O "site" oficial do futebol europeu

Itália e Finlândia empatam na estreia

Publicado: Quarta-feira, 10 de Julho de 2013, 19.17CET
Itália 0-0 Finlândia
As comandadas de Antonio Cabrini dominaram a maior parte do encontro, mas não foram além do nulo no encontro de abertura da prova.
por Sam Crompton
de Örjans Vall
Itália e Finlândia empatam na estreia
A italiana Melania Gabbiadini exibe a sua desilusão ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

ItáliaFinlândia

Golos marcados0
 
0
Total de tentativas15
 
3
Remates à baliza4
 
0
Remates para fora6
 
3
Remates defendidos0
 
0
nos postes0
 
0
Cantos1
 
1
Foras-de-jogo2
 
1
Cartões amarelos1
 
3
Cartões Vermelhos0
 
0
Faltas cometidas9
 
16
Faltas sofridas16
 
8

Classificação

Última actualização: 12/02/2015 15:15 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Publicado: Quarta-feira, 10 de Julho de 2013, 19.17CET

Itália e Finlândia empatam na estreia

Itália 0-0 Finlândia
As comandadas de Antonio Cabrini dominaram a maior parte do encontro, mas não foram além do nulo no encontro de abertura da prova.

A Itália mostrou-se empenhada e dominadora, mas, apesar disso, não foi além do nulo ante a Finlândia, na partida de estreia do UEFA Women's EURO 2013, disputada em Örjans Vall.

A reputação das italianas de serem uma equipa forte na defesa – fruto de uma fase de apuramento em que não sofreram golos – poderia ser colocada em dúvida na partida, fruto da notícia do começo do dia que a influente Elisabetta Tona não iria participar na prova, devido a lesão. Apesar das alterações no sector recuado, as transalpinas mantiveram-se coesas, mas pouco eficazes no ataque, incapazes de materializar o seu maior ascendente.

Alicerçadas num futebol apoiado e paciente, a Itália cedo mostrou ao que vinha, com Elisa Camporese a soltar Alice Parisi, que, à segunda, atirou por cima. A arrancada de Melania Gabbiadini e posterior remate começou a colocar em sobressalto a enorme falange finlandesa na bancada, mas a guardiã Tinja-Riikka Korpela mostrou-se à altura.

As comandadas de Andrée Jeglertz faziam o que podiam para parar as enérgicas adversárias, que quase marcaram no minuto 20. Um livre de laboratório semeou o pânico na área finlandesa, mas a destinatária do lance, Gabbiadini, atirou à figura de Korpela num lance em que deveria ter feito melhor. A perigosa avançada voltou a estar perto do golo logo a seguir, mas o seu colocado remate passou muito perto do alvo, depois de um grande passe de Patrizia Panico.

A Finlândia voltou com outra dinâmica depois do intervalo, enquanto a Itália manteve o seu jogo, sustentado nas constantes trocas de bola. A enérgica extrema Alessia Tuttino fez a bola passar perto da linha de golo para frustração das colegas que esperavam para finalizar, com Parisi e Gabbiadini, a criarem, também, lances perigosos.

As pupilas de Antonio Cabrini continuavam por cima, mas o golo não surgia. Panico falhou o remate quando estava em boa posição, com Gabbiadini a centrar com perigo, mas nenhuma colega sua surgiu ao segundo poste para finalizar. Com as italianas a entrarem em desespero, as finlandesas tentaram a sua sorte, com Nora Heroum a combinar muito bem com a entrada Jaana Lyytikäinen, mas disparou por cima.

Numa das poucas ocasiões em que as escandinavas foram apanhadas descompensadas na defesa Tuttino ia aproveitando, mas o colocado remate da centrocampista foi parado por Korpela. A Finlândia logrou resistir e conquistou um nulo em Halmstad.

Última actualização: 12-07-13 0.05CET

http://pt.uefa.com/womenseuro/season=2013/matches/round=2000175/match=2010713/postmatch/report/index.html#italia+empata+estreia