O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Antevisão da final do Europeu de Sub-19: Espanha-Holanda

O UEFA.com faz a antevisão da final de domingo do Campeonato da Europa Feminino de Sub-19 de 2014, que colocará frente-a-frente duas selecções com palmarés distintos na prova, mas em grande forma.

Antevisão da final do Europeu de Sub-19: Espanha-Holanda
Antevisão da final do Europeu de Sub-19: Espanha-Holanda ©UEFA.com

O UEFA.com faz a antevisão da final de domingo do Campeonato da Europa Feminino de Sub-19 de 2014, que colocará frente-a-frente a Espanha, campeã em 2004, e a Holanda, estreante nestas andanças.

Espanha
A Espanha entrou nesta fase final com o pé esquerdo, ao perder por 1-0 com a República da Irlanda, mas desde então tem estado em grande. Pequenos ajustes chegaram para as espanholas somarem três vitórias seguidas por 2-0, triunfos que testemunham a qualidade de uma equipa bem equilibrada, forte em todos os sectores.

O seu seleccionador, Jorge Vilda, não necessita de apresentações, contando no seu currículo com dois títulos de campeão europeu feminino de sub-17 e uma final do Campeonato do Mundo de Sub-17, antes de assumir o leme das Sub-19. A Espanha tem já um palmarés de respeito a nível de Europeus de Sub-19: conquistou o título em 2004 e foi finalista vencida há dois anos.

Percurso até à final
FG 0-1 frente à República da Irlanda
FG 2-0 frente à Suécia
FG 2-0 frente à Inglaterra
MF 2-0 frente à Noruega

Jorge Vilda, seleccionador da Espanha
Esta é a minha sétima final como treinador principal. Vou tentar transmitir calma às minhas jogadoras. Para mim elas já são umas campeãs. É importante chegar à final e, depois, estar ao melhor nível nessa final. Quando se disputa um torneio como este há que apontar alto, mas pensar jogo a jogo. Claro que sempre sonhámos com a presença na final, mas às vezes isso não depende só de nós.

Holanda
Vivianne Miedema tem sido a grande figura da campanha holandesa, ao somar cinco golos em três jogos depois de debelar uma lesão numa virilha. A atacante do FC Bayern München vai liderar a selecção "laranja" na tentativa de escrever pela primeira vez o seu nome no troféu.

Vivianne Miedema leva já cinco golos na prova
Vivianne Miedema leva já cinco golos na prova©Sportsfile

Tal como a Espanha, a Holanda também não sofreu golos em três dos quatro jogos disputados nesta fase final. O percurso até ao jogo decisivo foi relativamente tranquilo, com várias jogadoras a crescerem de forma ao longo da prova. O "hat-trick" de Miedema frente à Irlanda, nas meias-finais, deu que falar, mas as holandesas destacam-se pelo colectivo.

Percurso até à final
FG 0-0 frente à Noruega
FG 3-2 frente à Escócia
FG 1-0 frente à Bélgica
MF 4-0 frente à República da Irlanda

André Koolhof, seleccionador da Holanda
Vai ser a minha primeira final e constitui uma forma perfeita de encerrar um grande ano para o nosso futebol feminino. Temos vindo a crescer ao longo da prova e temos em Miedema uma grande ponta-de-lança. Marcar golos é o mais importante do futebol, mas ela vai além disso e faz com que as jogadoras à sua volta sejam melhores. Esta presença na final acarreta, naturalmente, uma pressão extra tanto para as jogadoras como para nós, equipa técnica. Mas temos apenas de nos concentrar em nós mesmos.

Embates anteriores na competição
2003 FG: Espanha 1-2 Holanda
2008 Q2: Espanha 1-0 Holanda
2009 Q1: Espanha 1-1 Holanda
2010 FG: Espanha 0-2 Holanda
2011 FG: Espanha 1-1 Holanda

Siga tudo no UEFA.com, no Twitter em #WU19 e no Eurosport. Se estiver pelos lados de Oslo, apareça. A entrada é livre para os menores de 18 anos. O pontapé de saída é às 17h00 de Portugal continental.