O "site" oficial do futebol europeu

1984: Suécia prevalece

Publicado: domingo, 27 de Maio de 1984, 8.54CET
Com o sorteio do WOMEN'S EURO 2005 cada vez mais perto, o uefa.com recorda o triunfo da Suécia no primeiro Europeu que teve lugar em 1984.
por Paul Saffer
1984: Suécia prevalece
Kenilworth Road, em Luton, foi o palco da segunda mão da primeira final ©Getty Images
SSI Err
Publicado: domingo, 27 de Maio de 1984, 8.54CET

1984: Suécia prevalece

Com o sorteio do WOMEN'S EURO 2005 cada vez mais perto, o uefa.com recorda o triunfo da Suécia no primeiro Europeu que teve lugar em 1984.

Embora a Itália tenha organizado, sem estatuto oficial, uma Taça Europeia das Nações para senhoras em 1969 e 1979, que foram vencidas pelas anfitriãs e pela Dinamarca, o primeiro campeonato sob os auspícios da UEFA teve lugar apenas em 1982-84.

Com a designação Competição Europeia do Futebol Feminino, sendo necessária a participação de metade dos membros da UEFA para ganhar estatuto oficial, a competição com 16 equipas começou com um jogo da fase de grupos entre a Finlândia e a Suécia, em Vammala, a 18 de Agosto de 1982, tendo as visitantes vencido por 6-0. Com quatro grupos de quatro equipas, em que somente os vencedores conseguiam o apuramento, a Suécia venceu facilmente o Grupo 1 com seis vitórias em outros tantos jogos, enquanto que a Inglaterra dominou o grupo 2, marcando 24 golos e sofrendo apenas um num grupo que tinha quatro equipas das ilhas britânicas.

A França entrou no Grupo 3 a surpreender a Itália por 1-0, mas as "Azzurre" recuperaram e com cinco vitórias consecutivas conseguiram o apuramento. No Grupo 4, a Dinamarca bateu a Holanda por 2-0 no último jogo, vencendo um agrupamento muito disputado onde estavam ainda a República Federal da Alemanha e a Bélgica, que também sonharam com o apuramento até à última jornada.

Ao contrário do que aconteceria nos anos seguintes, o campeonato foi decidido em meias-finais jogadas a duas mãos, e numa final que seria disputada nos mesmos moldes. A Inglaterra conseguiu o apuramento ao vencer a Dinamarca por 2-1, em Crewe, e por 1-0 em Hjorring. A Suécia seguiu em frente ao vencer por 3-2 em Roma, frente a 10,000 espectadores, e por 2-1 em Linkoping, com as italianas a serem afastadas com 5-3 no conjunto das duas mãos.

Gotemburgo foi o palco da primeira mão da final, a 21 de Maio de 1984, e a grande Pia Sundhage, mais tarde considerada a sexta melhor futebolista do século numa eleição da FIFA, marcou o único golo que deu a vitória à Suécia. Seis dias depois, a segunda mão foi muito dura, com o presidente da UEFA, Lennart Johansson, a recordar que o jogo "foi disputado sob condições meteorológicas muito más em Luton".

A Inglaterra não perdeu a calma e Linda Curl fez o golo que levou o jogo para prolongamento, apesar da Suécia ter ainda enviado uma bola ao poste. Nenhuma das equipas conseguiu voltar a marcar, o que obrigou ao desempate através da marcação de grandes penalidades. Depois da guarda-redes da Suécia, Elisabeth "Lappen" Leidinge, ter defendido um remate das inglesas, coube a Sundhage, cuja carreira internacional tinha começado em 1975 e durou até 1996, fazer o golo da vitória. Ela recorda: "Fiz o último remate. Ganhámos a final. Foi um sucesso maravilhoso".

Última actualização: 28-09-14 3.11CET

https://pt.uefa.com/womenseuro/season=1984/overview/index.html#1984+suecia+prevalece