal, fez um “hat-trick” no triunfo por 7-0 de qualificação para o Campeonato do Mundo. Seguiu-se novo golo, dias depois, contra a Noruega antes de mais três tentos, em Novembro, diante da Grécia.

Resumo da final Sub-19
Resumo da final Sub-19

Sucesso sénior
E se Miedema precisou de quatro partidas na Bundesliga feminina para se estrear a marcar pelo Bayern, revelou-se rápida nos golos assim que o clube se afirmou com candidato ao título. Entretanto, pela Holanda, mais um “hat-trick” no triunfo por 3-2 sobre Portugal assegurou a presença no “play-off” para o Campeonato do Mundo. Aqui, após falhar a chegada aos golos no triunfo da meia-final sobre a Escócia, contra a mais bem cotada Itália a jovem fez o empate 1-1 em casa e bisou depois fora na vitória por 2-1 que consumou a estreia das holandesas no Campeonato do Mundo. O total de 16 golos ficou três acima da concorrência e igualou o recorde de Adriana Martín em jogos da qualificação europeia para o Mundial.

As melhores marcadoras de sempre das competições da UEFA
As melhores marcadoras de sempre das competições da UEFA©UEFA.com
Topo