Turquia e Portugal satisfeitos com empate

Taygun Erdem mostrou-se confiante em cumprir os objectivos da Turquia após o nulo com Portugal, enquanto o romeno Mirel Albon continuou pragmático apesar da derrota frente à Dinamarca.

O treinador da Turquia, Taygun Erdem
©Sportsfile

Turquia e Portugal não conseguiram marcar na estreia no Campeonato da Europa Feminino de Sub-19, mas o resultado deixou os seleccionadores Taygun Erdem e José Paisana satisfeitos com as respectivas equipas. A Dinamarca, líder do Grupo A, marcou um golo tardio frente à Roménia e o treinador vitorioso, Søren Randa-Boldt, admite ter sido necessária intervenção divina para a sua formação ganhar.

TURQUIA 0-0 PORTUGAL 
Taygun Erdem, seleccionador da Turquia
Foi um jogo muito interessante. Fizemos o nosso trabalho frente a Portugal. Analisámos bastante o adversário e tentámos encurtar os espaços. Jogámos muito bem e o que mais me agradou foi o facto de termos conseguido parar as suas jogadoras mais importantes. Agora, faltam-nos dois jogos e temos de os ganhar. Continuamos confiantes e, como nação, acreditamos sempre que podemos alcançar os nossos objectivos e cumprir a nossa missão. Filiz [İşikırık] é uma jogadora que veio do nada. É uma das mais rápidas no futebol feminino e em termos de capacidade técnica vai desenvolver-se ainda mais a cada jogo. Gostaria de felicitar o nosso adversário. Todas as minhas jogadoras são importantes e estamos unidos como equipa.

José Paisana, seleccionador de Portugal
O mais importante foi a nossa exibição. Jogámos bem e proporcionámos bons momentos. O empate foi um resultado justo. Tentámos ganhar mas tivemos pela frente uma Turquia muito organizada. Dei os parabéns às jogadoras e disse-lhes para desfrutarem do momento. Devem manter a cabeça erguida. Foi o nosso primeiro jogo na história deste torneio e lidámos com ele extremamente bem. Esta é uma equipa muito jovem e existem sempre aspectos a melhorar. Temos que se mais acutilantes no último terço do terreno e manter a posse da bola um pouco melhor. Estou muito orgulhoso de todas. Tudo aquilo que planeámos conseguimos cumprir. O empate foi justo o suficiente, pois a Turquia é uma equipa muito perigosa e organizada. O jogo foi disputado com o estado de espírito certo e foi muito competitivo.

DINAMARCA 1-0 ROMÉNIA
Mirel Daniel Albon, seleccionador da Roménia
Penso que foi um bom jogo e as raparigas estiveram muito bem. Não foi agradável sofrer um golo no último minuto, mas o futebol é assim. Espero que possamos aprender com os erros cometidos e vamos tentar fazer melhor no próximo jogo. Ainda existem dois por disputar e tenho esperança no apuramento.

Søren Randa-Boldt, seleccionador da Dinamarca 
Gostei muito deste jogo e foi excelente marcar no último minuto. Estou muito satisfeito com isso. Quando estava 0-0 aos 90 minutos, tinha quase a certeza que o jogo ia terminar empatado. Mas ainda tinha uma réstia de esperança, e com a ajuda dos deuses, a minha equipa conseguiu marcar um golo.

Topo