O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Alemanha garante título Mundial no Canadá

A Alemanha venceu o Mundial Sub-20 feminino pela terceira vez ao derrotar, em Montreal, a Nigéria na final, por 1-0, após prolongamento. O UEFA.com traz-lhe algumas reacções.

Alemanha garante título Mundial no Canadá
Alemanha garante título Mundial no Canadá ©UEFA.com

A Alemanha conquistou, na noite de domingo, em Montreal, o Campeonato do Mundo Feminino Sub-20 pela terceira vez, ao derrotar a Nigéria, por 1-0, após prolongamento.

A equipa de Maren Meinert impôs-se num grupo incrivelmente difícil, ao bater aos detentores da prova, Estados Unidos, por 2-0, seguido de um empate 5-5 com a China e terminando o Grupo B com um sucesso por 5-1 sobre o Brasil.

Num difícil duelo dos quartos-de-final frente às anfitriãs do Canadá, a Alemanha venceu por 2-0, antes de defrontar a França, que a eliminara nas meias-finais da prova de qualificação do Campeonato da Europa Feminino Sub-19 de 2013, no País de Gales – a caminho da conquista do troféu. Desta vez, a Alemanha superiorizou-se por 2-1 graças a um golo de Lena Petermann a nove minutos do final.

Testemunhada pela responsável da selecção principal, Silvia Neid, a final frente a uma forte equipa nigeriana permaneceu sem golos durante 90 minutos e a Alemanha provou ser mais eficaz quando, já no prolongamento, Petermann rematou a contar. A França superiorizou-se à Coreia do Norte, por 3-2, no jogo de apuramento dos terceiro e quarto lugares, ao passo que as outras representantes europeias, Inglaterra e Finlândia, foram eliminadas na fase de grupos.

O UEFA.com destaca aqui as declarações da seleccionadora Maren Meinert e da capitã de equipa, Lina Magull.

Maren Meinert, seleccionadora da Alemanha
As jogadoras e eu passámos todo o Verão a apoiar a selecção masculina e o seu sucesso decididamente que nos motivou. A qualidade das equipas que batemos ao longo do percurso deixa-nos particularmente orgulhosas. Um factor crucial hoje foi que jogámos muito bem defensivamente, tal como ofensivamente, e toda a equipa trabalhou bastante para o conseguirmos. Todas as minhas raparigas empenharam-se a 100% e a vitória, na minha opinião, foi inteiramente merecida. Estou orgulhosa da minha equipa e feliz por termos conseguido vencer a prova.

Lina Magull, capitã da Alemanha
Desde o apito final que me pergunto a mim própria: 'Somos mesmo campeãs do Mundo?' Lentamente, damos conta disso. O nosso espírito de equipa foi determinante para o sucesso. Queríamos mais e mais. Merecemos a vitória.