Oito equipas prontas para brilhar na Noruega

Suécia, Inglaterra, Escócia, Espanha, Holanda, Bélgica e República da Irlanda juntam-se à anfitriã Noruega no sorteio da fase final. O UEFA.com analisa os finalistas.

O Estádio Ullevaal receberá a final de 2014
O Estádio Ullevaal receberá a final de 2014 ©Getty Images

O sorteio da fase final do Campeonato da Europa Feminino de Sub-19 realizou-se em Oslo e o UEFA.com faz uma análise às selecções finalistas, onde se encontram três anteriores campeãs e um finalista.

Bélgica
Chega à fase final pela terceira vez, depois de ter eliminado a Alemanha. Um golo a seis minutos do fim de Tinne Van Den Bergh ditou a segunda ausência das alemãs, quatro vezes campeãs, de uma fase final. Tentará ganhar pela primeira vez um jogo.

Melhor resultado: fase de grupos (2006, 2011)

Inglaterra
Pela 13ª época sob o comando de Mo Marley, a Inglaterra chegou a quatro das últimas sete fases finais e, com a França e a Alemanha ausentes, tentará repetir o triunfo de 2009. Na qualificação, as inglesas mostraram qualidade. Vice-campeãs no ano passado, podem agora atingir o topo.

Melhor resultado: campeã (2009)

Holanda
Na quinta fase final, a Holanda tentará repetir a campanha de 2010, quando chegou às meias-finais, nas quais só foi batida num desempate por penalties pela Inglaterra. No apuramento, a equipa de André Koolhof foi melhorando até à última jornada, na qual derrotou a Áustria, por 4-1.

Melhor resultado: meias-finais (2010)

Noruega
Cliente habitual das fases finais, a Noruega costuma brilhar, mas nunca foi além do segundo lugar. A equipa de Jarl Torske tem mostrado boa forma e, como anfitriã, ambiciona chegar de novo à final, tal como aconteceu na última vez em que recebeu uma grande competição, de Sub-18, em 2001.

Melhor resultado: finalista vencido (2003, 2008, 2011)

República da Irlanda
Depois de ter falhado por pouco em 2013, a Irlanda será a 25ª selecção a estrear-se em fase finais. Lesões ameaçaram a qualificação na ronda de elite, mas a equipa de Dave Connell acabou em igualdade pontual com a Holanda e passou como a melhor das segundas classificadas.

Melhor resultado: nunca se qualificou

A Escócia comemora na ronda de elite
A Escócia comemora na ronda de elite©Ivan Klindić

Escócia
Garantiu a quarta presença numa fase final em grande estilo, com 38 golos marcados na qualificação. As escocesas viajam para a Noruega confiantes de que poderão finalmente ganhar um jogo, depois de terem perdido oito em nove até agora.

Melhor resultado: fase de grupos (2005, 2008, 2010)

Espanha
Ausente no ano passado, regressa com vontade de voltar aos bons resultados. Em 2004 protagonizou um grande feito nesta competição: foi derrotada por 7-0 pela Alemanha e depois conseguiu chegar à final, na qual bateu o mesmo adversário por 2-1.

Melhor resultado: campeã (2004)

Suécia
Tornou-se na sétima selecção a conquistar o troféu, em 2012, e chega à Noruega com esperanças, depois de eliminar a campeã França na ronda de elite. Finalista vencida em 2009, tornou-se em 2012 na primeira equipa a afastar a campeã no apuramento, deixando a Alemanha fora da fase final.

Melhor resultado: campeã (2012)