SSI Err 
O "site" oficial do futebol europeu

Espanha derrota Inglaterra em jogo emocionante

Publicado: Sexta-feira, 12 de Julho de 2013, 22.40CET
Inglaterra 2-3 Espanha
Um golo aos 93 minutos, após Laura Bassett ter feito o empate para Inglaterra, proporcionou à Espanha uma vitória emocionante em Linkoping.
por Paul Saffer
de Linköping Arena
Espanha derrota Inglaterra em jogo emocionante
Verónica Boquete (esquerda) celebra o golo inaugural com Elisabeth Ibarra e Ruth García ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

InglaterraEspanha

Golos marcados2
 
3
Total de tentativas7
 
15
Remates à baliza3
 
6
Remates para fora1
 
7
Remates defendidos0
 
0
nos postes0
 
0
Cantos5
 
4
Foras-de-jogo2
 
5
Cartões amarelos1
 
2
Cartões Vermelhos0
 
0
Faltas cometidas6
 
10
Faltas sofridas8
 
5

Classificação

Publicado: Sexta-feira, 12 de Julho de 2013, 22.40CET

Espanha derrota Inglaterra em jogo emocionante

Inglaterra 2-3 Espanha
Um golo aos 93 minutos, após Laura Bassett ter feito o empate para Inglaterra, proporcionou à Espanha uma vitória emocionante em Linkoping.

Um golo da suplente Alexia Putellas, aos 93 minutos, após uma cabeçada que ainda embateu na guarda-redes Karen Bardsley, permitiu à Espanha entrar a ganhar na primeira presença na fase final em 16 anos, num jogo emocionante em Linkoping.

Depois de Verónica Boquete ter dado à Espanha um início de jogo perfeito, ao marcar aos quatro minutos, Eniola Aluko apressou-se a repor a igualdade. Este início de partida eléctrico manteve-se até ao final do encontro, quando Jennifer Hermoso marcou aquele que pensava ter sido o golo da vitória, a cinco minutos dos 90, mas Laura Basset teve uma intervenção ao minuto 89 e tudo voltou à primeira forma. Contudo, a Espanha não se deixou anular e defronta a França na segunda-feira num entre as líderes do Grupo C.

Bassett fez dupla na defesa com a capitã de Inglaterra, Casey Stoney, na ausência da lesionada Sophie Bradley, e foram imediatamente colocadas sob pressão. Adriana fez um primeiro aviso numa remate sobre a barra antes de Sonia servir na perfeição Boquete e a capitã bater calmamente Bardsley.

A Inglaterra demorou apenas cinco minutos a responder.  Ainda no meio-campo, a bola chegou a Jill Scott e esta serviu Aluko numa área com muita gente para conclusão vitoriosa da atacante. Com o jogo aceso, um remate de longe de Fara Williams acabou desviado por Ainhoa Tirapu, enquanto na outra área Sonia recebeu um passe solto e enrolado e rematou em jeito para defesa acrobática de Bardsley, guarda-redes que já alinhou no Linköpings FC.

Após um primeiro quarto-de-hora de tirar a respiração, as coisas acalmaram, mas Boquete surgiu novamente a servir Adriana, embora o remate tenha acabado interceptado. Stephanie Houghton, incansável no lado esquerdo apesar da recente lesão, cruzou para o desvio de Ellen White acabar bloqueado por Ruth García.

Da direita, Marta Torrejón fez um cruzamento largo que enganou Bardsley: a guarda-redes apenas conseguiu fazer um desvio com a palma da mão e a bola sobrou para Vicky Losada rematar à queima-roupa à trave.

Com a Inglaterra a lutar pelo resultado foi, no entanto, a Espanha quem marcou, após um pontapé de canto aos 85 minutos batido por Silvia Meseguer e que encontrou pelo caminho Hermoso antes do desvio para o fundo das redes. A Espanha esteve em vantagem pela primeira vez apenas quatro minutos e conseguiu-o notavelmente outra vez.

Num canto conquistado por Rachel Yankey e batido por Anita Asante, Basset igualou num pontapé de curta distância e que parecia ter recuperado o empate para as inglesas. Mas não foi bem assim, pois já em período de descontos Adriana cruzou da direita para a cabeça de Putellas bater Bardsley, espoletando assim cenas de alegrias entre o contingente espanhol.

Última actualização: 14-07-13 0.01CET

http://pt.uefa.com/womenseuro/season=2013/matches/round=2000175/match=2010717/postmatch/report/index.html#espanha+vence+ultimo+suspiro